Ah, aquela montanha-russa chamada relacionamento a dois…;)


Eu ia escrever o que acho a respeito de algumas dessas questões, mas, pensando melhor…bah, tantos já escreveram tantas coisas, para quê ser redundante? Então deixo aqui textos que considerei interessantes sobre o tema (notem: eu disse INTERESSANTES, não disse que concordo com eles, ou que discordo). Aproveito para colar também os comentários dos leitores de tais textos, pois muitos são, também, igualmente interessantes (de novo: não quer dizer que concorde 100% nem que discorde 100% deles). Só vou dizer o seguinte: sou contra joguinhos, manipulações e receitinhas quando se trata de relacionamento entre dois seres humanos. BOBAGEM das grossas essa coisa de dizer que não pode criar expectativa. BOBAGEM dizer que não pode demonstrar carinho, nem se deixar envolver, e nem ser o primeiro a dizer “te amo”. BOBAGEM fingir que não está a fim. BOBAGEM das maiores achar que se trata de poder!!!! BOBAGEM maior ainda achar que maltratar alguém é garantia de amor ou devoção ou qualquer outra coisa boa (é garantia de coisa ruim, só).

Todos vieram do Diário de Solteiro e do Papo de Homem

O que as mulheres realmente querem?

Publicado por Leitor em 19 janeiro, 2012

Por Carlos

Há cerca de 2 anos estou nessa “solteirice ambulante”, conquistando pessoas, sendo conquistado e – infelizmente – se decepcionando!

A última de minhas “aventuras” se passou com uma garota que conheci na faculdade por meio de um amigo em comum. Não fomos diretamente apresentados, mas rapidamente começamos a conversar. Depois de uns 2 ou 3 encontros casuais pelos corredores, acabamos por trocar telefone. E a medida que o tempo passava fomos nos conhecendo. Ela era linda, tímida, esforçada. Acabamos por ficar juntos durante uns 6 meses e começamos a namorar, saiamos bastante e comecei a vê-la frequentemente e me apaixonando perdidamente.

Sentia no início que o sentimento era recíproco, conversávamos sobre tudo, nos dávamos bem em todos os aspectos, algumas brigas não muito relevantes, que fazem parte de quaisquer relacionamentos, mas no final nos dávamos muito bem, desde uma simples conversa até o rala e rola na cama.

Com o tempo senti um certo distanciamento dar parte dela. Algumas amigas dela chegavam em mim e diziam: “Para de fazer isso, você sempre dá atenção, está sempre presente, dá pra ver em seus olhos que você é apaixonado e nem sempre a coisa é recíproca”. Eu não assimilava nada disso, simplesmente – para nós homens – quando se gosta, a gente preocupa, cuida, é carinhoso e atencioso de forma proporcional ao nosso sentimento.

Mas enfim, ela começou a se distanciar a ponto de arrumar 1001 desculpas para não sairmos mais, começou a inventar que estava cansada todos os dias e que não tinha tempo para nada (sendo que estávamos de férias da faculdade e do trabalho). Passamos a nos falar todos os dias, mas apenas por telefone, de forma que um certo dia fui até a casa dela para saber o que estava acontecendo. E ela simplesmente disse : “Eu te adoro, mas estou muito ocupada e não consigo te dar atenção, você merece mais do que isso, é melhor terminarmos por aqui!”.

Fiquei decepcionado e com uma interrogação na cabeça: “MAS POR QUE?? O que eu fiz de errado? O que ela queria que eu tivesse feito?”. Com certeza era algo comigo e ela usou apenas uma desculpa pra terminarmos. [Nota da equipe DdS: nossa, Carlos, como você é esperto! hahaha]

Algumas semanas depois em um bar conversando com um amigo meu que tinha passado por uma situação parecida, concluimos algumas coisas. Nem sempre se deve dar atenção ou estar disponível para a mulher, obvio que não se deve bancar o cretino, mas será muito eficiente se conseguirmos plantar uma incerteza no relacionamento, seja não estando disponível algumas vezes, desmarcando encontros algumas horas antes, sem um motivo aparentemente importante. Ou seja , quer conquistar? Saiba ignorá-la, não a ponto da garota não se sentir importante, mas apenas para não deixá-la acomodada e mal acostumada.

As mulheres dizem que tudo o que é fácil não tem graça. Se atente a isso, pois se estiver sempre presente, dando carinho e atenção e se preocupando, você se tornará o cara fácil, bobo e sem graça. E o que acontece depois disso? Você perde a vez para o primeiro cretino cafajeste aventureiro que aparecer na frente dela.

Algum discorda de mim? :D

Comentários do Post

  1. Aline Caruso comentou no dia 19/jan/2012 às 12:29 am@Carlos Acho engraçado o fato de você generalizar e achar que não deve dar mais tanta atenção e desmarcar encontros com suas próximas pretendentes ou namoradas para que dê certo. Afinal, nem toda mulher é igual sua ex! O papo de que deve agir assim com a mulher é assim e com homem de outro jeito… é totalmente errado, pq cada pessoa gosta de ser tratada de forma diferente. Deu certo por um tempo vc msm disse! Bola pra frente, vai aparecer alguém que queira realmente estar com vc… Se ame, curta mt a vida e seja feliz, que aparece logo logo! Eu acredito nisso e procuro agir assim. Bjo e boa sorte no Amor! =)
  2. Maicon comentou no dia 19/jan/2012 às 12:46 amCarlos,
    Já escutei algumas histórias parecidas com a sua. Primeiro ponto que não concordo com você, não generalize “– para nós homens – quando se gosta, a gente preocupa, cuida, é carinhoso e atencioso de forma proporcional ao nosso sentimento.”, nunca, em nenhum sentido fale de forma geral, mude seu jeito de falar ou se referia, na maioria dos casos, maior parte das pessoas, grande parte… mas não faça todos farinha do mesmo saco ou iguais.
    Ficou muito claro que foi algo que você fez ou deixou de fazer o real motivo para sua namorada lhe dar o famoso pé-na-bunda. Realmente não gosto muito dessa história de ignorar a mulher, desmarcar encontro minutos antes, não estar sempre disponível entre outros. O que realmente isso iria melhorar em seu relacionamento? Esse tipo de joguinho se faz naquela fase da paquera, da conquista… em que você está a fim, mas não quer mostrar quão a fim vc está, o clássico Quem desdenha quer comprar. Mas no seu caso de namoro há seis meses não era o caso e acho que mesmo se tu tivesse feito isso não daria resultado diferente.
    Realmente seu texto não dá mais informações onde poderia estar o real motivo para o término do seu relacionamento, mas não fique encabulado, mulher é bicho de lua mesmo. Rsrsrs
    Brincadeiras a parte não mude seu comportamento, não banque o idiota com atitudes que não lhe acrescentam em nada. Se você achar que algo não está indo bem no seu relacionamento converse, pergunte, escute sua namorada! Comunicação é a chave para 99,999% dos problemas em casal!
    Boa sorte pra vc! Grande abraço =)
  3. leandro 10 comentou no dia 19/jan/2012 às 12:56 amamigao, o meu ultimo relacionamento aconteceu exatamente o que vc relatou. Estava tudo bem, e do nada ela começou se afastar, ate terminarmos… Tem mulheres que não gostam de muito carinho, atenção, dedicação, romantismo… dizem que isso e ser meloso, pegajoso!!! preferem homens mais “ocupados”, que não tem tanto tempo assim para se dedicar, estar presente, dar atenção, carinho, amor… isso faz com que realmente elas tenham que lutar para conseguir, o que torna esse homem mais valorizado… INFELIZMENTE, o romantismo esta em baixa!!!! Porem, homens romanticos como eu, vc e outros tantos. que se entrega, se dedica, esta sempre presente disposto a ajudar, dar amor, carinho, atenção, compreende…. não podemos deixar de ser assim, so porqur algumas mulheres nos magoaram…(ate hoje não vi nenhuma mulher que trocou um homem com todos estes valores por aventuras, se darem bem na vida, sempre se feram em relacionamentos futuros e depois ficam se lamentando por ter deixado escapar aquele “bobo” romantico. tenho 3 amigas que passaram por isso e se lamentam até hoje).pois encontrar um homem assim hoje em dia esta muito dificil. Como tbem existem milhoes de mulheres que dariam tudo para ter um homem com esses valores ao lado delas. entao meu querido, continue com esses valores, (tratando as mulheres da forma que elas merecerem. se ela merecer ser tratada como uma rainha, trate-a, sem ter medo de que por causa disso ela vai te deixar…), pois um dia vc vai encontrar alguem que merecera todos os seus valores, e ira retribuir a altura…
    boa sorte!!!
  4. Rodrigo Almeida comentou no dia 19/jan/2012 às 1:40 amrelamente, estar disponivel demais comprova que você não tem o que fazer a não ser dar atenção a sua namorada……….Na vida existem também os amigos, a familia, o trabalho, os hobbys o ócio, a preguiça e isso ocupa muito o tempo .Se algo ocupa muito o seu tempo e sua mente, é tempo de mudar. Pode ser um vício, uma mulher, um seriado, PES2012, qualquer coisa.
  5. Maya comentou no dia 19/jan/2012 às 5:47 amNota da equipe DdS = Nota do querido Boss destruidor da ilusão alheira, também conhecido com Felipe Gomes. :P

    Querido Carlos, todos os seres humanos (e os bichos também) gostam de ser bem tratados. Se me ignorar, desmarcar, for indiferente é adeus, sem volta. E isso se repete com quem tem amor próprio e boa saude mental. O que concordo é que você não deve viver em função da mulher ( nem de ninguém, nem de algo). Equilibro! É muito ruim perceber que tem alguém ali vivendo e morrendo por você, é muita carga ser a unica razão e responsavel pela felicidade de alguém. Não há quem aguente, a pessoa foge. Se eu não consigo me fazer feliz o tempo todo, imagina fazer isso por outra pessoa. Quem dá muito, cobra mais ainda. Alguém cobrando atenção o tempo todo, adiciona mais carga, e de novo, a pessoa foge. Não por medo, mas porque cansa. Só de pensar numa relação assim, já me sinto cansada. rs
    – Dicas&cliches:
    Tenha vida própria. Repetindo o que o @Rodrigo disse. Seus hobbys, seus amigos, sua diversão – sua vida. Aí não vai ter tempo pra fazer da sua parceira razão da sua existencia, nem pra cobrar a atenção (que voce acha que ela deveria te dar). Você está de bem com você e encontrou alguém pra somar a essa sua vida. Sem joguinhos, seja honesto em suas atitudes. Ignorar (e todas as dicas que teu amigo deu) só vai atrair mulher maluca pra você, é sério. Aquelas já desequilibradas emocionalmente que estão doidas pra encontrar mais um problema para uma vida conturbada.
  6. Casey comentou no dia 19/jan/2012 às 8:29 amBem, já passei por situações parecidas, bem recentemente até.
    Todo mundo pode dizer o contrário mas fica bem claro que se você realmente quer preservar o interesse da mulher você precisa ter algumas atitudes de cafajeste de tempos em tempos.Roissy já expôs isso muito bem no seu artigo:
    http://heartiste.wordpress.com/the-sixteen-commandments-of-poon/E o tópico III se aplica muito bem nesse caso:
    “III. You shall make your mission, not your woman, your priority”
  7.  comentou no dia 19/jan/2012 às 8:45 amÉ Carlos, eu passo por uma situação exatamente como a sua. E olha que eu nem sou de dar tanta atenção assim. Mas de repente os rapazes somem. Do nada. E dizem que eu me envolvi de mais. Eu acho que a questão aqui é muito mais profunda do q “o q as mulheres querem”. É o que o ser humano quer, pq tanto homens qto mulheres não sabem o q querem. Ninguém quer se apegar.
    Mas eu me fio à teoria do ‘eu já fui traumatizado antes”. Essas pessoas, q passaram por relacionamentos q deixam marca e estragam a capacidade de confiar em qualquer outra pessoa. Por mais q ela demonstre carinho, atenção, etc. Sinceramente, acho q faço parte desse time. Aí eu realmente te digo: eu não sei o q eu quero! rsrs
    A questão toda é deixar o barco fluir. Cada experiência é uma experiência, pq cada pessoa, é uma pessoa. Não dá pra generalizar. Go with the flow.
  8. Dayana comentou no dia 19/jan/2012 às 10:54 amNota da equipe DdS = Nota do querido Boss destruidor da ilusão alheira, também conhecido com Felipe Gomes. [2] :D
  9. Lucas comentou no dia 19/jan/2012 às 11:26 amNa minha opinião você sufocou a moça. Acho que você cometeu um grave erro ao não mudar de atitude quando as amigas dela vieram te dar uma dica e falar pra não dar tanta atenção. Essa “dica” geralmente é dada pela própria namorada através das amigas.
    .
    Desculpe amigo, mas não generalize falando que todos os homens fazem isso quando amam. Na minha opinião fazer isso é a receita para o desastre em qualquer relacionamento.
    .
    Não precisa ignorar ninguém ou tratar mal para passar uma imagem de desapegado. É só não ser 100% disponível todo o tempo e colocar a parceira em um pedestal. Realmente, tudo o que é fácil perde a graça fácil. Depois que a batalho está ganha, a gente procura a próxima.
  10. Felipe Gomes comentou no dia 19/jan/2012 às 11:45 am@Maya e @Dayana Não me comprometam. Eu não sei de nada!
  11. Tulypa comentou no dia 19/jan/2012 às 12:07 pmOlha, lá pelos idos dos meus 15 anos estava numa dúvida atroz ( exagero de adolescente que não tem muito com oque se preocupar ne …) que não me deixava nem comer direito; era a respeito de ter que fazer uma escolha sobre qual rapaz namorar e como saber se eu estaria fazendo a escolha certa e de preferencia sem magoar ninguem.
    Então do nada encontrei com um senhor que era na época o farmacêutico mais idoso e experiente da minha cidade….na rua mesmo ele me abraçou, pois me conhecia desde bebê e no meu ouvido sem nem eu mesma perguntar nada ele me disse bem baixinho ” Não se preocupe que voce não está fazendo nada errado , pois a palavra namoro significa escolha..e voce tem todo o tempo do mundo para errar e acertar !”
    Nunca me esqueci disso e sempre quando vejo alguem sofrendo por causa de situaçõe que os relacionamentos trazem para todos nós, passo a frente o mesmo conselho sábio que um dia e na hora certa eu recebi.
    Acredito que reconhecemos a pessoa certa para cada um de nós quando percebemos um equilibrio entre as afinidades e diferenças, só que normalmente focamos mais nas afinidades e achamos que com o tempo as diferenças se tornarão ínfimas a ponto de não fazerem muita diferença no relacionamento. Só que muitas das vezes esses pontos negativos crescem fora do nosso controle e quando damos pelo problema, não há mais o que fazer. Posso citar o exemplo do ciúme que logo da seu ar da graça…é até bonitinho bem dosado e é até considerado como um tempero do amor, mas se percebermos que ele está tomando espaço na relaçaõ é hora de pensar seriamente no assunto, e não fazer como muitos fazem; simplesmente aceitam a pressão mudando seus hábitos só para fazer o outro feliz. Isso não funciona por muito tempo !
    No tocante a atenção exagerada, acho que se um dos lados demonstrar com sinceridade que está se sentindo invadida em sua individualidade o melhor é sempre conversar e dar uma chance para o relacionamente dar certo, pois o dialogo deve se fazer presente quando algo não vai bem e não devemos nunca fechar os olhos aos sinais que surgem, procurando encará-los de frente .
  12. leandro 10 comentou no dia 19/jan/2012 às 1:21 pmHoje em dia, as pessoas querem ter um relacionamento serio e continuar levando a vida de solteiro que tinha antes. e não e bem assim que as coisas funcionam, existem mudanças, podemos nos adaptar ou nem entrar em um relacionamento serio… Se eu colocar todas as minhas atividades que tenho durante a semana, pode ter certeza que não vou ter tempo pra nenhuma mulher, nem nos finais de semana… mais nem por isso no meu ultimo relacionamento deixei minha ex de lado… sempre ligava, mandava uma mgem, perguntava como estava, se precisava de alguma coisa… deixei de fazer muitas coisas no final de semana para podermos viajar, passear, estar junto… isso e ser meloso?? claro que não, isso e não ser egoista, pensar so em mim, e nos meus sonhos e projetos pessoais. mais tbem pensar na pessoa que esta ao seu lado…. Como que uma pessoa que vc ama, te liga qualquer hora do dia ou da noite te pedindo atenção ou ajuda e vc simplismente não vai estar disponivel pra ajuda-la?? IMPOSSIVEL!!!! isso e cascata… quando vc ama, vc quer esta junto, conta os minutos para chegar o final de semana, faz de tudo pra ajudar… se vc não faz isso por alguem, simplismente vc não ama essa pessoa. e fica fazendo joguinho com os sentimentos dela… quando o seu par fizer algo que antes vc adorava e hoje apenas te deixa com raiva, e porque não o ama mais como antes!!!! enquantos o ser humano entrar em uma relação com medo de se entregar e ficar fazendo joguinho,, não vai ter nenhuma chance de esse relacionamento dar certo…. vai virar estatistica e esperiencia… um amor solido e verdadeiro que e bom, isso nunca o tera. tudo por causa do MEDO!!!!
  13. Camila comentou no dia 19/jan/2012 às 5:26 pm@Leandro10, acompanho o diário de solteiro todos os dias, mas nunca tinha comentado. Esse seu comentário foi sensacional! “enquantos o ser humano entrar em uma relação com medo de se entregar e ficar fazendo joguinho,, não vai ter nenhuma chance de esse relacionamento dar certo…. vai virar estatistica e esperiencia… um amor solido e verdadeiro que e bom, isso nunca o tera. tudo por causa do MEDO!”
    Concordo plenamente! Parabéns pelo comentário :)
  14. Gabi comentou no dia 19/jan/2012 às 6:09 pmE é recíproco. Homem qnd tá com uma mulher “boazinha” demais… enjoa rapidinho.
  15. Gustavo comentou no dia 19/jan/2012 às 7:36 pmEssa de ignorar mulher eu concordo. Gostar, demonstrar que está apaixonado a mulher cai fora mesmo e pior que até hoje tento encontrar uma resposta pra esse comportamento das mulheres de ignorar que gosta dela e demonstra isso. Agora falando do assunto acho que a menina enjoou de você, pegou repugnância. Me pareceu que você deixou ela sufocada, as próprias amigas dela te falaram isso. Desculpa cara mas você tem culpa no cartório rsrsrsrs. O erro dela foi não explicar o porque de terminar mas acredito que ela também devia ter medo de explicar o real motivo e você implorar, mudar pra tentar voltar com ela. Fazer o que né, essa você perdeu cara, bora pra outras que virão.
    Abraço.
  16. leandro 10 comentou no dia 19/jan/2012 às 7:52 pmQuerida gabi, não podemos generalizar. Eu por exemplo adoro mulheres “boazinhas”, aquela que cuida, se preocupa, da amor, carinho, se dedica a relação, não tem medo de dizer o que sente. e vc pode ter certeza que de uma mulher assim eu nunca vou enjoar… Assim como eu, existem muitos homem que também gostariam de ter uma mulher assim… Infelizmente, é dificil de encontrar uma pessoa que nos agrade e ao mesmo tempo agradamos a ela… mais não podemos mudar nossa personalidade, nosso jeito de ser, só porque a sociedade implantou que o romantismo esta em baixa, se a pessoa se dedica, se entrega, ama, compreende, da amor, carinho e etc. Essa pessoa é melosa, pegajosa!!! Sinceramente, eu quero ao meu lado, uma mulher que me trate como um rei, pois eu sempre tratei minhas ex como uma rainha(sempre quebrei a cara), porém, vai chegar a hora que vai aparecer aquela, que adora minhas virtudes, que pra muitas mulheres são defeitos… EQUILIBRIO, é muito facil falar, quantos relacionamentos que abas as partes tem equilibrio e o relacionamento não acaba? e não são poucos os casos não hem!!!! tudo vem do amar, do querer estar junto. Amar é decisão, vc decide amar alguem e pronto… é se entregar sem limites, fazer loucuras sem pensar nas consequências… Como é bom amar!!! temos que aprender a se dedicar a tudo com a mesma intensidade, procurando sempre a excelência… no trabalho, no lazer, nos estudos, a nossa familia e tbem a pessoa que esta conosco, não podemos dar prioridade a um e esquecer do outro. E infelizmente as pessoas estão deixando de lado o namoro, noivado, casamento por coisas que só no futuro teram a resposta, e quase sempre ela e negativa… pense nisso!!!querida camila, muito obrigado pelo elogio!!! bjos
  17. Emanuele comentou no dia 19/jan/2012 às 9:07 pmGente, sinceramente odeio joguinhos, se quer quer, caso contrário diz na cara e pronto. Não precisa fazer doce pra ninguém e, sinceramente, isso é o que mais atrapalha todo e qualquer relacionamento. Quer algo mais simples do que demonstrar que está com vontade de ficar com aquela pessoa? Corra o risco de parecer piegas, mas não fique fazendo pose e fazendo joguinhos.
  18. juliana comentou no dia 19/jan/2012 às 9:41 pmFelipe Gomes,por favor,publica meu texto o mais rápido que der,estou precisando bastante dessa ajudinha do amigos daqui.:)
  19. Dimadal comentou no dia 20/jan/2012 às 1:17 pmPra mim esse negócio de desmarcar encontros em cima da hora, ignorá-la, é tudo joguinho.
    Seja feliz e compartilhe da sua felicidade com a próxima.
    Mas não faça dela o seu principal motivo de felicidade. O seu apego ou seu ursinho de pelúcia.
    Ela percebendo isso, tudo será natural e honesto. E a chance de dar certo será maior.
  20. @Ntllia comentou no dia 20/jan/2012 às 2:35 pmAssino embaixo! Não é só mulheres que se comportam assim, homens também…
    Perdeu a graça e ela ficou de saco cheio…
  21. Roger comentou no dia 29/jan/2012 às 8:16 amCara, passo por isso neste momento em meu relacionamento, acho que por sorte descobri à tempo q estou sendo atencioso demais com minha namorada e vou me distanciar um pouco, as vezes a gente acha q está agradando sendo “grudento” demais e isso é um erro. Vlw
  22. Mulher cafajeste comentou no dia 30/jan/2012 às 11:03 pmÉ triste, mas a realidade é que as pessoas se apegam aos desafios, áquilo que está difícil. Portanto, um joguinho se faz essencial pra conservar o fogo.&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

    A história é sempre a mesma

    Publicado por Leitora em 24 janeiro, 2012

    Por Fernanda Goldzveig

    Conheço um carinha. Ele é simpático. E por enquanto ele é somente isso: simpático. Eu converso como converso com qualquer pessoa (porque eu também sou simpática!). Ok, temos alguns interesses em comum. Às vezes ele me pede o telefone. Os mais antenados o MSN. Mas o normal, nos dias de hoje, é adicionar no Facebook (Obs: Acho lamentável, sou de uma época em que ainda prefiro falar pelo telefone, a Internet é muito impessoal).

    E aí começam as conversinhas pelos chats. Papo vai papo vem. Mais interesses em comum descobertos. Mas por enquanto o carinha é só simpático e legal. Aí ele me chama pra sair. Eu enrolo. Não é proposital e nem é joguinho, juro. Eu sou totalmente contra jogos. Mas é que eu não gosto de dar falsas esperanças a alguém. E eu tenho que me convencer de que, sei lá, pode ser legal sair com ele e não necessariamente precisa acontecer alguma coisa.

    A gente sai. Teatro, cinema, restaurante, barzinho. A gente conversa. Ok, o carinha é bem interessante e bonitinho. A gente fica. E eu passo a começar a enxergá-lo de modo diferente. Até aqui, ele continua me procurando. E a gente sai de novo.

    E eu começo a me envolver, porque não existe mulher que não se envolva com um cara que ela já saiu pelo menos umas três vezes. E entendam: não quer dizer “nossa, eu quero casar com esse cara e ter filhos com ele”. Não gente, é só uma vontade maior de se encontrar, de se ver… Poxa, natural, até porque ele vinha demonstrando bastante interesse em mim.

    Aí as procuras dele por mim começam a diminuir. E eu passo a procurar mais, a sempre ter a iniciativa, a chamar pra conversar no MSN, a dar indiretas pra saber quando vou vê-lo de novo (porque eu não sou de me convidar pra nada). Quando percebo, já estou envolvida dos pés a cabeça. Mas ele não. Perceber isso é algo que me dói. Porque é sempre isso: eu estava quieta no meu canto, não querendo nada com ninguém. Aí me atormentam a vida até eu sair e ficar com ele. E depois puft? Depois de todo o trabalho que ele teve? Então a decepção toma conta de mim.

    Duas coisas:

    Primeira – Os rapazes devem achar que eu tenho cara de alguém que não quer compromisso e só quer diversão, o que não é verdade. O que me faz pensar o que eu tenho feito de errado pra mandar esse sinal.

    Segunda – Já me decepcionei tantas vezes ao longo da vida que cada vez a decepção passa mais rápido. O problema é que ela passa e todo esse ciclo vicioso se inicia novamente. Eu conheço outro carinha que faz exatamente as mesmas coisas, e me ferro de novo.

    Queria saber quando isso vai acabar. Quero romper esse ciclo e não sei como.

    Ideias? :D

    Comentários do Post

    1.  comentou no dia 24/jan/2012 às 6:56 amPoxa, 2 textos seguidos? :)
    2. Simone comentou no dia 24/jan/2012 às 9:08 amBem-vinda ao time! Também “emito o sinal errado” e não sei nem porquê! Mas minhas love stories têm sido bem iguaizinhas às suas! E quando terminam (quando chega a hora do puft) sempre tem alguém pra me dizer: quando vc parar de procurar encontra alguém legal! E eu sempre respondendo: quem disse que tô procurando?! rsrs
    3. Julia Maria comentou no dia 24/jan/2012 às 9:16 am@Simone ia falar a mesma coisa, é a famosa frase “Quando você menos esperar” infelizmente é assim mesmo, quando menos esperamos aparece alguem, nos conquistam e de uma hora para outra PUFT (gostei desse momento Puft,me lembra desenho animado tipo bola de fumaça rsss). Mas @Fe é assim mesmo , saia com um cara 3 meses, estava super empenhada e do nada ele simplesmente “puft” sofri, chorei, dps de 4 meses sem ve-lo fui fraca e acabei dormindo com ele e ele sumiu lindamente chorei horrores, mas isso passa! Tudo na vida passa, até a uva passa né! Brincadeiras a partes, mas homens são assim mesmo, cutucam e depois não querem mais! Faz parte infelizmente a vida é um jogo, basta sabermos jogar sem nos machucarmos!! Beijos!!!
    4.  comentou no dia 24/jan/2012 às 9:23 amA @Simone falou a mesmíssima coisa q eu penso: “não é uma questão de qdo menos esperar vc acha”. Pq eu não tô procurando! rsrs. Eles é q vêm até mim, aí eu acabo me envolvendo sem eu querer. Mas é isso mesmo, faz parte da vida!
    5. Isoldinha comentou no dia 24/jan/2012 às 9:43 amBom meninas, Vocês conhecem o carinha, ele é legal e simpático e blá, blá, blá. Começam a ficar, vocês começam a se envolver…e o carinha #Puft, também adorei o momento #puft!
      Aí vocês acham que enviaram o sinal errado… talvez sim, talvez não.
      Lá no ínicio vocês procuraram saber o interesse do rapaz simpático? De repente o cara não queria se envolver, tazvez estivesse só surtindo bons momentos e só. Tem gente que não quer ou não esta preparado para se envolver, e quando o cara passa a procurar menos e vocês mais, assusta. O momento em que o cara procura vocês menos é o momento de vocês fazerem #puft, se o cara em questão estiver afim mesmo, ele irá atrás de vocês. E se ele não for, é por que não era pra ser.
      O jogo consiste em fazer eles pensarem que não estamos nem aí para eles… é idiota, eu sei, mas é a realidade.
      Espero ter ajudado.Se alguém aqui lê o meu blog, vai achar que pirei, pois lá eu sempre prego o amor…mas ás vezes o amor mesmo, só vem depois de vários #pufts na vida da gente. :pBeijão e um ótimo dia!
    6. Rodrigo comentou no dia 24/jan/2012 às 9:51 amPorque é assim a vida: não há como ser tão verdadeiro e se entregar tanto. É importante ter muita certeza das coisas. Pense… sinta… mas não se entregue.
    7. Grayce Kelly Plin Plin comentou no dia 24/jan/2012 às 10:33 amPense… sinta… mas não se entregue. [2]
      Parece que para eles a “graça” da conquista acaba junto com o desafio de ter a pessoa.
    8. Viviane Mclean comentou no dia 24/jan/2012 às 10:44 am1 – Segura a onda e se esforce para não se entregar;
      2 – Não demonstre tudo o que você sente, não corra atrás. Isso ainda assusta os caras;
      3 – Não crie qualquer expectativa sobre qualquer coisa ou pessoa porque a chance de você se decepcionar é enorme. As pessoas pensam e agem de forma totalmente diferente umas das outras. Não se iluda com isso de “temos várias coisas em comum” porque isso é o superficial do lance todo.Resumindo: Fica mais na sua e deixa o barco navegar.É chato fazer tudo isso? Não viver com tanta intensidade? É! Mas é o segredo pra você viver tranquila e o tombo ser menor se der alguma merda. Experiência própria ;)Beijão e boa sorte nas próximas.
    9. Biia comentou no dia 24/jan/2012 às 11:50 am“Não crie qualquer expectativa sobre qualquer coisa ou pessoa porque a chance de você se decepcionar é enorme” @Viviane Mclean falo tudo, eu super penso assim, maissss, nem smp consigo agir dessa forma, não criar espectativas é muito dificil quando a pessoa com qm vc está se relacionando vem muito atraz, te fala coisinhas lindas e tal.. qnd a gnt v a espectativa ja tah grande e a pessoa começando a não te dar mais moral.. rs
    10. Biia comentou no dia 24/jan/2012 às 11:52 amAhh falando do texo, a parte do “puft” é a mais foda neh.. pq será q sempre acontece?! E será q um dia vei existir um “puft” bom, onde o cara ao invez de desaparecer se apaixone tbm? rs
    11. Izael comentou no dia 24/jan/2012 às 12:59 pmO ”puft”, kkkkkkkkkkkkk, muito bom , agora gente estão esquecendo que essa hora pode ser umas das melhores horas, em todo o momento da história se ouve falar, ”eu estava quietinha, eu não queria perceber ninguém etc e tal”, ok, agora é bem melhor que as intenções sejam claras por agora do que passados meses ou ate anos para que fosse percebido por um dos dois que não daria para proseguir, tem gente que demora pra burro até perceber que o parceiro não é mesmo a resposta para o que se deseja como cúmplice, deixamos ser tomados por nosso passado quase que o tempo todo, lembrando do meu comentário de ontem, podemos sim usar de nossas vivências para melhorar tudo a nossa volta, e com uma obrigação que é ser mais intenso por nos mesmos, o que pode atrapalhar são as criticas com as novas possibilidades dai vem novos medos coisa que no ultimo relacionamento ja não existia, o novo pode assustar, mas isso não significa que não podemos canalizar as energias ao nosso bel-prazer, um forte abraço e varios beijos Izael
    12. leandro 10 comentou no dia 24/jan/2012 às 1:13 pmNo meio de tantas opinioes e experiências femininas, permito-me relatar algo tbem.
      Não é só com as mulheres que isso acontece, mais sim com os homens tbem!!! Eu por exemplo passei por isso recentemente, conheci uma mulher, eu não queria me relacionar, pois ela tinha apenas 18 anos(pois muitas mulheres dessa idade não sabe o que quer na vida), mais ela ficou em cima, acabei cedendo e começamos a ficar, do nada ela me pede em namoro, aceitei pois já estava envolvido, acabei me apaixonando e me entregando de vez. O que aconteceu? ela me deixou!!! relatei ate meu caso aqui( porque as pessoas não valorizam quem as amam de verdade?). o pior que sigo a risca a cartilha pra esquece-la…rs… trabalho, estudo, pratico esportes, vou entrar em um curso, saio bastante, conheço o maximo de gente possivel, me relaciono com algumas mulheres… enfim… mais esta muito dificil esquece-la, tem hora que da vontade de pegar o carro e sair pelo mundo sem destino… mais fazer o que? a vida continua, infelizmente só temos 2 opçoes: Nos fecharmos para o mundo e para as pessoas, ou, correr o risco de sermos magoados… a escolha é nossa!!! bejos e abraços a todas(os) que sofreram e ainda sofrem por amor!!! A VIDA É INJUSTA, OU MELHOR, AS PESSOAS SÃO INJUSTAS!!!
    13. Tulypa comentou no dia 24/jan/2012 às 1:24 pmTenho um amigo que tem uma opinião bem interessante sobre esse assunto…
      ele diz que no dia em que as mulheres passarem a agir da forma cafajeste e oportunista dos homens, eles vão aprender a ser um pouco como nós..engraçado, mas acho que ele tem até razão !
      Recentemente estava saindo com um cara que ja conheço um bom tempo mas que estava recem separado e eu nem esperava muita coisa dele e ja estava preocupada pelo fato dos encontros estarem se estendendo muito, me apresentando amigos deles e seus hobbys e de uma hora pra outra ele fez “pluft ” tambem…entendi foi nada !!
      Como ele nunca foi de ligar muito e quando o fazia era a noite, eu as vezes tomava a iniciativa tbm, mas fui percebendo que so eu ligava e parei tambem…atualmente quando nos encontramos acidentalmente, ele sempre me da uma direta do tipo “cade voce ?”…”tá sumida porque ?”…ele demonstra sempre muito carinho por mim na verdade!
      Chequei a pensar que ele se deu conta de que estava perdendo o controle da situação e se apegando à relação, porque era super legal nossos encontros…temos amigos em comum, ele receando todos saberem e ele com um processo de pensão alimenticia em curso..sei la …mas acho que tudo aconteceu rapido demais e no momento errado…
      Embora eu saiba que ele curtia, da mesma forma ele se desligou…mas demonstrando que no fundo não era o que ele queria fazer…mas sim o que precisava fazer !
      Vai entender neh….
    14. Sthefanny comentou no dia 24/jan/2012 às 4:28 pmRealmente @Viviane Mclean , é chato fingir que não esta afim , que você não quer ter algo com esse homem simpático, o pior é quando vocês tem algo em comum , e você querendo ou não, fica admirável , começam a pensar no futuro, como vai ser daqui pra frente e assim vai . Por mais que a gente não queira , acontece . Eu estou solteira a 2 meses , terminei o namoro numa boa , não estou procurando ninguém , agora apareceu um cara super bacana , simpático , um fofo , mas eu não quero me precipitar , estou indo com calma , pois ele acabou de sair de um noivado , o que é bem difícil , não quero sofrer , e nem fazer ele sofrer , o lance é dar tempo ao tempo , ir com calma para não ir com ” sede ao pote ” se é que me entendem ? Deixar as coisas rolarem naturalmente é o melhor a ser feito , não se deixe iludir , e não iluda !
    15.  comentou no dia 24/jan/2012 às 5:30 pmÉ gente eu sei de todo o protocolo e principalmente do “não se entregue”! Mas às vezes a gente se encanta sem querer né?
      Mas fiquei admirada o qto de gente se divertiu com o “puft”! Morri de rir! rsrs
    16. Izael comentou no dia 24/jan/2012 às 7:35 pmEsse tal ”Puft” vai acabar virando chavão por aqui…rsrsrs
    17. Rodrigo Almeida comentou no dia 24/jan/2012 às 7:53 pmTava pensando aqui… o que realmente me atrai é a mulher ter personalidade de falar “não” quando não quer fazer algo e sim quando quer. De ter vida própia, de ser engraçada e de as vezes tomar a iniciativa para fazermos algo diferente.Realmente tudo que é facil enjoa. As mulheres hj em dia, pelo o que eu vejo, são dificeis de se ter um primeiro contato(pegar), mas depois facilitam muito, sem mistério… é o que eu acho.
    18. Maicon comentou no dia 24/jan/2012 às 9:33 pmFernanda,
      Resumindo o seu texto, acho que vc passou pelo clássico número do desaparecimento masculino. Eu já fiz isso, e é muito comum mesmo, vide comentários femininos acima relatando experiências parecidas com a sua no exato momento do ‘puft’ (Ri muito com os comentários a respeito! kkk). Mas no seu caso parece recorrente tantos ‘pufts”, ou você atrai esse tipo de homem ou eles se assustam depois dos primeiros encontros em que vc já começa a procurar mais.
      O que fazer para quebrar esse ciclo vicioso??
      Realmente difícil saber, homem é tão complicado e imprevisível quanto mulher, sim vcs não são únicas nesse quesito então não serve como argumento. Infelizmente é típico esse comportamento por parte dos homens e como já disse me incluo nesse time e te dou a minha versão para isso. Nessa fase parece que a mulher fica ansiosa, planejando mil coisas, casamento, filhos. Dá vontade de dizer, vai com calma, ponha o pé no chão e vamos curtir o momento pra ver no que vai dar. Essencial colocar tudo na mesa logo no início, falar e ouvir o que vc e outra parte querem, planejam e buscam.
      Boa sorte pra vc por um fim nesse ciclo depois do ‘puft’! Rsrsrs ;)
      Bjo
    19. Gustavo comentou no dia 24/jan/2012 às 10:13 pmHehehehe complicado né, engraçado que quando nos homens demonstramos que estamos afim, vocês mulheres fazem a mesma coisa, vai se afastando perdendo o interesse até dar um ponto final na história e deixam o homem que era apaixonado a ver navios. Uma coisa que fica bem clara como dica é que não podemos demonstrar que estamos envolvidos, apaixonados seja homem ou mulher. Apesar da dica é uma constatação triste, hoje demonstrar estar apaixonado é ser careta, palhaço, desinteressante, fácil demais, entre outros. Muitos veem mais problemas do que alegrias em se envolver com alguém que demonstra que gosta de você. Muitos precisam enxergar isso com outros olhos e não achar ruim alguém gostar de você mesmo que não goste da pessoa. Como diz a frase: “Temos que gostar de quem gosta da gente”. Fica a dica.
      Abraço.
    20. Keka comentou no dia 24/jan/2012 às 10:16 pmMeninaaa !! Vc contou a minha história…. Um carinha que já conhecia de vista mas nunca tinhamos conversado, um belo dia me add começamos a conversar.. Aconteceu td isso que acoteceu com vc e simplesmente PUFT ! (rsss gostei). Isso já faz alguns meses e até hj ñ sei o motivo. Fiquei mal e toda essa história. Mas eu só queria saber o motivo, entender o motivo do puft !
    21.  comentou no dia 24/jan/2012 às 10:45 pmGente, adorei o comentário dos meninos. E vcs têm razão, as mulheres fazem isso tbm. Chego à conclusão de q tudo isso não é um problema de homem ou mulher. É um problema humano! rs
      Meu maior problema é com esse tal de “puft” mesmo! kkk. Não quer mais, fala. Não é mais simples? Pq assim, por mais q esteja envolvida, sou da máxima de q ninguém obriga ninguém a ficar com vc. Então é mais fácil falar um “olha, não vai rolar”. Aí cada um segue seu caminho e eu não fico imaginando o q rolou no tal do “puft”. O q vcs acham?
    22. Maya comentou no dia 25/jan/2012 às 2:22 amPrefiro demostrar que tô afim, ligar/ sair quando quiser, fazer o que der vontade porque agir assim só me afastou de quem não me dava valor. Quem gostava de mim, nunca reclama do meu jeito. Talvez também porque eu não seja daquelas que gruda, liga 1500 vezes por dia, chama pra sair, quer ser GPS do cara. Mesmo estando muito apaixonada, eu sempre tenho vida própria, outras coisas a fazer e a amar além do dito cujo. Agora isso de fingir desinteresse nunca foi comigo, não sei fazer e nem curto. Se começarem a fingir comigo, eu acredito que é desinteresse mesmo e caio fora. Vamos descomplicar, pessoal! Deixar acontecer naturalmente, sem precisar fingir nada.
    23. Simone comentou no dia 25/jan/2012 às 9:10 am@maya disse tudo! Tbm não sei “fazer de conta”… Ou é ou não é! Sou adepta do fair play! Não tá mais a fim, fala! Afinal, somos todos adultos e sabemos (ou deveríamos saber) lidar com os nãos da vida…
    24. Katsawa comentou no dia 25/jan/2012 às 10:13 amFingir desinteresse só serve para esfriar ainda mais a relação.Se a pessoa se afastou é pq ela não tinha nada haver mesmo, pq não era para acontecer mesmo.Tudo tem que acontecer de maneira natural em um relacionamento, tudo que é forçado se desgasta mais rápido com o tempo.Sou a favor de demonstrar os verdadeiros sentimentos aos poucos, sem pressa, sem muita ansiedade, deixar desenvolver com o tempo de convivência.A ansiedade e a paixão sem limites vem de sentimentos negativos como a “carência” e estes que devem ser evitados a todo custo.
      Viver falando de casamento logo no começo da relação,assusta qualquer homem que ainda esta procurando conhecer sua parceira, é como uma pressão e amor nenhum se desenvolve sobre pressão.Ciúmes,insegurança e falta de confiança tb são outros sentimentos negativos que devem ser eliminados da relação.
      O importante é deixar a pessoa livre para que o sentimento se desenvolva com o tempo, na paz e na tranqüilidade, de maneira natural.
      Existem relacionamentos que irão durar por um determinado momento, serão especiais e importantes neste exato momento, mas com o tempo poderão se desgastar e chegar ao fim, mas isto não invalida o momento passado, quando o relacionamento funcionou.
      As pessoas mudam a todo momento e ainda não possuem total consciência de quem realmente estão buscando para uma relação.Vão haver diversos erros nas escolhas que representaram estes “pufs” repentinos.
      Mas nestas horas é que temos que ter total consciência que se a pessoa foi embora, foi o melhor que nos aconteceu, pq relacionamento só vale a pena enquanto for correspondido, enquanto existir um sentimento forte entre duas pessoas.
      O importante é não generalizar,nem ficar julgando os outros, já que para todos é difícil fazer a escolha de que pessoa queremos ao nosso lado.
    25. Dôôgão comentou no dia 25/jan/2012 às 10:32 amConcordando com a @Viviane Mclean, em outras palavras “crie: peixes, cachorro, gato, tartaruga, força, raiva. Mas não crie expectativa”.Voltei turma….
    26. Karol comentou no dia 25/jan/2012 às 12:29 pmMeninas dei risada agora! nossa que triste saber que não sou unica do time! rs estou no momento de que odeio os homens!!! chega a ser tragico! estava com um garoto a 6 meses, nao deu certo, ele simplesmente disse que precisava de um tempo sozinho! merdaa.. eu chorei muitooo mesmo ele era meu melhor amigo… enfim solteira de novo estou aqui. qual a solução para isso? e rs quem disse que eu estou procurando? parece que eu coloquei uma plaquinha na testa: estou triste carente e sozinha!! horrivel.
      estou ainda me sentindo dentro do pluft…
    27. Biia comentou no dia 25/jan/2012 às 1:05 pmDôôgão pq c tava sumido assim?! =S
    28. Dôôgão comentou no dia 25/jan/2012 às 2:06 pm@Biia, tava de férias. E quando estou de férias desligo tudo, primeiro pra poder estudar, pois estava estudando pra prestar concurso público, segundo por que de vez enquando a gente tem que dar atenção a coisas e amigos não virtuais… mais ou menos isso.
      Não eu não estava namorando, pode ficar despreocupada. kkkkkkkkkkkkkkkk bjus.
    29. Biia comentou no dia 25/jan/2012 às 4:31 pmC fez bem Dôôgão.. tem q desliga do mundo um pouco mesmo.. rs. ahh não tah namorando? q Bom.. rs
    30. §Natasha§ comentou no dia 25/jan/2012 às 5:30 pmEM QUALQUER PARTE DO MUNDO, quando vc demonstra o que sente…TÁ FUDIDA! kkkk…portanto… não é questão de jogo…é questão de precaução. Resguardar-se. Sempre.
    31. @Ntllia comentou no dia 25/jan/2012 às 6:04 pmFaça o contrário. Tente não se envolver, ou se envolver e ficar de 4 pelo cara não demonstre isso, essa é a fórmula básica para o cara se apaixonar por você (pode pesquisar se quiser, a grosso modo vc vai encontrar isso com as justificativas neanderthais que são muito grandes e to com preguiça de digitar)
      Duvida que funcione? Teste pra vc ver…
    32.  comentou no dia 25/jan/2012 às 6:48 pmSim, eu concordo com todos. A experiência mostra isso mesmo: A primeira coisa, nunca criar expectativa. A segunda, se vc por um acaso se envolver, nunca demonstrar o q está sentindo. Eu só queria aprender como fazer isso! :)
      Pra mim é o mais difícil!
    33. leandro 10 comentou no dia 25/jan/2012 às 7:28 pmOla amigos(as),agora estava lendo um artigo no site do yahoo, que tem aver com esse tema e resolvi coloca-lo para que vocês leiam e comentem sobre o mesmo…“Eu faço qualquer coisa por ela! | Amor e outras coisas”Nesta semana, eu recebi diferentes e-mails com uma situação terrível. Homens que falavam chorosos de suas companheiras, porque eles fazem tudo por elas e recebem em troca quase nada.
      Muitos atendiam a todas as vontades de suas companheiras. Até as mais estranhas. E nada! A retribuição, além de parca, era premiada com uma frase do tipo: “Amor, você é muito bonzinho! Não precisa agir assim. Não precisa fazer tudo por mim. Cuide-se também!”
      Ou seja, o recado estava dado. Traduzindo a frase acima, as companheiras queriam dizer: “Estou sufocada, não aguento tanto cuidado, não quero tanta babação, dê-me espaço, dê-me um tempo! Você não tem nada melhor para fazer? Saia, vá ficar com seus amigos, faça algo por você! Exista! Onde está aquele homem por quem me apaixonei?”.
      Então, se vocês, homens ou mulheres, escolheram fazer tudo pelo outro e esperam tudo de volta, parem! Não se anulem. Não tentem anular o outro. Não se abandonem, não controlem, pois serão os controlados. Não deixem de ser quem são. Ao contrário, invistam em vocês, no seu autoconhecimento, no seu crescimento, no seu ser. Equilibrem-se em relação ao outro e ao relacionamento. Equilibrem-se em relação ao dar e também receber.
      Fazer a vontade do outro todo o tempo nos coloca em uma posição de quase CAPACHO, e ninguém, ninguém em sã consciência, aguenta se relacionar com uma pessoa assim.
      Por isso, fica aqui meu convite: Se você está no papel de quem faz tudo pelo outro — MENOS. Busque ajuda, leia mais sobre AMAR DEMAIS, talvez o ajude a compreender o tamanho do problema. Se você está do outro lado de quem é controlado, convide o outro a buscar ajuda. Não estimule esse tipo de atitude. Não deixe que tudo piore até ficar insuportável.
      Uma relação, lembrem-se, é construída a dois. E quando se está dentro não conseguimos compreender o que está errado, então o melhor é buscar ajuda. E, nesses casos, terapia ou grupos de ajuda podem fazer maravilhas.
    34.  comentou no dia 25/jan/2012 às 7:39 pm@leandro: esse texto q vc postou tem super a ver com o meu outro texto q foi publicado aqui (Um ano se passou). Uma coisa é vc gostar de alguém. A outra é vc largar tudo pra viver a vida desse alguém. É até injusto colocar tudo na mão de outra pessoa: dela ser sua razão, dela ser responsável pela sua felicidade. Nós mesmos é q somos responsáveis por isso.
    35.  comentou no dia 25/jan/2012 às 10:15 pmUeba, voltei! Fico um tempão fora e quando volto é o mesmo chororô: meninos pluft, meninas ploft…ah vah! Fernanda, adorei teu texto. Não desanime. Um dia desses tú conhece um homem que não tenha medo de mulher. Aguente firme e enquanto isso vá fazer um mestrado, um doutorado, algo que valha a pena a gente enlouquecer…não é mesmo, Leandro10?
    36.  comentou no dia 25/jan/2012 às 10:21 pmHahahaah! Rê, não aguento mais estudar não! Preciso arrumar um hobbie melhor! Já fiz tudo isso! Mas eu não desanimo não! Mto pelo contrário, eu levo tudo mto com bom humor! Até demais!
    37. Frydah comentou no dia 25/jan/2012 às 10:22 pmTodo mundo encontrando desculpas para o fato de que o ser humano não sabe lidar com sentimentos…nem nunca vai aprender porque senão ia perder a graça….ja pensaram todo mundo conquistando sem problemas tudo o que deseja ?
      Sem ter que partir para a dura tarefa que é fazer uma autoanalise e perceber que na verdade todo mundo gosta do inatingível…do dificil…do que faz vc perder o sono…a fome…tudo !
      Em todos os ambientes voce lida com isso…seja no trabalho, pois se voce faz o políticamente correto voce cai nas graças do chefe, mas dos colegas voce é carta marcada …e descartada e não importando se voce é super gente boa, pronta pra ajudar e pau pra toda obra …tão é te arrumando uma cilada!
      To cansada de ver gente tendo altas desilusões no próprio seio da família, enquanto voce ta dando um beijo sincero de boas vindas e um lauto almoço esperando por todos preparado por voce mesma…não é que voce descobre depois que essa mesma pessoa q voce tinha tanta afeição na verdade não te suporta e ao suas conquistas o incomoda a ponto de doer?
      Infelizmente a falsidade ela coroa e corrompe toda a forma de relacionamento sim…nunca estamos satisfeitos…se alguem ama demais ta incomodando mas se ama pouco …nossaa !!! ..O que fiz de errado pra que me trate assim …!!!
      Não tem mesmo receita para se viver..o que é bom pra um para o outro é suportável…ou odioso …
      As pessoas hoje lidam com as possibilidades remotas de te ferrar sempre a frente de qualquer sentimento mais nobre, como amizade, companheirismo, confiança, caráter, amor…estão sempre se aproveitando de um simples deslize seu para te acusar lá na frente !
      Eh…descobri muito cedo que é duro crescer…ver seus sonhos cor-de-rosa desvanecendo …ficando cinza …sujando tudo a seu redor! Suas crenças, lembranças agradáveis quase nem dá mais pra lembrar..de como eu era só um resquício quando surge uma nova oportunidade de tudo ser diferente …ou não !!
      Tenho sempre que pagar pra ver…e tem saído caro demais as vezes !!
    38.  comentou no dia 25/jan/2012 às 10:45 pmE tendo lido isso, penso que a melhor parte de tentar que seja diferente é justamente que vamos ficando diferentes…e a grande dádiva é ver o cinza sem perder as nossas cores, é amadurecer sem endurecer, nem que seja na paulada!
    39. leandro 10 comentou no dia 26/jan/2012 às 1:20 amCom certeza “RÊ”, devemos ocupar mais o nosso tempo com coisas edificantes. não que isso vai acabar com dor, mais vai amenizar. pois querendo ou não, aquele espaço que ficou vazio apois a pessoa amada ter ido embora, sera muito dificil preenche-lo de volta… Infelizmente, ninguem esta satisfeito com nada, se ama muito, e grudento, se ama pouco, e cafageste e so quer curtição. se e carinhoso, e muito meloso. primeiramente temos que saber o que queremos, e o que podemos dar… se eu começo a me relacionar com uma mulher, e logo percebo falta de interesse ou que esta fazendo joguinho. na mesma hora eu pulo fora logo. pois como eu não faço joguinho, tbem não aceito esse tipo de coisa. se esta afim, diz e pronto!!! As vezes buscamos algo grande que nunca teremos, e as vezes esquecemos das pequenas coisas que nos faz muito feliz. e acabamos deixando de lado por ilusoes, coisas passageira… tudo por causa do orgulho e do ego.. de poder dizer: eu fiz, eu consegui… mostrando uma força exterior, porem por dentro chora magoas de arrependimentos do passado.
    40. leandro 10 comentou no dia 26/jan/2012 às 1:42 amMuitas pessoas tentam curar um amor com “outro” amor. tbem e um dos motivos para que esse relacionamento não de certo… potanto, “limpe o seu coração antes de entrar em um relacionamento, pois até o doce mel azeda em um recipiente sujo.”Amigos(as), de forma alguma vamos deixa de amar, não vamos ser frio só porque agiram assim conosco… todos relacionamentos deixam marcas em nós, assim tbem como deixamos marcas em outras pessoas… vamos fazer sempre o melhor, se a pessoa foi embora por algum motivo, o problema e dela… mais pode ter certeza que com o passar do tempo, essa pessoa vai lembrar de ti, e vai dizer aquele(a) homem(mulher), era a pessoa certa pra mim… até hoje eu não vi uma pessoa sacanear uma pessoa bacana, e mais tarde não te se arrependido de te abandonado a pessoa… a vida ensina, e como ensina!!!!
    41. Julia Maria comentou no dia 26/jan/2012 às 9:02 amGente acho que esse tópico foi um dos mais comentados!
      Praticamente uma TERAPIA em conjunto e lendo um a um me poupou de gastar um qualquer na minha terapauta, pois iria falar exatamente sobre isso!!!Beijos a todos!
    42. Isoldinha comentou no dia 26/jan/2012 às 9:33 amAs palavras da @Maya foram sensacionais:
      (Vamos descomplicar, pessoal! Deixar acontecer naturalmente, sem precisar fingir nada.)Seria tudo tão mais simples…
    43. Dôôgão comentou no dia 26/jan/2012 às 9:42 am@Biia, acho que tem coisas que valem bem mais a pena, as vezes não tão urgentemente, tipo, estou estudando para o concurso da PC-PE e ao mesmo tempo estou por aqui, até quando dá pra dar uma conciliada dá pra conversar um pouco de vez enquando, mas quando o nó aperta e o concurso é realmente importante e vai te dar estabilidade, acho conveniente se desligar um pouco das coisas. Até por que é uma etapa bem importante da vida….
      @Boss, tá massa os textos, mas voltei com uma vontade enorme de ler o final ou outro capítulo da “a mulher cachaça – parte 3″ kd o @Felipe Corá que não chega pra contar o resto dessa resenha…….
    44. Frydah comentou no dia 26/jan/2012 às 9:56 pm…eita !!!..esse post ja deu neh…..
      vamo que vamo mudar o disco meu povo !!!
    45. Carlos comentou no dia 27/jan/2012 às 12:27 amPois é Fê acredite ou não muitos aqui sofrem do mesmo problema sejam homens ou mulheres, a chave da questão é como ficar junto e não ficar chateada com o final de um relacionamento ?…Impossível pois vc já se apegou à aquela pessoa.Isso é mais um “jogo” vamos tratar assim, o pegue mais não se apegue, ou como eu gosto de dizer em um relacionamento de dois passos para frente e um para trás, nunca se entregue de uma forma que vc possa se magoar depois,sim é difícil mais voce tem duas opções ou nao sai mais de casa nao arruma mais ninguem nao se arrisca e não sofre OU sai de casa continua sua vida se arrisca e sofra as vezes até encontrar alguem compatível com voce que voce possa ter um relacionamento duradouro e lembre de uma coisa….Para conseguir conquistar uma pessoa sem se frustar antes voce deve estar preparado para perdê-la =)
    46. Luiz comentou no dia 27/jan/2012 às 11:28 amBom, após ler o texto (e já ter passado por essa situação estando nos dois lados da história), tenho apenas UM comentário:Esse comportamento não é exclusivo de homens ou mulheres. É um comportamento dos SERES HUMANOS.Se não me engano, é do Woody Allen a frase: “Não entro para clubes que me aceitam como sócio.”Essa frase tem algumas interpretações, mas uma delas é exatamente essa: os seres humanos não querem permanecer em algum lugar que já conquistaram e que não precisam mais fazer grandes esforços para serem relativamente bem sucedidos.Nós gostamos da caça, de conquistar, envolver, ir profundamente nos sentimentos de alguém (onde poucas pessoas ou NINGUÉM esteve antes). Gostamos e nos atraimos por quem não gosta de nós, ou justamente por quem não podemos ter.É justamente isso que acontece na história do post.O cara fez todo o trabalho da caça, gastou energia, tempo, dinheiro, esforços e incontáveis técnicas de conquista para finalmente conseguir aquele beijo, ou aquela ficada, ou até mesmo o sexo.Conseguiu. E imediatamente tudo perde um pouco da graça.
      Em 90% dos casos, não é por mal, não é por mau caratismo… é simplesmente natural o desinteresse.

      Homens tem a vantagem de se envolverem menos do que as mulheres em situações como essas, mas a verdade é que somos parecidos demais.

    47. Cogumelo comentou no dia 28/jan/2012 às 8:25 pmJá ouviu dizer que não adianta fazer as mesmas coisas e ficar esperando resultados diferentes. Se fez a mesma coisa o resultado será sempre o mesmo.
      Vá a lugares diferentes, saia com pessoas diferentes , procure diversòes diferentes. Porque encontrando o mesmo tipo de gente os sinais serão interpretados da mesma forma!
    48. Fezoca comentou no dia 29/jan/2012 às 11:04 pmPense como uma dama, comporte-se como um homem! ( titulo de um livro … bem bacaninha por sinal … )
      E vou te dizer que funcionaaa… rsrsrs
      A gente passa a ver o mundo de um jeito bem mais prático!
      E tem uma vantagem, sofre bem menos!!! =)
    49. Fezoca comentou no dia 29/jan/2012 às 11:05 pmOu seria pense como homem, comporte-se como uma dama ???hahaha… não lembro …
    50. João comentou no dia 30/jan/2012 às 9:38 amAi caramba, como mulher complica coisas simples…Minha filha deixa eu te dizer o que acontece… VOCÊ NÃO É GOSTOSA!!
      se fosse, os homens estariam desesperados pra ficar com você.Você só merece no máximo uma trepadinha rápida.Abraços
    51.  comentou no dia 30/jan/2012 às 6:51 pmNossa João, q finesse a sua! rsrs
      Ótimo, pq eu não quero ficar com homens q me achem gostosa. Eu quero ficar com homens de verdade, q me enxerguem na essência além do meu físico e do meu rostinho bonito. E acredite querido. Eu sou gostosa! hahaha
    52. Ricardo comentou no dia 30/jan/2012 às 7:17 pmé um problema moderno. As mulheres hoje em dia estão “de graça” mexendo com a fantasia dos homens, e os rapazes ficaram muito ariscos, não qurem mais se prender a uma mulher só. Também essa pressa feminina de namorar/casar/ter filhos até os 30 anos está ficando irreal, e atrapalha a relação com os homens que cada vez mais têm menos pressa.
      Meu conselho é: vão viver suas vidas, cuidar de suas profissões, e tentar encontrar a felicidade fora desse ideal “namoro/casamento/filhos”. E não se preocupem que nenhuma de vocês vai acabar sozinha!
    53. Izael comentou no dia 30/jan/2012 às 8:29 pmJoâo, pegou pesado, foi agressivo e inconvêniente, mais ai cara derrepente vc pode ser capaz de sair com alguma mulher sem ter que pagar, se bem que desse jeito nem lá no ”cabaré” vc consegue uma garota, que mesma ainda que quando pagas todas gostam de um bom tratamento, se ilude vc pensar que mulher aprecia esses termos baixos, só precisa ser um pouco mais atencioso com as gatas, vai por mim, e não existe mulher que não seja gostoza, vc nem conhece o melhor momento deleas, podem até não cervir pro seu tamanho que deve ser ”pequeno”,kkk… como se acha capaz de dizer quem é ou não é gostoza, gordinhas, magras todas elas tem seus doces e cheiros que cara vc nem pode imaginar,se duvidar vc deve ser até do tipo que tem ejac.. precoce com uma mulher bem gatona hein, fala ai precoce kkk…
    54.  comentou no dia 30/jan/2012 às 8:33 pmObrigada Izael! :)&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

      Afinal, porque as pessoas traem?

      Publicado por Leitora em 20 janeiro, 2012

      Por Carmen

      Na maioria das vezes a traição acontece quando o relacionamento não atinge mais as expectativas. A pessoa trai porque está em busca de algo mais que a relação não esta oferecendo. É nessa fase que o diálogo entre o casal quase não existe.

      A pessoa que trai busca uma saída, uma solução aparentemente mais fácil. Existem muitas razões para a traição: questões culturais, a busca pelo novo, carências, insatisfação, vingança devido à sensação de estar sendo traído ou mesmo pela sensação de poder.

      As mulheres que são traídas aceitam e lidam melhor com a traição por dependência emocional e até mesmo financeira. Por medo de ficarem sozinhas, quando as mulheres descobrem a traição, tendem a esconder a dor e adotar uma postura de “mãe compreensiva” e perdoam, mesmo que tenham brigado antes. Essa atitude pode provocar no parceiro que traiu um sentimento maior de dor e remorso. Aliás, podemos verificar na maioria das pessoas que traem esse sentimento de culpa, que pode ou não causar dor.

      Os homens quando são traídos fazem o possível para fingir que não sabem, pois, se souberem, terão que tomar uma atitude perante a sociedade que aceita e justifica muito mais a traição masculina do que a feminina. Pode-se dizer que as mulheres brigam e os homens se envergonham.

      É muito difícil suportar a infidelidade, a dor de ser traído, de ser enganado. Por isso, há a dificuldade de perdoar e superar o ocorrido.

      As relações que têm traições possuem algumas características em comum, a mais frequente é o “tédio” do casamento ou da relação; outra seria a falta de comunicação, quando o casal mal se fala, apenas trocam monossílabas. E a principal é o desinteresse sexual, a falta de tesão mesmo.

      As traições se devem a essa nova realidade: onde as pessoas ficam sem compromisso?

      Freud estava certo. O pai da Psicanálise escreveu que existe uma grande dificuldade no ser humano em integrar a sexualidade ao resto de sua vida, ao casamento e ao amor. Para muitas pessoas parece até que a vida se resume nessa questão: “Trair ou ser Traído”. Atualmente, a situação de “ficar”, de não ter compromisso, só vem a reforçar e a estimular esse comportamento.

      Vale a pena continuar o namoro após uma traição? Diante da constatação da traição, vale a pena, antes de tomar uma medida precipitada, de ter uma crise nervosa, conversar com o parceiro e esclarecer toda a situação. Se a traição aconteceu, é porque algo não vai bem na relação, está faltando alguma coisa.

      A pessoa traída não deve nesse momento se sentir culpada e nem vítima da situação. O mais importante agora é descobrir o que levou o seu companheiro a agir dessa maneira. Escute o que ele tem a dizer e faça uma avaliação da situação, se vale à pena continuar ou não. É muito difícil perdoar uma traição. Perdoar ou não depende de cada pessoa ou do tipo de relação que existe. Caso a decisão seja por perdoar e continuar o namoro, não relembre o assunto a cada discussão. Usar a traição sempre como arma em outras discussões só trará estresse e desgaste para a relação. Perdoar é esquecer.

      Se não houve esquecimento, não houve perdão. Então, o melhor a fazer é terminar o relacionamento.

      Homem trai mais que mulher? Por quê?

      O que acontece é que os homens idealizam a mulher perfeita em todos os aspectos, e as mulheres desejam um homem que as ame, apóie e as ajude, colocando assim muita expectativa na relação o que pode gerar muita frustração e decepção, facilitando a traição. Homens e mulheres lidam com a questão da traição de formas distintas.

      De uma forma geral o homem trai mais. Pode ser por questões ligadas ao sexo, por uma forte atração física, uma oportunidade inesperada e imperdível ou até mesmo por puro exercício de masculinidade.

      Em uma sociedade predominantemente machista, os homens são educados para não desperdiçarem nenhuma oportunidade, provando assim que são capazes de seduzir qualquer mulher.

      Por estes aspectos é que podemos dizer que geralmente a traição masculina não está ligada ao amor, raramente tem relação com questões afetivas e emocionais. No entanto a mulher quando trai, é por que de alguma forma a relação não vai bem, não a satisfaz, a motivação para a traição está mais ligada ao amor e ao afeto. Pode também haver a traição por vingança, por sentir que está sendo passada para trás.

      Como evitar uma traição?

      Não existe uma receita, uma formula, o ponto principal é evitar o tédio e a rotina, mantendo a chama do amor e do interesse sexual. O dialogo é muito importante, falar principalmente sobre as dificuldade e divergências, não permitindo assim o acumulo de magoas, ressentimentos e frustrações.

      Qual é a melhor companhia nessa situação?

      Nesses momentos nada como um ombro amigo, alguém em que você confia. Mas muitas vezes, quando se trata de superar uma infidelidade, ou até mesmo uma dor muito grande gerada pela perda do parceiro,é melhor buscar ajuda profissional do que os conselhos de um amigo.

      Um psicólogo, através da terapia, poderá proporcionar as condições, os recursos, a neutralidade e a experiência necessárias para superar o problema.

      Link original

      [Nota da equipe:  o melhor jeito de evitar a traição? larga tudo e fica solteiro! :) ]

      Comentários do Post

      1. Maya comentou no dia 20/jan/2012 às 2:46 amTraição é falta de respeito com o outro e com a relação que vocês construiram juntos. Sempre pode evitar, mas as pessoas preferem o caminho mais fácil. A relação não está boa? Que tal experimentar algo diferente? Se for melhor, se der certo, a gente trocar de parceiro. Pensar em alguém namorando outro, pode ser sem querer, mas entre o pensamento e o ato consumado, a distancia é enorme e passa pelo carater de cada um. E se o pensamento for repetitivo, acho que é hora de refletir se a relação atual ainda existe ou virou só comodismo.
      2. leandro 10 comentou no dia 20/jan/2012 às 7:20 amNão existe justificativa para uma traição… infelizmente quando as pessoas estão com problemas no relacionamento, não tem a capacidade de sentar e resolver. procuram sempre o mais facil…. O cachorro esta com pulga, é mais facil tirar as pulgas, ou matar o cachorro? não tem muito o que falar nessa situação. Somente uma pessoa mal carater trai… uma pessoa que trai, não vale a merda que caga!!!!!!!
      3. Lucas comentou no dia 20/jan/2012 às 7:42 amQue homem finge que não sabe quando é traído ? Nossa, um cidadão desse merece ser corno pro resto da vida.
      4. Feio & Pobre comentou no dia 20/jan/2012 às 8:12 amA vontade de trair é, também algo biológico.
        A mulher em determinadas fases do ciclo mensal reprodutivo sente necessidade de trair para gerar uma cria geneticamente melhor. Esse ciclo se repete em outras fases da vida, quando por exemplo chega a idade balzaquiana fica mais intenso.
        O homem tem vontade constante em trair, não depende de ciclos, pois biologicamente sente a necessidade de espalhar sua “semente” namaior quantidade de piriquitas que conseguir.
        O que segura tudo isso são os fatores morais e a qualidade do relacionamento. Só!
        Como meu grau de amoralidade é grande e não ligo muito para relacionamento, traio!
        O homem não sabe trair pois pensa com a cabeça de baixo, é logo pego. A mulher quando trai, geralmente o faz bem feito e quase não é pega.
        PS: @Maya te respondi no outro tópico, eu também te amo :-)
      5. Simone comentou no dia 20/jan/2012 às 9:36 am“Como meu grau de amoralidade é grande e não ligo muito para relacionamento, traio!”
        @Feio&Pobre Adoro a sua sinceridade! kkk
      6. Dayana comentou no dia 20/jan/2012 às 10:48 amTeoria demais!!Nota da equipe: O melhor jeito de evitar a traição? larga tudo e fica solteiro! [2]
      7. isoldinha comentou no dia 20/jan/2012 às 1:45 pmBah, assunto delicado este. Eu já traí e já fui traída. nas duas situação sofri muito. Na primeira por que causei uma dor e uma baixa de auto estima no meu namorado, que me arrependi muito.
        E em outro relacionamento, fui traída, várias vezes, sempre perdoando. até que cheguei no limite.
        O que aprendi é não faça aos outros o que não queremos para nós mesmos.
        Não importa o motivo, nunca engane ninguém. Se não esta satisfeito de alguma forma com seu relacionamento, converse ou termine se for o caso.
        Ninguém merece ser enganado E os traumas podem ser marcantes. No caso do homens que querem provar sua masculinidade, mantenham-se solteiros. E curtam a vida, sem magoar ninguém.
        Não sou uma spammer, mas gosto de divulgar meu blog. Ninguém é obrigado a visitá-lo, só fica a dica.
        http://isoldinhatonolher.blogspot.com/Um ótimo fim de semana!
      8. Felipe Gomes comentou no dia 20/jan/2012 às 1:59 pmIndependente de porques, traição é a coisa mais ridícula do mundo. Quem trai é porque é egoísta, só pensa nas suas necessidades e vontades e esquece de quem está com você o tempo todo.
      9. Feio & Pobre comentou no dia 20/jan/2012 às 2:04 pmPela opinião enfática do Boss, ele ja levou uns galhos na cabeça e não gostou :-)
      10.  comentou no dia 20/jan/2012 às 2:25 pmA Nota da equipe foi a melhor!
      11. Fernanda comentou no dia 20/jan/2012 às 2:42 pmA Nota da equipe foi a melhor! [2]
        Também sou dessa opinião, se não quer ficar com uma pessoa só não tenha compromisso, fica solteiro logo! :)
      12. Biia comentou no dia 20/jan/2012 às 2:54 pmse trai é pq é uma pessoa de baixo nivel, sem respeito algum e egoista ainda por cima.
      13. Tulypa comentou no dia 20/jan/2012 às 3:04 pmOlha…nunca perdoei uma traição porque nunca trai ninguem…não aceito, acho uma sacanagem alguem ter o trabalho de conquistar alguem e depois simplesmente fingir que ela existe, como quem nao quer mais aquele brinquedinho, enjoou…sei lá..aí cai na pista, partindo pra cima mesmo de outras conquistas como se os sentimentos de outra pessoa não importasse nadica…!!! Ando saturada de ouvir só falar em traição…acho que ate prefiro estar só pra não ter que fazer parte dessa estatística…nao tenho tendencia nenhuma de aceitar ser ou fingir que não sou…!!
      14. Felipe Gomes comentou no dia 20/jan/2012 às 4:14 pmhahaha jamais! quer dizer, se levei, não sei… mas, se tivesse levado ou não, minha opinião será sempre a mesma. Eu abomino traição. Em todos os tipos de relacionamento: com amigo, com namorada, no trabalho, etc.
      15. TATI comentou no dia 20/jan/2012 às 4:15 pmAcho que fidelidade é coisa rara, existe claro, mas vivemos em um mundo onde existe uma gama de estimulos sexuais, que contribuem para uma fraqueza carnal isso faz com que uma relação sadia possa ser destruida.
        Temos também a falta de compromisso das pessoas e uma grande falta sei lá de vamos dizer amor próprio, pois mesmo sabendo da traição alguns aceitam viver assim.
        Como eu sei que motivos não faltam para uma traição, prefiro simplesmente curtir a relação e se casoooooo isso aconteça bola para frente e a fila anda é simples vamos parar de complicar a vida, sonhos se sonham novamente, pessoas interessantes sempre surgem .
        Então relaxa curtam a relação e quando chegar a tal traição parta para outra essas coisas acontecem com qualquer um….
      16. Gustavo comentou no dia 20/jan/2012 às 8:26 pmCorcordo com a @Tati, traição nos dias de hoje é infelizmente é algo comum. Tem muita gente aqui nos comentários que tá pagando de santo, que afirmam que a traição é ridículo mas com certeza um ou outro que é contra a traição também já cometeu em algum momento uma traição e talvez cometeriam de novo. A questão é que traição não se deve aceitar, se traiu acabou. Entre homens e mulheres, os homens concerteza sofrem mais pois uma traição representa o seu fracasso como o homem da relação e um homem fracassado as mulheres excluem. Vejam como são tratados os nerds, os virgens, os tímidos inseguros, muitas mulheres veem esses homens como fracassados sexuais e não se envolvem por achar que será ruim. Um homem fracassado é excluído é a traição para o homem infelizmente representa isso. Já mulher traida é vista coitada, muitos não veem problemas com a mulher traida, muitos se aproveitam de fraqueza que a mulher está para vender seu peixe e entrar no lugar que o traidor deixou, muitos não pensam se ela é ruim de sexo, se tem problemas de caráter ou se não está afim de se relacionar de novo, muitos querem mais é pegar a mulher. O máximo que muitos enxergam é que ela é um coitada e com ele ela será uma mulher feliz. a traição não passa a imagem de uma mulher fracassada. Por isso que muito homem ( me incluo nessa) tem medo de ser traído pois um homem traído representa para muitas um homem fracassado, sem valor. Posso ter efusivo demais nesse meu comentário mas é isso mesmo o que penso.
        Abraço.
      17. leandro 10 comentou no dia 20/jan/2012 às 11:26 pmAmigo Gustavo, com certeza existem milhares de homens e mulheres que nunca traiu alguém e nem pensa em fazer isso(eu me incluo). Não é porque estamos dando uma de “santo”, mais sim porque isso vem de berço, vem da criação, da educação, do carater!!! NÃO DEVEMOS TRAIR NINGUÉM!!! familiares, amigos, parentes, conhecidos, patrão, quem nem conhecemos e a pessoa que entregou o seu coração a nós, que se dedica ao relacionamento… Oportunidades sempre vão aparecer, porém quando o homem e a mulher tem a cabeça feita, sabe o que quer, ela não vai trair… não existe essa de “a carne é fraca”. A pessoa que é fraca de espirito, que não tem nenhum conhecimento sobre carater, principios e valores. e se tem não as poem em pratica!!!! E fica sempre arrumando justificativas para os erros deploraves que pratica… Não trair, não é ser “santo”, mais sim ser honesto e honrar a pessoa que esta ao nosso lado!!!!abração a todos!!!
      18. Aline Caruso comentou no dia 21/jan/2012 às 12:23 amAs pessoas que traem não se importam com os sentimentos alheios. Já fui traída, doeu bastante na época. Não gostaria de causar esta dor a outra pessoa!
      19. Aline Caruso comentou no dia 21/jan/2012 às 12:28 am@GUSTAVO Gostei do que escreveu, não tinha pensado dessa forma.
      20. Pedro comentou no dia 21/jan/2012 às 1:35 amEsse negócio det traição é complicado mesmo..por mais que talvez realmente tenhamos algum fator genético que favoreça,ou talvez até explique as constantes traições que existe nos relacionamentos,no molde atual da nossa sociedade é muito difícil aceitar uma traição (para mim simplesmente não hã como).
        Todos esses conceitos de moral,fidelidade e etc que foram criados,e estão cada vez mais enraizados na nossa cultura,fazem com que realmente seja impossível lidar com a traição como algo que talvez nem devesse ter esse nome,e que talvez herdamos de nossos ancestrais menos racionais…não como traição,mas sim o tal instinto de “perpetuar a espécie”.
      21. Mirella comentou no dia 21/jan/2012 às 2:22 am@Leandro10,concordo com você,totalmente.
      22. Gustavo comentou no dia 21/jan/2012 às 10:26 am@Leandro, pode ser você não nunca tenha traído mas o engraçado é ver uns dez comentários dizendo que é ridículo e que não faria isso mas um ou outro já cometeu a traição. Não estou me referindo a todos mas não são todos que são como você. Eu mesmo já trai, creio que muitos que cometam aqui já fizeram também. Concordo que trair é errado mas não é tão a simplesmente se negar a trair. Envolve muitas coisas que não da pra descrever pois é complexo demais e ai querer ou trair vai de cada um, o não pode se negar é que existe mil e um motivos para cometer o ato.
        Abraço.
      23. Gustavo comentou no dia 21/jan/2012 às 10:29 am@Aline Caruso, obrigado por gostar da minha opinião. Abraço.
      24. marcelo comentou no dia 22/jan/2012 às 2:39 pmleandro falou td!
      25. Katsawa comentou no dia 23/jan/2012 às 1:40 pmEu sou da seguinte opinião que o único motivo para trair é que o amor acabou. Então não vejo motivo nenhum que justifique uma traição, a não ser covardia,falsidade e falta de caráter.O amor acabou, não consegue amar mais, esta pensando em outra pessoa, seja honesto e termine a relação.
        Agora, quando o egoísmo impera, desejo de experimentar o outro(a) para ver se é melhor, para ver se pode dar certo, enquanto tem um outro(a) como step, caso tudo saia errado, considero completa falta de respeito com o parceiro(a).
        Comigo sempre foi assim, fui honesto, terminei mesmo que não tivesse outra garota garantida para o futuro.
        Por isto que não vejo o menor sentido de continuar uma relação se houve traição, perdoar, perdoamos (para não ficar guardando magoa), até podemos esquecer com o tempo, mas voltar a se relacionar, jamais.
      26. Rodrigo comentou no dia 26/jan/2012 às 9:17 pmNão estou aqui para julgar, apenas para aprender e nunca mais errar. Também sou contra a traição. Mas ela não rima com paixão. abs a todos.&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

        Eu quero ser fiel, mas as vadias não deixam

        por 
        em 16/09/2011

        Namoro há cinco anos e 47 dias. Antes, tive três namoros. O primeiro durou dois anos. O outro, entre hiatos e prorrogações, algo em torno de cinco meses. O terceiro eu nem lembro direito. Ambos tiveram um relevante e destruidor detalhe em comum: eu jamais fui fiel.

        Esse fator não me transforma em péssimo namorado. Canalha, crápula, mentiroso, cafajeste e grandiosíssimo filho de uma puta, talvez. Mas péssimo namorado, não. Sempre fui bom, daqueles que frequentavam a casa da avó, engoliam indiretas dos sogros sobre a profissão e estavam presente nos momentos mais importantes da vida da namorada.

        Eu era o namorado dos sonhos.

        O problema é que eu sempre fui homem. E quando você é homem e tem namorada, bom, aí chovem vadias.

        “Vamos tomar um café? Só para relembrar os velhos tempos…”

        As vadias, desde os primórdios da humanidade, existem para suprir uma única e exclusiva necessidade do capeta: fuder com a sua vida. Elas surgem, na maioria das vezes, quando sua rotina corre tranquilamente rumo a uma paz que jamais foi imaginada. A função delas é provocá-lo por meio de ações físicas e psicológicas que te façam trocar a certeza de uma vida tranquila pela aventura de um relacionamento extra-campo.

        Existem teorias que Cleopatra seria uma das primeiras vadias de todos os tempos, tendo conseguido arrancar todo o dinheiro de faraós da época. Marilyn Monroe é um outro case de biscate de sucesso, uma vez que serviu de alvo do salame de como Frank Sinatra, Jimmy Dougherty Joe DiMaggio. Além disso, foi amante de John e Robert Kennedy. Amante: uma prática essencial para qualquer tipo de vadia.

        Vadias contemporâneas existem aos montes. Uma em especial. Uma que me motivou a escrever o artigo. Vocês não a conhecem. Mas eu, bom, eu a conheço muito bem. Trata-se de um antigo e estúpido caso. A moça ficou solteira há poucos dias. E me fez questão de ligar ontem para dizer que vai passar uns dias na minha cidade.

        Pra que, meu Deus?


        Link YouTube | Não, por favor, não!

        — Ela é gostosa — você me pergunta.

        — É, porra — eu te respondo. Chorando, mas respondo.

        Acredite: ninguém vale uma traição. Uma foda a mais, uma foda a menos – mesmo que homérica -, não vai mudar sua vida. Você sabe disso. Resiste fortemente. Contudo, ao mesmo tempo, o instinto fala mais alto. Como recusar aqueles peitos?

        Só há uma solução: ser forte. Ficar longe delas. Você não precisa dela. Homem não trai. A vadia nos faz trair.

        Portanto, fique a uma distância segura dessa desgraçada de botinha, mania de chamar Facebook de Face e decotes generosos. Eu farei isso. Não quero estar rodeado de mulheres gostosas. Quero, uma vez na vida, ser fiel.

        Posso tentar, sua puta?

          • Hahaha… Que gentil, fino e elegante que vc é, Jucinei, nossa, tô impressionada!Nessas horas eu penso “cadê a moderação”???Só uma leve obervação: “se não fosseM as vadias…” O verbo deve sempre concordar com o sujeito, de acordo com a norma culta da língua portuguesa, ok?!
          • Caro Jucinei confesso que nem se quer havia percebido seu comentário, pois raramente dou atenção a coisas insignificantes, não sei como se atreve a utilizar palavra de tão baixo calão para se referir a uma dama que você jamais poderá ter e quando digo ter não atribuo sentimento de posse, me refiro ao fato de conquistar uma mulher tão intensamente que ela jamais irá pensar em outrém, se bem que a julgar pelo modo como se expressa as únicas mulheres que podes conseguir são vadias, mesmo assim só pagando muito bem.
          • Eu estava só brincando, mas foi legal saber que além de bonita você também tem princípios, se fosse vegetariana seria a perfeição, eu até te chamava pra sair, nem que fosse só para bater um papo, rsrs
          • Ahaaaam Cláudia! Assume que vocês gostam de trair, por que nós mulheres também gostamos. Uma transinha extra não fere ninguém. Importante é não misturar sexo com amor. E isso, até alguns homens carentes fazem.
          • Parabéns… definitivamente levou o troféu de texto mais imbecil dos últimos tempos.Homem que não quer trair, não faz. Nem com uma paniquete dançando de fio-dental na frente dele. O resto são desculpinhas. Se você não leva jeito pra ser fiel, não seja. Arranje uma namorada que não se importe com isso, tenha um relacionamento aberto (ah, mas aí ela também teria direito de ficar com outros… você aceitaria isso?). Mas não jogue a culpa dos teus impulsos em outras pessoas. Show some balls, man.Ou você acha mesmo que mulheres fieis não são igualmente tentadas por ex-namorados, gostosões do trabalho ou da academia etc etc etc?

            (Editado pelo autor 4 meses atrás)

          • Calma meninas … o cara simplesmente nasceu cafajeste !! Tá na genética dele.
            Ele gostaria de ser fiel … de ter uma vida tranquila … mas a vontade fala mais alto.
            Concordo que quando um homem não quer trair … não há tesão que o faça errar … mas numa boa … e sem exageros … algumas vezes o caminho é árduo !! Sou casado e levo minha vida tranquila … afinal não tenho essas vadias ao meus redor (apesar da minha esposa pensar o contrário). Também não sou nenhum gostosão … o que mantém distante essas mulheres. Mas quando eu era mais novo … meus relacionamentos eram conturbados por não conseguir focar meu relacionamento em somente uma mulher !! Rsssss

            (Editado pelo autor 4 meses atrás)

          • Mas tem uma coisa a considerar Deb.Não quero transferir responsabilidades, porque afinal a pessoa que tem compromisso sabe os seus limites do certo e errado, mas convenhamos tem garotas por ai que adoram um homem casado, algumas mais afoitas fazem de tudo pra seduzi-los nem que seja somente por diversão.Tem cara que foge mesmo pra não fazer besteira e arrumar confusão em casa ( e eu já tive que fazer isso) outros vacilam e acabam fazendo merda.
            Numa boa, a mulher que sabe que o cara é casado mas insiste e até joga pesado pra ver ate onde o cara vai tem culpa sim do caldo desandar, afinal de contas os homens não exatamente conhecidos por sua resistência a um rabo de saia
          • Essa questão parece com aquela clássica:A culpa é dos estupradores ou das mulheres que usam roupas provocantes?As vezes, as pessoas, tentando se desfazer da culpa, conseguem distorcer completamente a real situação.Se é pra trair, que não entre em um relacionamento então, simples. Agora, se optou por entrar num relacionamento comum (sem falar em relacionamentos abertos), comprometa-se a ser fiel, ou pelo menos, a evitar situações que poem sua fidelidade à prova.
          • “Mas não jogue a culpa dos teus impulsos em outras pessoas.”Não é defendendo a infidelidade não, porque não sou de acordo, mas a culpa pelos impulsos sexuais de um homem é sempre culpa do outro, melhor da outra :)Claro, ceder a eles ou não, é de total responsabilidade do sujeito rs

            (Editado pelo autor 4 meses atrás)

          • (Respondendo o dali de cima)Se eu não quero um chocolate para não sair da dieta, não aceito nem que ele me seja oferecido dez vezes. Porque é a minha opção.Agora… quanto a homens casados, só te digo o seguinte. Nunca cantei nenhum, mas sou cantada por eles constantemente. E fazem isso como se fosse a coisa mais natural, normal e correta do mundo. Isso quer dizer que a culpa é minha por existir?
          • Acho que não adianta argumentar, Deb.
            Nego realmente acha que a culpa das suas fraquezas é das “vadias”.Como se o contrário não acontecesse, né? Toda vez que eu tô namorando e vou ao forró por exemplo, quando começam a dar em cima e digo que tenho namorado, ouço: “eu não tenho ciúmes”. Mas como eu nunca caí nessa (sim, também sou santa) o mérito deve ser deles, também, né?
            Quer dizer: se a mulher provoca e o cara resiste e não trai, o mérito é dele. Se não aguenta e cai em tentação, a culpa é da mulher. Tá, então tá bom!
          • “Se eu não quero um chocolate para não sair da dieta, não aceito nem que ele me seja oferecido dez vezes. Porque é a minha opção.”
            O problema é que o cara do texto é chocólatra.Você não tem culpa por existir, mas se cedesse as investidas sabendo que o homem é casado ao meu ver compartilha do erro.
          • Uma vez eu tava no bar, um cara colou na minha mesa sem ser chamando e pra dar um fora minhas amigas e eu dissemos que todas tinham namorado (mesmo sem ter). Quando uma, inclusive, contou que era casada, sabe o que ele respondeu? “Eu também” quando eu olho pro dedo dele vejo uma puta aliança dourada. Agora me fala, a culpa é minha e das minhas amigas?Tem muita mulher que tem complexo do “eu quero ser melhor que ela” e fica dando em cima de cara comprometido, sim é verdade. Dizer que a culpa é SEMPRE nossa, é querer forçar. Já vi muito cara correndo atrás de mulher sendo comprometido.Parece que não importa a situação, mulher é sempre a vadia e vocês pobres inocentes.
          • O cara estava errado.Mas quando dei o exemplo de mulheres que insistem com os caras casados não foi pra justificar a atitude do escritor muito, mas muito menos ainda pra afirmar que as mulheres são sempre as “vadias” da história, só quis mesmo exemplificar uma coisa que ocorre muito e que pra homens sérios é um problema sim.
            E ate afirmo, caras comprometidos correndo atras de mulherada é bem mais comum que o contrário, ou seja homens não são pobres inocentes, mas podem ser vitimas às vezes.
          • Na moral, que texto ridículo, na moral mesmo..
            Dizer que trai por causa de algumas mulheres que adoram dar em cima de homem comprometidos e que a culpa é delas por você trair sua companheira é imbecilidade demais.
            ,
            Existem tantas mulheres que dão em cima de homens comprometidos, como existem tantos homens que dão em cima de mulheres comprometidas, então isso nem cola.,Segundo, se você realmente ama sua namorada, não iria trair… Texto imbecil, na moral…Lamento por isso.
          • … não adianta mulher querer entender ! ! !… eu sou feliz e conformado justamente por não entender a natureza feminina e estou certo de que esse é o segredo catalisador !… Canalha, crápula, mentiroso, cafajeste e grandiosíssimo filho de uma puta … ou não, eu entendo o cara e entendo minha essência … pra mulher pode parecer fácil mas antes do raciocínio somos animais …ACHIEVEMENT UNLOCKED – CHALLENGE ACCEPTED”o que uma Mãe sente durante a Gradivez”
            “um Homem sente ao olhar pra uma Bunda”… é a Vitória da Vida !P.S. Não Traí minha última Namorada, não me arrependo, mas foi uma taréfa BEM difícil !
          • Raphael Rodrigues Coelho 09/16/2011 11:48 AM
            HahahahaJá virou caso comum as meninas surtarem ao ler textos como esse. =PTodos traem ou trairão. Pelo menos aqueles que vieram de um útero materno. (risos)
            A questão é que nem sempre traímos os ditos “compromissos” que estabelecemos com parceiros. Na maioria das vezes, traímos mesmo nossas próprias expectativas. Sem contar os casos em que traímos as expectavivas alheias.Feliz é aquele que encontrar a “sua vadia”, e que ela beba mais do que ele no final. xD
          • Coordenadores da CABANA PDH, por favor né, uma forcinha pro nosso amigo aqui!!!
          • Homens traem, mulheres traem. Em menor proporção – por questões de educação, valores etc -, mas traem. A diferença é que quando o fazem são muito mais cuidadosas, então dificilmente suas traições são descobertas pelo marido/namorado.

            (Editado pelo autor 4 meses atrás)

          • Dizer que as mulheres são mais cuidadosas é um discurso falacioso, repetitivo, um senso comum pra lá de manjado. A diferença é que a auto confiança no homem parece ser melhor estimulada e, quando presente em excesso, encarecera o indivíduo em uma realidade idealizada.
          • DiegoO senso comum não surge do nada. Mulheres são por natureza mais detalhistas, mais atentas às pequenas coisas que os homens acham besteiras (ou você vai discordar disso também?). E isso ajuda muito na hora de esconder uma traição.Não sei se existem pesquisas a respeito, mas posso te dizer que minhas pesquisas particulares dizem o seguinte: dentre os homens e mulheres com quem tive amizade durante a vida toda, a ponto de falar sobre esses assuntos, não conheço nenhuma mulher que tenha sido descoberta em sua traição. E conheço MUITOS homens que foram.
          • Deb, permita-me discordar novamente. É, o senso comum não surge do nada, mas não é garantia inconteste de verdade. Vocês reparam os detalhes que são próprios à sua realidade e nós os que julgamos importantes. As variações são sobre o tema e não a ação observadora em si.Eu conheço mulheres que foram descobertas, inclusive por mim. O fato do homem ser mais “descoberto” é uma questão numérica e cultural. Quem trai mais está mais propenso a ser descoberto, além disso, não recai sobre o homem a mesma responsabilização social das mulheres, o que faz com que o homem não sinta necessidade de uma maestria para esconder. Mas é uma questão de escolha, é uma habilidade que talvez seja desprezada e não ausente como diz.Por fim, discordo do texto e considero a traição uma fraqueza de caráter imperdoável, uma regressão à ancestralidade e quem, além de trair, consegue fingir que nada aconteceu, tem uma mente perversa. Por isso não concebo a ideia de que a mulher consegue esconder melhor, pois não a considero um ser humano mais perverso, ao contrário.
          • O problema não é o cara ser canalha, eu, sinceramente, não acho que nasci pra ser fiel….mas na boa, NÃO JOGO A CULPA NOS OUTROS POR ISSO. Em vez de chamar as outras de vadias, pare de ser um  babaca mimado que não sabe assumir o que faz.
          • Também estou no time da Paula, não nasci pra ser fiel. Por isso não namoro mais e como não conheço um cara que aceite relacionamento aberto, sigo solteiríssima.
            Só acho que se o cara vive traindo, pra que continuar nessa mentira? A namorada não merece isso.
          • o texto é bem engraçado, mas como disse um amigo meu ” do que adianta namorar se for pra trair?”
        Carregar mais comentários

        Adicionar novo comentário

        Opcional: Conecte-se abaixo.

        Reações

        • Rodrigo Anjos 09/25/2011 09:35 PM
            De  Twitter
          Eu quero ser fiel, mas as vadias não deixam http://t.co/SxzbAYIv via @papodehomem
        • pedrohpcarne 09/24/2011 04:14 PM
            De  Twitter Mais um retweet de Diogo Delesposte
          RT @papodehomem: Homem não trai. As vadias é que nos fazem trair. http://t.co/uiFlAaep #PdH
        • Diego F. Santos 09/20/2011 10:43 AM
            De  Twitter
          O post mais imbecil q já li no @papodehomem: “Eu quero ser fiel, mas as vadias não deixam.” Saudades do q o blog era. | http://j.mp/npiszM
        • Anderson 09/17/2011 05:47 PM
            De  Twitter
          Eu quero ser fiel, mas as vadias não deixam | Papo de Homem – Lifestyle Magazine http://t.co/HcgiyF3C
        • William Pickard 09/17/2011 02:59 PM
            De  Twitter
          Só de ler o titulo eu já imagino um tremendo um babacão http://t.co/rPSL9lTM
        • Igo Coutinho Moura 09/17/2011 11:48 AM
            De  Twitter
          cuidado, as vadias estão por aí para fuder com sua vida http://t.co/7RMrC4OP
        • Alexandre Brina 09/17/2011 07:14 AM
            De  Twitter
          Só RT isso quem não tem culpa no cartório! 🙂 “@eminetto: Eu quero ser fiel, mas as vadias não deixam http://t.co/Svpjm8HN”
        • Alexandre Brina 09/17/2011 07:12 AM
            De  Twitter
          RT @eminetto: Heheheh Eu quero ser fiel, mas as vadias não deixam http://j.mp/rtET9m
        • Marlon Faria 09/17/2011 01:46 AM
            De  Twitter
          Eu quero ser fiel, mas as vadias não deixam http://t.co/orMKsTHf
        • Coroa.Ralf.Rafael 09/16/2011 11:31 PM
            De  Twitter
          Eu quero ser fiel, mas as vadias não deixam http://t.co/fduCnuWP via @papodehomem
        URL de Trackback


      &&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

      Um romântico à moda antiga (até demais)

      Por Jack

      Sou o típico homem “bobão a moda antiga”. Quando me apaixono sou romântico, fiel, gentil, companheiro, leal e faço tudo pela pessoa que eu amo (desde que esteja ao meu alcance, claro). Mas tenho dois “pequenos” defeitos, que são:

      1°- Exigente ao extremo
      E não digo exigente no quesito beleza, porque para o coração não existe isso. Pode ser o cão/cadela chupando manga, se você ama, será a pessoa mais linda do mundo. Exigente que eu digo, é que gosto que a pessoa esteja disposta a fazer tudo por mim, como eu sou disposto a fazer tudo por quem amo. Gosto de atenção, de ficar agarradinho, abraçadinho, curtindo minha parceira quando temos tempo livre para estarmos juntos. Muitos podem dizer que sou chiclete e até concordo um pouco, mas seria mais na parte da noite e não o dia todo, pois minha manhã e tarde são ocupadas com minhas atividades (trabalho-academia-treinos). Então de noitinha e aos finais de semana, que é o tempo que tenho livre, gosto de estar presente e me fazer presente na vida da pessoa, como gosto que a pessoa se faça presente na minha. Gosto de chegar em casa, cansado e poder contar tudo o que aconteceu no meu dia e tambem gosto de saber todos os detalhes de como foi o dia da pessoa. E quando eu digo “todos” são todos mesmo! Se alguem deu em cima, se ficaram de graça e coisas do gênero. E isso vem de encontro ao segundo defeito.

      2° – Ciumento demais
      Sim, sou ciumento e admito isso. Não me considero um “ciumento doentio”, mas sim, sou ciumento. Minhas ex sempre tiveram amigos homens e eu nunca tive ciúmes disso. Porém, quando eu conhecia o “histórico” do candango e via que era um pegador, meu sentido de alerta sempre falava mais alto e não gostava de muita aproximação. Muita não, nenhuma. Orkut, Facebook e MSN, nem pensar. A não ser que fosse feito um para o casal, ambos tendo a senha. Nunca gostei que minhas namoradas tivessem contato com antigas “amizades coloridas”, porque sei que na primeira briga séria, a tal amizade provavelmente começaria a soltar uma penca de elogios e a dizer coisas do tipo: “você merece coisa melhor” ou “vamos sair pra conversar sobre isso”. Acredito sim, em amizade homem x mulher. Porém todos nós sabemos que quando o(a) amigo(a) colorido(a) é atraente, aquele ombro amigo fica tentador quando não estamos em perfeita harmonia com nossa cara metade,não é mesmo? Quando conhecia amigos delas, gostava de saber de tudo, desde se fulano foi um ex ficante até se ciclano foi par na festa junina do colégio na turma no primeiro ano.

      Não que isso vá mudar minha vida, pois não vai. Apenas não acho justo eu estar no mesmo local que o cara que ja ficou com alguem que estou namorando, e todos ao meu redor sabendo do que acontecido, menos eu. Minha auto-estima é boa, me cuido, cuido da minha aparência, treino todos os dias. Sem contar que conheci alguns dos ex namorados delas e modéstia a parte, me considero um homem inteligente e um dos mais bonitos que já passaram pelo currículo delas. Sem contar que na cama, eu nunca fui egoísta. Gosto de sentir e dar prazer às minhas parceiras.

      Você pode dizer: Po*** Jack! Você sabe dos seus defeitos, sabe no que está errando e no que você tem que melhorar. E porque não o faz? E eu te respondo, pelo simples fato e motivo de relatar essa situação, caro leitor: Não consigo mudar!

      Sei que estas foram as razões de todas que eu terminei (sim, por incrível que pareça, eu que terminei com a maioria delas, por achar que não se entregavam tanto ao relacionamento quanto eu) e não pensem que eu não tentei mudar, pelo contrário, tentei e muito. Mas as minhas (ex) parceiras notavam que eu não estava sendo eu mesmo ao dar essa tal liberdade. Eu ficava estranho, calado, veias saltando pela minha pele em quase uma transformação de Hulk,querendo me fazer esmurrar o sujeito “ex-ficante-amigo-colorido” e tendo que transparecer um sorriso amarelo e soltar um belo “tudo bem?”

      Acho que se eu não encontrar alguém que pense como eu novamente, meu destino será ficar solteiro.

      Não tenho nada contra, afinal, a sensação de liberdade ela é ótima, admito. Mas tem uma hora que cansa, você quer alguem fixo ao lado.

      E vocês, já tiveram que mudar o jeito de ser por alguém?

      Nota: O Jack é nosso leitor e enviou o texto dele pra ser publicado aqui no Diário de Solteiro. Envie o seu texto também e compartilhe suas histórias, experiências e opiniões com os milhares de leitores do nosso blog! Envie seu texto através do nosso formulário. Se preferir, pelo email:contato@diariodesolteiro.com.br

      Comentários do Post

      1. Carlos Neves comentou no dia 16/jan/2012 às 12:39 amJack,
        super interessante está pastagem sua. A todo momento eu falo a seguinte frase: “nasci na época, na era e no século errado”. Isto pq, sou do tipo de Homem romântico a moda antiga, que abre a porta do carro, q leva rosa ao primeiro encontro de boas vindas, que chama de meu amor..minha princesa, que sempre gosta de presentear com coisas e objetos de momentos (sem serem caros) e sim como forma de dizer q eu me lembrei, etc.
        Outra frase q eu falo a todo momento e q a coisa mais fácil, é conquistar uma mulher. Mas a grande arte de um Homem sábio, é a de manter a sua companheira conquistada diariamente.
        Uma coisa q nenhuma mulher gosta, mto menos eu, e ser pegamos, ficar no pé…do estilo vigia. rsrsrsrsrsrsrsrs. Mas tenho q admitir q, adoro ligar para minha companheira para desejar um bom dia…uma Boa tarde e uma Boa noite agradável…mas sem ser chiclete.
        Portanto meu caro Jack, o ciúme e ponto negativo em qualquer relação, seja ela qual for. E preciso ter mais confiança em vc e na sua companheira ou pretensa.
        Quanto a ser exigente…não vejo como ponto negativo…desde q vc seja recíproca a outra parte. Tipo: vc e cimento, e não gosta q a sua companheira seja comenta.
        Uma dica…tente explorar ao máximo os gostos em comum, com a sua galinha…e aproveite ao máximo a durável sensação de estar ao lado dela. Ela ficara na sua e por consequência…o seu ciúmes tenderá a diminuir.
        Um grande abraço.
      2. Katsawa comentou no dia 16/jan/2012 às 9:31 amAmigo, tudo que é exagerado tende a desgastar a relação.As pessoas enjoam com os exageros, principalmente nos exageros quanto aos ciúmes e as cobranças.O equilíbrio é fundamental.
        O que vc precisa superar é justamente este desejo de aprisionar a pessoa a vc, fazendo tudo por elas mas cobrando com juros.
        Esta atitude não serve para conquistar de verdade uma mulher, só afastá-la de vc.
        Contato social é importante, sair somente os dois para os mesmos lugares, ou pior ficar somente em casa, impedir que ela tenha amizades ou que ela termine as amizades por sua casa, desgasta qualquer relação com o tempo.
        Ao invés de vc se preocupar com a reação dos amigos da garota quando houver brigas entre vcs, pq vc não evita as brigas e procura ser mais tranqüilo e calmo? Procure ser superior aos amigos dela, que ela não terá motivos para correr atrás dos amigos dela em busca de apoio e carinho.
        Brigas só servem para terminar um relacionamento da pior forma.Não adianta vc ser super grosseiro com a garota e no dia seguinte querer correr atrás dela querendo reconquistar, pedindo mil desculpas (sendo super romântico e enchendo de flores), a besteira já foi feita e já desgastou uma parte do relacionamento.
        Vc precisa ser mais do que tudo, o melhor amiga da garota que vc está gostando, sem amizade, relacionamento nenhum vai para frente.
        O problema é interno, busque uma forma de ser o melhor de todos e não brigar com as pessoas que vc considera que seja melhor que vc para elas.Procurando se desenvolver para ser o melhor é que vc garante de verdade o amor delas.
        Boa Sorte.
      3. Rafael comentou no dia 16/jan/2012 às 10:18 amCara, seu problema é simples: vc é um chato! Mude, ou ache uma chata pra vc.
      4. Felipe Gomes comentou no dia 16/jan/2012 às 10:46 am@Rafael HAHAHAHAHA… simples e sincero!
      5. Camilinha comentou no dia 16/jan/2012 às 10:49 amJack… é d vc q eu preciso… O seu defeito nº 1 é a qualidade q eu busco… Bjus!!! ^^
      6. Biia comentou no dia 16/jan/2012 às 11:07 amPQP.. eu jamais ficaria com um cara como vc.. Concordo com o Rafa, vc é um chato.. Odeio pessoas exageradas.. Tudo tem q ser controlado.. Continua tentando mudar.. qm sabe vc num consegue..
      7. Thatha comentou no dia 16/jan/2012 às 12:44 pm@Camilinha concordo com vc…tbm busco em alguem o 1º defeito dele…rs
        mas não axo legal a questão do ciumes…
        ^^
      8. Grayce Kelly Plin Plin comentou no dia 16/jan/2012 às 12:50 pm@Rafael, concordo com vc. Na boa, quero distância de uma relação assim. Nada saudável (e muito sem noção) ficar alimentando ciumes pelo par da quadrilha da escola. Pelo amor de Deus.
      9. Aline Caruso comentou no dia 16/jan/2012 às 12:50 pmQual a mulher que aguenta por muito tempo um cara assim? Seu ciúmes é exagerado, no começo a garota vai achar bonitinho isso, mas depois vai se cansar! Todo casal precisa de privacidade, um vivendo a vida do outro não dá certo. Não existe pessoa que não possa mudar, lógico que você pode, na verdade você não quer!!! Esse papo de não poder ter msn, facebook ou afins é muiiita idiotice, afinal a garota pode fazer um msn escondido pra poder conversar com os amigos ou amigas. Na verdade, você se diz o mais bonito que passou na vida de suas “exs” mas na verdade parece o mais inseguro isso sim! Afinal, se a pessoa gosta realmente de você, pode conversar com várias pessoas que a opinião dela não vai mudar. Ou você pensa melhor e muda seu jeito, ou acha uma garota tão insegura, ciumenta e carente quanto você!!!@Rafael: Concordo com você, hiper sincero! kkkkkkkkkkkk
        @Katsawa: Adoro quando você posta suas opiniões! =D
        @Biia: Eu também não conseguiria!
      10. Heverson comentou no dia 16/jan/2012 às 1:07 pmVelho..em relação ao seu primeiro defeito, entendo perfeitamente, pois sou quase assim tb. Mas não sou de falar muito, então não gosto de ficar falando do meu dia e blá blá bla..agora ouvir, sempre ouço..e é isso que as mulheres querem geralmente (alguem pra ouvir como foi o dia dela, por mais monótono que tenha sido). e como a Aline Caruso disse, é uma idiotice isso de ter ciúmes de Facebook, msn. O que você demonstrou relatando seu segundo defeito é que você é um tremendo de um inseguro. E pelo que entendi, se você já sabe qual é seu problema e mesmo assim todos seus relacionamentos fracassaram, é por que VOCÊ NÃO QUIS E NÃO QUER MUDAR . Do que adianta você se achar o mais bonitão se tem ciúminho do amigo de infância? aí não né.
      11. leandro 10 comentou no dia 16/jan/2012 às 1:15 pmamigão, eu sou um homem que tem os mesmos defeitos que vc, menos o ciume,pois sei administrar isso muito bem… porem eu gosto de me sentir amado, gosto de mulher ciumenta, que liga sempre, que me cobre, Eu não sou assim, mais gosto que faça comigo… É meio estranho eu sei… E toda vez que me relacionei com mulheres, que sabiam administrar bem os ciumes, me ligava uma vez no dia, quando ligava, não ficava em cima, me deixava super avontade( coisas que todo homem sonha em ter), porem eu me sentia abandonado, deixado de lado. achava que a pessoa não estava correspondendo, com o que eu estava dando… ai começavam as briguinha… entao amigo, não mude, aprenda administrar o ciume. Com certeza em algum lugar tem alguem que adora os seus defeitos!!! somente busque ate encontrar!!!
      12. Isoldinha comentou no dia 16/jan/2012 às 1:17 pmCaro Jack
        Você so precisa enfiar na sua cabeça que se a menina namora com você, é por que é você que ela quer. Ninguém é igual a ninguém. Você não esta exigindo que suas namoradas façam tudo por você! Esta pedindo que elas deixem de fazer por elas mesmas. Todas as pessoas tem amigos, ex ficantes, etc, e se ela esta contigo agora, é por que quer, ninguém obriga ninguém a namorar ok?
        Não tem coisa mais chata do que ter alguém desconfiando de você o tempo todo…
      13. Juh comentou no dia 16/jan/2012 às 1:37 pmRomantismo+insegurança+ciúmes+neura+paranóias+rede social conjunta = atitudes de mulher.
        Agora vc homem… basta ser homem sem frescuras, quer fazer um agrado de vez em qd, faça. Mas não seja vc a mulherzinha ciumenta, chata e neurótica da relação.
      14. Filipe comentou no dia 16/jan/2012 às 3:04 pmJack, meu querido! se você for um cara com auto-confiança, sua namorada é uma excelente pessoa, companheira, não tem o porque ter essas crises de ciúmes, pois isso desgasta demais a relação!
        transmita confiança e equilíbrio, pois dessa forma o relacionamento é saudável e sempre dá certo!
      15. Alexia K. comentou no dia 16/jan/2012 às 9:10 pmNa boa véi……….véi……….me deu até uma aversão quando li esse texto, porquê lembrei que já tive um rolo com um cara exatamente assim. Vai ver é até o mesmo, só mudou o nome! rs
        Era uma coisa de ligar todo santo dia, mandar 10 sms melosos, querer se ver toda hora, que me sufocava demais…Era até uma pessoa legal de conversar, mas grudando desse jeito sem ao menos saber quem aquela pessoa é e já falando no 1º encontro que queria namorar é uma bosta…
        Tira praticamente todas as chances daquela pessoa chegar a sentir falta da sua presença sem se sentir aprisionada prestes a fugir na primeira oportunidade. Fora esse lance de ser ciumento que me assusta, porque pra mim esse ciúme é o primeiro passo para uma violência impensada cara…
        Eu sinceramente, não procuro um homem assim desse jeito. Se ser moda antiga é isso, eu tô fora.
        Prefiro que me deixem com a minha liberdade de agir e pensar, sem cara feia para os meus amigos (que são a família que eu escolho) e muito menos com mais mimimi do que eu. Tento respeitar e não julgar os outros, mas é difícil quando as pessoas não se encaixam de jeito nenhum. E não me venha com essa de “Ah..depois de tudo o que eu fiz…que pessoa ingrata!” Faz porque quer, meu caro, ninguém é obrigado a agradar ninguém esperando sempre algo em troca! Isso é perda de tempo…Tenta rever isso daí e vê se da próxima você “dá mais sorte”!
        abraço.
      16. Gustavo comentou no dia 16/jan/2012 às 9:50 pmCara se eu fosse mulher não ficaria contigo não, você demonstra ser controlador e se tem alguém que queira agir assim comigo eu mando pra PQP, mas concordo sobre o receio dos amigos de namorada, eu também tenho um p… receio das amizades masculinas das mulheres, eu ao contrario de você não acredito em amizade de homem e mulher se um ou os dois forem bonitos. Eu mesmo não conseguiria ter uma amizade com mulher e não demonstrar interesse nenhum nela. Tenho um insegurança com os amigos de namorada. Não tem como, há sempre um que quer pegar sua mulher mesmo sabendo que está comprometida. Muitas amizades ocorrem por não ter a relação, então bate sim a insegurança e o medo de se traído por um deles, principalmente quando a mulher é cheio de amigos. Sou paranoico com amizade de mulher, aquelas que tem muitos não digo que perco totalmente o interesse mas concerteza perde pontos comigo. Muitos podem considerar um defeito meu mas que eu não mudo minha opinião sobre amizade entre homem e mulher eu não mudo até que alguma me convença do contrario, o que não conseguiram até hoje.
        Abraço.
      17. Rodrigo Almeida comentou no dia 16/jan/2012 às 10:06 pmJack gostei do seu texto e da tua sinceridade, vc só tem que achar uma mulher com as mesmas caracteristicas que a sua… Mas porra cade a atitude de homem “alfa”?“Então de noitinha e aos finais de semana, que é o tempo que…” (noitinha não, pelo amor de deus!) :pTudo da certo no final! keep it simple!
      18. Maicon comentou no dia 17/jan/2012 às 12:01 amJack,
        A primeira coisa que me perguntei foi qual será a sua idade?
        Você parece um pouco inseguro em seu texto. Não querendo generalizar, mas pelas minhas próprias vivências dá quase pra deduzir que vc seja novo, menos de 25. Posso estar enganado, pois nem todos mudam com o tempo, mas isso não muda o que parece estar claro: Sua insegurança.
        Seu primeiro defeito não acho que seja ruim, legal o homem ser atencioso, mas tudo tem limite e acho que vc passa o limiar do romântico para o grudento, eu se fosse mulher não gostaria, não gosto de mulher assim.
        O segundo defeito.. ser ciumento! Esse é crítico, dos piores que podem existir e é quase sinônimo de insegurança, sabe não engulo esse papinho: Ah, mas eu sou assim, é natural eu ser ciumento… sempre fui e não vou mudar! Não cola, me desculpe.
        A chave para seus dois problemas é tentar controlar sua insegurança, dá a entender que vc seja um tanto quanto possessivo, posso estar redondamente enganado! Não curto ficar querendo saber o passado das minhas ficantes, rolos e também não fico me abrindo assim. Claro que algumas coisas sempre comentamos com aqueles que estão ao nosso lado. Mas o que ficou no passado, passou! Por algum motivo não deu certo, e se estou com alguém agora é porque esta tem a chance de fazer melhor do que aquela que passou!
        Se passado fosse bom era presente! Foi ótimo enquanto durou, mas por algum motivo terminou. E deu. É isso que exponho e é somente isso que quero saber.
        Bom que vc sabe dos seus pontos que não lhe agradam e devem ser mudados, já passei por isso de “Ah, não consigo mudar!”, Consegue sim, tchê! Espero que consiga melhorar esses pontos!
        Grande abraço…
      19. Mirella comentou no dia 17/jan/2012 às 1:26 amEu não suportaria tamanha carência misturada com insegurança.@Gustavo,tenho amigos homens dos tempos do Colegial,Faculdade e Trabalho,e é só amizade meeesmo.E não sou feia,modestia parte,me considero uma mulher bonita.Enfim,o fato de alguns confudirem (desculpa esfarrapada),não quer dizer que vou ceder.Onde trabalho os homens são maioria,e uma maneira que tenho de me precaver é mantendo meu namorado sempre presente.Coloco a foto dele lá bonitinha,sempre rola alguns comentários,mas não ligo.Sempre falo nele,daí o máximo que rola é,’deixa esse seu namorado feio e fica comigo’.Lógico que deve rolar outros comentário dos quais eu não fique sabendo,mas não dou abertura.Acho que depende muito da mulher,por que homem sempre tenta alguma coisa,cabe a mulher aceitar ou não.Não é nos amigos que você precisa confiar e sim namorada.
      20. Lilian comentou no dia 17/jan/2012 às 11:57 amJack,
        achei bem legal sua exposição. Me considero uma mulher jovem a procura de uma amor assim. A única coisa que discoro de vc é a respeito de rede social conjunta. Acho que o ser humano nasceu sozinho. Acho até que ha pessoas que conseguem nascer, viver e morrer sozinhas, sem necessitar de outro alguem, o que nao é o meu caso. Quero um companheiro, nao alguem que me “complete”. Isso porque, antes de conhecer esse futuro companheiro, eu ja tenho uma vida anterior e experiencias que me transformaram em quem eu sou hoje.
      21. AnaLu Oliveira comentou no dia 17/jan/2012 às 3:16 pmCaramba…vc precisa rever seus conceitos. Quando estamos em um relacionamento, não significa que vamos receber exatamente o que damos. Não há medida exata pra isso, cara.
        Tá na hora de mudar…
      22. Mônica comentou no dia 17/jan/2012 às 10:17 pmJack amei vc… Tudo que eu procuro… Querendo é só me add no facebook, não se fazem mas homens como vc. AMEIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII cada palavra sua kkkkkkkkkkkkkkkkkkk, talvez pq eu tbm seja uma chata.
        Ah!! Meu face Mônica Toledo ; )
      23. Mônica comentou no dia 17/jan/2012 às 10:18 pmVc é o homem certo com pessoas erradas, portanto amigo… Levanata a cabeça e se orgulhe de quem vc é. Beijãoooooooooooooooo
      24. Sandra comentou no dia 17/jan/2012 às 11:17 pmJack,
        Sua sinceridade é impressionante e vc já deu um passo que talvez seja o mais complicado de todos em qualquer situação, vc tem a exata noção dos seus defeitos. Tudo bem que como vc mesmo viu em alguns depoimentos aqui, tem quem goste, mas a verdade é que se vc está solteiro esses seus defeitinhos não tem te dados tantas vantagens assim. Eu por exemplo em tempo algum queria um homem como vc do meu lado. Isso não é ser atencioso é ser sufocante, mas… como já disse temquem goste. Então meu caro vc tem duas opções:
        1ª – Vc não quer mudar seu jeito de ser – Procure umas dessas que curte esse seu jeito e serem felizes até que dure (Pq não acredito que alguém aguente pra sempre);
        2ª – Vc quer mudar o seu jeito de ser: Então faça terapia.Bjs!
      25. Gustavo comentou no dia 17/jan/2012 às 11:44 pm@Mirella Concordo com sua opinião mas na real, não é fácil ser assim, se teu namorado tem uma amigai que é bonita, que fica conversando direito com ele, vez ou outra você vê eles juntos batendo papo, não te bateria uma insegurança e um pouco de ciumes seu dele? Tudo bem que você leva na esportiva e não dá abertura mas querendo ou não um ou outro tem interesse e numa dessas pode rolar uma traição tanto sua quanto do seu namorado, imagina ele trabalhando num lugar onde as mulheres são maioria, muitas são lindas é ele se da bem e conversa com todas. E ai você teria essa confiança no seu namorado? É complicado ter confiança por mais que demonstre ter. hoje mesmo no trabalho(ando ocupado demais, reduzi muito meus posts aqui) vi uma menina batendo papo com um cara, como se fossem grandes amigos e se conhecem a muito tempo e os dois tem boa aparência, não sei se são namorados pois não os conheço mas aquela conversa me chamou muita atenção pois imaginei, se fosse uma namorada minha conversando desse jeito com algum amigo dela e visse isso não sei se teria a mesma confiança que tinha nela antes, claro que não partiria pra ignorância, nem em casos extremos consigo ser ignorante mas não conseguiria ser simpático e aceitar a amizade dela. Não sou tão exigente com isso mas entre uma que tenha poucos e outra que tenha muitos prefiro escolher a que tenha poucos. Me sinto mais seguro mesmo não sendo garantia de fidelidade. Sobre você falar que não suportaria carência com insegurança, nossa @mirella você é difícil kkkkkkk. O homem pra você não pode sequer ter um momento de insegurança que você já manda pra escanteio. Mirella, todos tem suas inseguranças, a questão é aquilo que havia dito a alguns post atras , uns demonstram mais, outros menos. Vai deixar seu namorado se ele demonstrar uma ou outra insegurança, ou se ele pedir para que ensine isso ou aquilo porque ele não sabe e você sim? isso de ter insegurança, carência é normal, o erro é desenhar a pessoa diante de suas franquezas expostas. Todos tem qualidades e defeitos, saber conviver, lidar e melhorar com eles é arte que todos deveriam saber mas infelizmente não sabem.
        Abraço
      26. Aline Andreotti comentou no dia 18/jan/2012 às 1:35 amNem preciso falar que concordo com todos que consideram doentio um relacionamento como o preconizado pelo ilustre @Jack, autor.
        Portanto, fica aí a dica de um psicólogo mt sábio, Frederico Mattos:“O melhor jardim que você pode oferecer para que o amor de alguém floresça é aquele recheado de uma vida que valha a pena ser compartilhada. Habite-se antes de trazer um convidado!”
      27. Mirella comentou no dia 18/jan/2012 às 3:27 am@Gustavo,meu namorado dá aula em cursinhos pra concursos e está sempre cercado por mulheres bonitas e até então com uma boa formação,ele também é bonitão.Não querendo ser hipócrita,eu prefiro acreditar que ele está comigo por que gosta.Então,ele ainda não me deu motivos pra desconfiar de nada,vai ver que é por que não procuro.hahaha…Também não fico fuçando facebook,MSN,orkut(esse é velho,mas já separou muita gente),mesmo por que acho que não gostaria que ele fizesse o mesmo comigo.A possibilidade da traição existe,mas te garanto,da minha parte,é zero.E não suporto que queiram mandar em mim,deixo ir pro futebol com os amigos,mas não pense que vou ficar em casa.Adoro minhas amigas,uma vizitinha não vai me arrancar nenhum pedaço.Bem,desde que não seja esses serviços domésticos(com certeza ele sabe mais que eu,já que ele mora sozinho),tudo bem,eu ensino.Valeu @Gustavo,adorei a bronca,ninguém é perfeito,verdade?
      28. Gustavo comentou no dia 18/jan/2012 às 6:07 am@mirella rsrsrsrs, bronca? que nada, é apenas meu ponto de vista com o seu. Eu não tenho tanta confiança assim,a verdade é que não quero ser traído, por isso qualquer coisa que dá a possibilidade da traição acontecer não vejo com os olhos, só isso. Mas não mudo nada que disse, pelos seus comentários, você me passa a imagem de mulher que não aceita insegurança de ninguém, por isso questionei o sobre o namorado ter algum momento de insegurança ou fraqueza, se você terminaria ou não. Uma mulher com sua personalidade é difícil de conquistar justamente pela alta cobrança e exigência que impõem ao homem. Só isso @mirella.
        Abraço.
      29. Tamiris comentou no dia 18/jan/2012 às 9:03 amJack, não acredito que deva mudar para agradar a pessoa que estiver com você. Ela tem que gostar de você do jeitinho que você é! Com suas qualidades e defeitos.
      30. Katsawa comentou no dia 18/jan/2012 às 9:13 am@Gustavo, relaxa cara, não precisa ficar impedindo da pessoa ter amizades, pq vai chegar algum momento que o relacionamento vai se tornar desgastante se for resumido somente aos dois.Eu comecei a ter uma outra consciência quando tive uma ex que queria que eu passasse meu tempo somente com ela e que terminasse minhas antigas amizades (com outras mulheres).Tenho certeza que se vc tivesse amigas de verdade, não ia querer que surgisse uma mulher que te impedisse de continuar suas amizades.Então não devemos cobrar o mesmo das mulheres, se elas quiserem ter amigos homens.
        Se houver traição, corte o relacionamento e o contato, simples assim.Demonstre que não gosta de pessoas desonestas pq vc não é desonesto.Dar o exemplo é muito importante.
        Alias traição é atitude de pessoas covardes ou promiscuas, pq senão está mais feliz com a relação e pensa em estar com outro, basta terminar.
        Amor só se desenvolve se houver liberdade para ambos, prisão só desgasta mais o sentimento que o outro podia algum dia desenvolver.
        O importante é que os dois tenham uma vida social saudável.Prisão entre duas pessoas só gera estresses,mau-humor,depressão e enjôo da relação com o tempo.
      31. Mirella comentou no dia 18/jan/2012 às 11:40 am@Gustavo,eu também não quero ser traída,mas nem por isso vou sufocar meu namorado por medo que isso possa acontecer.Até mesmo por que se ele quiser trair,uma hora ou outra isso vai acontecer,não adianta eu ficar na cola dele 24hs.Se vou perdoar,com certeza não.Quando estou namorando sou fiel mesmo,mas não sou burra.E se meu namorado fosse carente,inseguro e dependente de mim,com certeza não taria namorando ele.Não sou auto-suficiente,mas não gosto de depender de ninguém pra ser feliz,nem quero ser a infelicidade da outra pessoa.E não sou exigente,pelo contrário,se vejo que não é o que quero,saio fora mesmo.Se isso for um defeito,e se um dia eu achar que preciso mudar,pode ter certeza que vou mudar,mas único e exclusivamente por mim.
      32. Lucas comentou no dia 18/jan/2012 às 1:23 pmAmigo, já fui como você. E te digo uma coisa, isso não tem nada a ver com ser romântico a moda antiga.
        .
        Você é o exemplo perfeito de um cara possessivo, ciumento, inseguro e carente ao extremo. Você deve ser o tipo de cara que quando começa a se relacionar com uma mulher a sério, coloca ela no pedestal e tem a esperança que ela vai transformar você no centro da vida dela também.
        .
        Não estou querendo ofender, de maneira nenhuma, esta é a minha visão baseada no que você mesmo escreveu. E também já vivi e presenciei amigos fazendo a mesma cagada. Este tipo de pessoa geralmente sempre termina os próprios relacionamentos, pois pensa que não está sendo correspondido a altura ou porque cansa de sofrer com coisas que não tem o controle(amizades, personalidade da namorada, etc…)
        .
        Você pode ficar muito revoltado com o que eu estou dizendo, mas se este for o seu caso(mesmo que você negue até morrer). Fique sabendo que viver assim é a fórmula perfeita para a infelicidade, pois você nunca vai encontrar alguém que seja à altura das suas expectativas afetivas ilusórias e se encontrar, vai ser uma mulher tão possessiva, ciumenta, insegura como você e o relacionamento vai se transformar num inferno da monotonia ou de brigas.
        .
        Se eu fosse você, procuraria terapia. Good luck!
      33. Gustavo comentou no dia 18/jan/2012 às 9:43 pm@Katsawa Nunca impedi de minhas namoradas terem amizades mas tinha um certo receio de ser traído por um deles, não ignorava as amizades dela mas não me tornava amigo deles, mais pela insegurança que tinha. Esse seu ponto de vista não é errado, um relacionamento em que se leva apenas a dois fica chato e enjoa. Os amigos ajudam bastante no mantimento do bom relacionamento mas te confesso que sou um cara difícil pra fazer amizades, sou bem reservado e dificilmente eu converso com alguém além do meu trabalho. MSN nem entro mais, não gosto de conversar no msn, Facebook acesso de vez em nunca, orkut também. A verdade é mesmo sabendo que é importante ter amigos me sinto incomodado, mesmo que possam ser legais sempre ligo o alerta pra não ser surpreendido. Pode ser um defeito mas me sinto mais seguro agindo assim. Valeu pelas dicas.
        Abraço.
      34. Gustavo comentou no dia 18/jan/2012 às 9:54 pm@Mirella mesmo eu sendo chato (rsrsrsrs) me responde:
        Imagina que seu namorado fosse carente, inseguro e dependente de você, o que acharia dele? porque não suportaria conviver com alguém assim? como imagina sua vida ao lado do seu namorado sendo ele do jeito que descrevi?
        Abraço.
      35. Mirella comentou no dia 18/jan/2012 às 11:16 pm@Gustavo,como te falei,se ele fosse com você descreveu,não estaria com ele.Mas,vamos supor que ele não demonstrasse isso quando ainda estivesse no começo do namoro,certo?Gosto de desafios,não gosto de coisas fáceis,se percebo que está nas minhas mãos,perde a graça.Pessoas com esse perfil que você descreveu,a gente enjoa rapidinho,por que elas não dão tempo nem pra que a gente sinta falta delas,são grudentas,bajulação demais ninguém aguenta.Mesmo se eu gostasse dele,não duraria muito,por que desgasta a relação.Não gosto que me digam,’eu pago pra você’,prefiro que digam ‘vamos rachar?’,’estou em suas mãos’,prefiro’gosta de mim,então vai a luta’,e por aí vai…Como sempre falo,minhas teorias só servem pra mim,respeito a opinião dos outros,mas sempre faço o que eu acho certo,mesmo não sendo a maneira mais fácil.Respondido @Sr.Gustavo?hahaha
      36. Fabiana comentou no dia 18/jan/2012 às 11:35 pmAdorei este post, Jack meu anjo que bom que vc conhece seus defeitos, a grande maioria desconhece ou não aceita.
        Eu acho que vc não precisa mudar, acredito que com o tempo isso tudo se amenize, aliás nem queira mudar, ninguém é perfeito, se alguém quer perfeição corra para a igreja e reze para Deus, ele sim é perfeito.
        Eu tenho defeitos que tento amenizar, já melhorei muuuuito, mas tudo tem limites, não vou me fazer de uma marionete para ficar agradando aos outros, mudo até o ponto que não agrida minha personalidade, minha integridade e minha dignidade, e mudo quando a mudança for interessante para mim também, no sentido de me fazer crescer como pessoa.
        Bom, acho que é isso, um beijão para vc. Fuii…
      37. Michele comentou no dia 25/jan/2012 às 4:28 pmJack, quero conhecer você rsrsrs…
      38. DC comentou no dia 27/jan/2012 às 5:16 pmJack, assista o vídeo. Sem resistência.
        http://www.youtube.com/watch?v=sLwkN1fqx5g&feature=related
        Não jogue nada pela janela sem antes saber a razão.
        Uma dica: Ninguém suporta uma relação pesada, controladora. De fato, precisa encontrar um equilíbrio para o seu temperamento.
        E isso não significa anular-se, porém, ninguém passa pela vida sem ter que melhorar algo na sua maneira de ver o mundo.
      39. DC comentou no dia 27/jan/2012 às 6:05 pmE eu fico triste quando vejo alguns comentários de pessoas que aprovam esse tipo de comportamento/conduta, levando para o lado mais ignorante do ser humano: “Você não tem que mudar, a pessoa que gostar de você vai aceitá-lo com todos os seus defeitos.”
        Ora, Jack! Sabemos que isso não é verdade. Você que se conhece, se cuida, e está se sentindo desconfortável consigo mesmo. O sinal dentro de você se manifesta, não seria a oportunidade em sair dessa acomodação de apenas reconhecer os próprios defeitos e se esforçar (da maneira correta) para melhorar, ou até mesmo mudar (se for o caso).
        Não há uma fórmula mágica que resolva nossos problemas, porém não podemos nos justificar o tempo todo e se esconder naquilo que a gente já sabe que somos e que nos prejudica e ainda assim permitimos nos acomodar.
        Se reconhecer então, que seja rumo a mudança.
        Não queira, Jack. Não morra com os seus defeitos.
        Olha, há pouco tempo estou namorando e as características que descreve lembra muito quem está ao meu lado.
        E olha, tenho me esforçado muito para entendê-lo, para aceitá-lo mas acredite, as pessoas se cansam, isso desorienta, por melhor intenção que tiver, por mais que queiram permanecer no relacionamento, relacionar-se desta maneira é pesado. Não há paz.
        E ser possessivo não é ser a moda antiga. Esse sentimento de desejar ter controle sobre tudo nada tem a ver com amor a moda antiga, não é bem por aí.
        Sou, uma pessoa mais reservada, caseira, não curto encontros casuais, tenho poucos amigos, detesto exposição e conversas superficiais em redes sociais como Facebook e outros afins e ainda assim venho encontrando problemas no relacionamento, neste sentido.
        Justamente por essa maldita mania da pessoa achar que ninguém nunca está a altura de responder a suas expectativas em um relacionamento.
        A insegurança pode fazer com que você se comporte desta maneira e afaste um amor que poderia trazer-lhe grandes alegrias.
        Não dê ouvido aos conselhos, se preferir. Afinal, a maioria das vezes fazemos mesmo sempre o que bem entendemos.
        Porém, quem fala é alguém que por estar em uma situação semelhante a sua, convivendo com alguém com o temperamento difícil, está se transformando em uma pessoa descrente, no relacionamento. E acredite, não é por frieza. Não há outra mão que eu gostaria de segurar.
        Mas fica difícil. E o afastamento será inevitável.
        O amor não é esse sentimento manco não.
        Olha, a princípio pode parecer um abuso aconselhar a procurar um terapeuta.
        Espero que tenha a sabedoria para compreender que não há problema algum nisso.
        Até porque estamos vivendo em uma época tão conturbada, que acabamos nos misturando as ‘mesquinharias’ da sociedade moderna, e o sofrimento interno e o sentimento de solidão se tornam inevitáveis. (Ainda que muitos escondam.)
        Não se trata de mudar para agradar alguém. E a maior prova disto é, escreveu este texto contando a SUA história. Sente-se desconfortável consigo mesmo.
        Portanto seria injusto querer que uma pessoa de fora aceite como você é, se você encontra dificuldade para conviver com as suas ‘mazelas’, não é?
        Não permita-se criar um personagem de você mesmo.Afinal, de solteiro gente boa e bonito(a), o mundo está cheio.
        E aí te pergunto, não é estranho sentirmos ainda assim tanta solidão?
        É…algo está errado…e é bom que verifiquemos começando por dentro de nós mesmos…Valeu. FUI!!!&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&Ah, também achei este texto em inglês, mas é tão besta que sequer vou citar a fonte (mesmo porque é extremamente fácil de achar)

        The Sixteen Commandments Of Poon

        I. Never say ‘I Love You’ first

        Women want to feel like they have to overcome obstacles to win a man’s heart. They crave the challenge of capturing the interest of a man who has other women competing for his attention, and eventually prevailing over his grudging reluctance to award his committed exclusivity. The man who gives his emotional world away too easily robs women of the satisfaction of earning his love. Though you may be in love with her, don’t say it before she has said it. Show compassionate restraint for her need to struggle toward yin fulfillment. Inspire her to take the leap for you, and she’ll return the favor a thousandfold.

        II. Make her jealous

        Flirt with other women in front of her. Do not dissuade other women from flirting with you. Women will never admit this but jealousy excites them. The thought of you turning on another woman will arouse her sexually. No girl wants a man that no other woman wants. The partner who harnesses the gale storm of jealousy controls the direction of the relationship.

        III. You shall make your mission, not your woman, your priority

        Forget all those romantic cliches of the leading man proclaiming his undying love for the woman who completes him. Despite whatever protestations to the contrary, women do not want to be “The One” or the center of a man’s existence. They in fact want to subordinate themselves to a worthy man’s life purpose, to help him achieve that purpose with their feminine support, and to follow the path he lays out. You must respect a woman’s integrity and not lie to her that she is “your everything”. She is not your everything, and if she is, she will soon not be anymore.

        IV. Don’t play by her rules

        If you allow a woman to make the rules she will resent you with a seething contempt even a rapist cannot inspire. The strongest woman and the most strident feminist wants to be led by, and to submit to, a more powerful man. Polarity is the core of a healthy loving relationship. She does not want the prerogative to walk all over you with her capricious demands and mercurial moods. Her emotions are a hurricane, her soul a saboteur. Think of yourself as a bulwark against her tempest. When she grasps for a pillar to steady herself against the whipping winds or yearns for an authority figure to foil her worst instincts, it is you who has to be there… strong, solid, unshakeable and immovable.

        V. Adhere to the golden ratio

        Give your woman 2/3 of everything she gives you. For every three calls or texts, give her two back. Three declarations of love earn two in return. Three gifts; two nights out. Give her two displays of affection and stop until she has answered with three more. When she speaks, you reply with fewer words. When she emotes, you emote less. The idea behind the golden ratio is twofold — it establishes your greater value by making her chase you, and it demonstrates that you have the self-restraint to avoid getting swept up in her personal dramas. Refraining from reciprocating everything she does for you in equal measure instills in her the proper attitude of belief in your higher status. In her deepest loins it is what she truly wants.

        VI. Keep her guessing

        True to their inscrutable natures, women ask questions they don’t really want direct answers to. Woe be the man who plays it straight — his fate is the suffering of the beta. Evade, tease, obfuscate. She thrives when she has to imagine what you’re thinking about her, and withers when she knows exactly how you feel. A woman may want financial and family security, but she does not want passion security. In the same manner, when she has displeased you, punish swiftly, but when she has done you right, reward slowly. Reward her good behavior intermittently and unpredictably and she will never tire of working hard to please you.

        VII. Always keep two in the kitty

        Never allow yourself to be a “kept man”. A man with options is a man without need. It builds confidence and encourages boldness with women if there is another woman, a safety net, to catch you in case you slip and risk a breakup, divorce, or a lost prospect, leading to loneliness and a grinding dry spell. A woman knows once she has slept with a man she has abdicated a measure of her power; when she has fallen in love with him she has surrendered nearly all of it. But love is ephemeral and with time she may rediscover her power and threaten to leave you. It is her final trump card. Withdrawing all her love and all her body in an instant will rend your soul if you are faced with contemplating the empty abyss alone. Knowing there is another you can turn to for affection will fortify your will and satisfy your manhood.

        VIII. Say you’re sorry only when absolutely necessary

        Do not say you’re sorry for every wrong thing you do. It is a posture of submission that no man should reflexively adopt, no matter how alpha he is. Apologizing increases the demand for more apologies. She will come to expect your contrition, like a cat expects its meal at a set time each day. And then your value will lower in her eyes. Instead, if you have done something wrong, you should acknowledge your guilt in a glancing way without resorting to the actual words “I’m sorry.” Pull the Bill Clinton maneuver and say “Mistakes were made” or tell her you “feel bad” about what you did. You are granted two freebie “I’m sorry”s for the life of your relationship; use them wisely.

        IX. Connect with her emotions

        Set yourself apart from other men and connect with a woman’s emotional landscape. Her mind is an alien world that requires deft navigation to reach your rendevous. Frolic in the surf of emotions rather than the arid desert of logic. Be playful. Employ all your senses. Describe in lush detail scenarios to set her heart afire. Give your feelings freedom to roam. ROAM. Yes, that is a good word. You’re not on a linear path with her. You are ROAMING all over, taking her on an adventure. In this world, there is no need to finish thoughts or draw conclusions. There is only need to EXPERIENCE. You’re grabbing her hand and running with her down an infinite, labyrinthine alleyway with no end, laughing and letting your fingers glide on the cobblestone walls along the way.

        X. Ignore her beauty

        The man who trains his mind to subdue the reward centers of his brain when reflecting upon a beautiful female face will magically transform his interactions with women. His apprehension and self-consciousness will melt away, paving the path for more honest and self-possessed interactions with the objects of his desire. This is one reason why the greatest lotharios drown in more love than they can handle — through positive experiences with so many beautiful women they lose their awe of beauty and, in turn, their powerlessness under its spell. It will help you acquire the right frame of mind to stop using the words hot, cute, gorgeous, or beautiful to describe girls who turn you on. Instead, say to yourself “she’s interesting” or “she might be worth getting to know”. Never compliment a girl on her looks, especially not a girl you aren’t fucking. Turn off that part of your brain that wants to put them on pedestals. Further advanced training to reach this state of unawed Zen transcendence is to sleep with many MANY attractive women (try to avoid sleeping with a lot of ugly women if you don’t want to regress). Soon, a Jedi lover you will be.

        XI.  Be irrationally self-confident

        No matter what your station in life, stride through the world without apology or excuse. It does not matter if objectively you are not the best man a woman can get; what matters is that you think and act like you are. Women have a dog’s instinct for uncovering weakness in men; don’t make it easy for them. Self-confidence, warranted or not, triggers submissive emotional responses in women. Irrational self-confidence will get you more pussy than rational defeatism.

        XII.  Maximize your strengths, minimize your weaknesses

        In the betterment of ourselves as men we attract women into our orbit. To accomplish this gravitational pull as painlessly and efficiently as possible, you must identify your natural talents and shortcomings and parcel your efforts accordingly. If you are a gifted jokester, don’t waste time and energy trying to raise your status in philosophical debate. If you write well but dance poorly, don’t kill yourself trying to expand your manly influence on the dancefloor. Your goal should be to attract women effortlessly, so play to your strengths no matter what they are; there is a groupie for every male endeavor. Except World of Warcraft.

        XIII. Err on the side of too much boldness, rather than too little

        Touching a woman inappropriately on the first date will get you further with her than not touching her at all. Don’t let a woman’s faux indignation at your boldness sway you; they secretly love it when a man aggressively pursues what he wants and makes his sexual intentions known. You don’t have to be an asshole, but if you have no choice, being an inconsiderate asshole beats being a polite beta, every time.

        XIV. Fuck her good

        Fuck her like it’s your last fuck. And hers. Fuck her so good, so hard, so wantonly, so profligately that she is left a quivering, sparking mass of shaking flesh and sex fluids. Drain her of everything, then drain her some more. Kiss her all over, make love to her all night, and hold her close in the morning. Own her body, own her gratitude, own her love. If you don’t know how, learn to give her squirting orgasms.

        XV. Maintain your state control

        You are an oak tree. You will not be manipulated by crying, yelling, lying, head games, sexual withdrawal, jealousy ploys, pity plays, shit tests, hot/cold/hot/cold, disappearing acts, or guilt trips. She will rain and thunder all around you and you will shelter her until her storm passes. She will not drag you into her chaos or uproot you. When you have mastery over yourself, you will have mastery over her.

        XVI.  Never be afraid to lose her

        You must not fear. Fear is the love-killer. Fear is the ego-triumph that brings abject loneliness. You will face your fear. You will permit it to pass over and through you. And when your ego-fear is gone you will turn and face your lover, and only your heart will remain. You will walk away from her when she has violated your integrity, and you will let her walk when her heart is closed to you. She who can destroy you, controls you. Don’t give her that power over yourself. Love yourself before you love her.

        ***

        The closer you follow the letter of these commandments, the easier you will find and keep real, true unconditional love and happiness in your life.

        Best,

        Your Lord and King

        Responses

        Shinybead

        Bollocks… There is just a significant minority of women for whom this may hold true. All that means is that you millions of idiot-guys are all fucking the same few women in a pitiful little cycle, congratulating yourself on your genius and ensuring you never interact with the real world enough to challenge your illusions. The kind of women you can attract by following these ‘commandments’ are just desperate, boring, fucked-up losers (sorry to the woman in the previous comment!) – which is convenient, as your fragile pride couldn’t cope with anyone else. I hope some of you are shaken out of these sad restrictions one day, and experience actually great sex (hint: just doesn’t happen if you don’t connect as people before connecting at the genitals :p)

      Synzofglikus

      I’m sorry, there is a certain allure to meeting someone and hitting it off and then having a magical night together. I dont think that you can say there’s a whole separate level of sex for people who have connected emotionally, if there is a serious spark, good logistics and crazy monkey sex it will fucking blow your mind as much as any long term magical night.

      Anonymous

      Hmm, I will fuck the same whore then keep my money, my sanity, and my happiness any day. I will die a happy man and have something to leave my son. God it doesn’t get any better than this.

      Well if the woman ALSO agree’s, who am I to disagree? Damn this is good stuff. Developing the strong reality and strength of character to pull this off is going to take time, but time well spent me thinks.

      apprentice

      Roissy, from the sounds of things, you seem to know women. I have a bit of a dilemma, and I was wondering if there was a way to e-mail you to get your take on my siuation…
      (I realize this reply is on another post as well, but this is a bit of a dire situation)

      Metalhaze

      I would add other commandments

      XVII- Don’t worry or be afraid of what a broad is thinking:

      As a man, one should conquer his ego and be indifferent to what people think of him, be it subjective criticisms or insincere flattery. (the latter being highly addictive for every one wants to be admired). Try to be objective with yourself instead and balance your ego.

      Do not waste your time trying to think what she’s thinking and think for yourself instead. Do not let her thoughts or opinions control your emotional state or mood, remain cool, calm and collected. Instead of getting hung up on what she says, observe her actions for they speak louder than words.

      XVIII-Don’t be too attached.

      Stop trying to control and manipulate the outcome. Control yourself instead, be honest with what you REALLY want and DON’T appologize for being a man. Stop beating around the bush and keep it short, sweet and to the point, it shows balls.

      XIX- Don’t talk it personally.

      Rejection is not failure, it is win-win for not every girl is made for you and it saves you time and energy. If a women is not interested, let it go and stop chasing her…she might come back on your terms. Don’t be a dictator but don’t be overly accommodating either. Be flexible but remain firm and know where to draw the line as to what behavior you’re willing to tolerate. Failure is failing to be honest with yourself.

      XX- Be genuinely Curious about her

      Curiosity is being interested. Ask her lots of open ended questions and get her life story. Remember to always read between the lines. Be a good listener but refrain from giving her unsolicited advice, judging her or trying to “fix” her problems or change her behavior, or she will start viewing you as a “brother/friend”. seek first to understand before being understood.

      You want to know as much as you can about her and let her know as little as you can about yourself. The more questions she asks you, the more interested and intrigued she is, therefore keep control over the ball and always keep her wanting more.

      Honesty should not be confused with confession, do not brag or give unnecessary information and keep your air of mystery. Being too talkative and verbose is not sexy. Less is more so Let her fill the blanks instead.

      heladymel

      Haha… The WOW part is awesome… And Metalhaze–THANK YOU. Guys who yammer on and on and on and on drive me to drink. Although to be fair–it’s not an admirable quality in anyone…

      Nicker

      You will walk away from her when she has violated your integrity, and you will let her walk when her heart is closed to you. She who can destroy you, controls you. Don’t give her that power over yourself. Love yourself before you love her.

      Nicker

      “You will walk away from her when she has violated your integrity, and you will let her walk when her heart is closed to you. She who can destroy you, controls you. Don’t give her that power over yourself. Love yourself before you love her.”

      I have sent this to countless people that have broke up recently. It really hits home and I love you for it Roissy, it has helped me move on and do what I love after a 4 year fiasco.

      josh randall

      Well XIV sounds like a lot of fun–but easier said than done! (Hey! Im a poet!) But this one,X,get inured to her beauty. That sounds a little weird. Isnt the real man the one who has the most appreciation for beauty? When i’m ultra horny,happy and self confident,then women appear soooo beautiful! When I am down in the dumps,theres a felling of,:”Big fookin’ deal! I aint gittin none o’that…” Anyway,#XIII is absolutely great! I will become much more more the toucher;great advice!

      mick

      I was wondering like I always have my female under control and I always go in there keeping my eyes on the prize. But it was this one chick and she was super beautiful and everything was going well and she told me a whole lot of good things and use to call and text me everyday all day..And suddenly it stopped. So I started to think that is was another guy but she telling me that she is busy.
      But she was making time the first time and telling me that I am the exact type of guy that she wanted. So she basically gamed me..I started believing her..And then I let my feeling get involved..Then she stopped texting and calling..And she would text and call back when she feels like it.
      So basically I was in control at first and she ended up getting into control..And now I have not talked to her for 2 weeks now and I texted her 3 times out of that two weeks..So I want to know what can I do to get back in control because to make it worse is I didn’t even fuck her..And I stayed with her but didn’t try..And now I wish I would have tried to fuck her..So what can I do to get back in control…

      Tupac Chopra

      sungirltan:

      furthermore alot of cheating isnt really about sex at all. its about attention and support or just uncomplicated interaction.

      Let’s get something straight. When women cheat, they do it for reasons that fall into one of two broad categories:

      1. Her husband is a high-status alpha male. In this case, she will love fucking his brains out, but will emotionally wilt because of her inability to completely capture his heart, i.e., betaize him. He won’t be giving her the emotional closeness she desires as an indicator of her power over him. In this scenario, a woman will cheat on him with a nice-guy beta type to get her emotional fix.

      2. Her husband is a boring beta provider. He loves talking about his feelings and cooing over the baby. He takes care of all their material needs. But he probably has a small dick, doesn’t know how to use it, is not socially dominant and so does not stimulate the more primative parts of her brain. She craves a Real Man(tm). She fucks the pool-boy or her personal trainer. This type of cheating is the more common type, IMO.

      Since the justifications for cheating in scenario #1 are seen by society as “acceptable” because “it’s the man’s fault”, women use it as an all-purpose smokescreen to hide the reasons for cheating in scenario #2.

      Nicole

      Hmmm…I noticed that something is missing.

      Too bad, since it would have helped to promote the stereotype that fat “ugly” chicks have better personalities, and (outside the U.S. anyway) don’t feel they can afford to be bitches. ;-)

      Burton

      You must not fear. Fear is the love-killer. Fear is the ego-triumph that brings abject loneliness. You will face your fear. You will permit it to pass over and through you.

      Good Dune reference, but are you saying that we should approach women as if trying to ride a giant sand worm?

      That has got to be the biggest load of crap I have ever read. I’ve had more women than I can count, and have now been in a happy, loving relationship for four years. You rules don’t mean you have “game” – they make you a selfish prick.

      King

      Custador

      Really? You want to see a better rule? You should check out Leykis 101 by Professor Tom Leykis. I could understand his rules used by assholes and “selfish pricks.” At least Roissy includes cuddling… why would you though? You have to deal with her in the morning. Waste money on breakfast.

      Also assholes and selfish pricks get laid more than you do by different women. Considering that you stopped being a player. Good luck with your old bag 10 years down the load, you will be poppin blue pills and conjuring every kinky memory to get a decent wood for the expired girlfriend of urs.

      Yes I am an asshole or jerk, call me whatever you like. Personally uber-asshole is best.

      Tood

      How can any of this be done, when US divorce laws are so overwhelmingly lopsided against men? A married man has no choice but to become Beta. as the woman has the power to ruin him any time he wants.

      Marriage IS a Beta act. It may not start out that way, but all bu tthe most deft men will be hammered into Beta-dom, as the power of the state is backing her against you.

      Men, if you want to have kids of your own or a family, sorry, but this is the wrong country and the wrong era in history for that. This is an era where a man in a developed country is unlikely to die on a battlefield. The price of that is that this is an era where a man with kids and a happy family is an extemely difficult outcome to attain.

      Anon2

      “Also assholes and selfish pricks get laid more than you do by different women.”

      You men are so clueless. Women like men IN SPITE of the fact that they are “assholes” NOT BECAUSE OF. You men always confuse the two.

      Insulting a woman doesn’t turn a man who is a 5 into a 10. In fact any time someone insults me they are usually making their ugly mug even uglier by their negativity.

      Amana Lee

      I think you should eliminate the need for women all together. It’s just too damn complicated. Take yoga, learn to give yourself a bj and you are set. No more woman problems and no need to have to follow these commandments. You can just get a dog in case you need to kick something around.

      Geezus

      So this where good game comes to die a quiet death.

      I’ve had men try these rules on me and then get angry when I don’t respond in a predictable way (i.e. chase them). This explains it all! I always had a feeling there’s some Game Bible floating around because men all over the U.S. try this stupid stuff.

      These rules are great if your goal is to sleep with a large variety of (dumb) women. It also works if you want to sleep with a pretty woman with low self-esteem (jackpot!). But it doesn’t work if you’re looking for a quality woman for long-term. Choose your game wisely.

      Btw, guys? Do you think we can’t tell you’re playing games when you interrupt a phone conversation abruptly, promise to call back in a few minutes, don’t call back…and then wait and wait and wait for us to call you back? Keep on waiting, playa. LOL!

      oregonxx

      lol….I read the commandments and think, will men and women ever be able to overthrow their genetic imperative? I don’t disagree with them (the commandments) but certainly don’t think they are what we should aspire to (again, no moral judgement/disagreemnet is implied in my comment, especially since the biology they are based on is amoral in the first place). I just want to go beyond what my genes “tell” me to do.

      That being said, in the sack I want nothing more than good old fashioned submission and domination – I like playing out those ancestral behaviors because they have, after all, evolved to be pleasurable :)

      ebz202

      What moron is going to follow most of these? This is a great guide for a losing a woman as quick as possible or getting the worst kind. And half of them contradict the others.

      Anonymous

      Okay, I think you’re just getting these out of Stuff Magazine, now. All of this shit sounds annoying, and I don’t know a single woman who’d really fall for this shit.

      Independence and mutual support are more important than control. Bleh. Power games. Fuck that noise.

      Geezus

      “you betcha, so next time don’t be so hard on the guys, coz the YOU don’t get laid either !!! mark – mdaspinall@hotmail.com

      You think it’s hard for ANY woman to get laid? Oh you poor deluded fool. I could get laid by a hot of my choosing in 5 minutes. As a matter of fact, it’s so easy for women to get laid, that’s why men are so angry about the alleged power imbalance in a relationship. We have what you all want…and you have to share stupid rules like this with each other in order to get…what do you call it? Laid.

      And Lady Rain is absolutely correct.

      But the men who think this is good advice are probably only interested in getting “bottom of the barrel pussy”. That’s what makes them so lame that they can’t get “top-notch WOMEN”.

      Lady Rain

      A top notch woman has a BRAIN and some respect for herself. The predatory methods here are the same a serial killer would use to target their prey except with none of intellectual “selection”. The difference is this method is “take whatever you can get” and is really really sad and would only draw out “bottom of the barrel” women for a quick lay. I can only imagine in ten years what this guys “sex life” will look like. (or any of these guys for that matter).

      A top notch woman isn’t just defined by her brains, lady Rain.

      She is defined by her heart, her character, her soul.

      Even the few men, like myself, who care about a woman’s intellect (I find it difficult to hang out with dummies), find it second to something in her soul and character.

      The sarcastic, caustic, quick witted types don’t understand the fundamentally different way in which most men see the world, over most women.

      Most of those types are just covering up their hearts anyway. Self defense mechanisms. This is understood, but it is a turn off.

      An intelligent woman who is a good conversationalist but otherwise a bit of a bitch doesn’t interest me as much, beyond a casual carnal connection, perhaps even a grudge fuck, but I have less attraction to her, than a girl who is less bright but has a heart of gold.

      Character matters, it trumps brains, and for some men can even trump looks (within limits, of course).

      I would choose plainer girls with a demonstrably endearing heart of gold, over some hotter girls who may have been stimulating conversationalists but were really lacking in the character department.

      This is within limits, there is an upper limit of hotness that I’d simply ignore a woman’s shit for. But the older I get the more these limits drift downward. And strangely the less a woman’s hotness impresses me. Your cute 6, or 7 types, or 8 types, please impress me with something other than your blazing intellect or sarcastic banter.

      Now a very pretty girl, with a sincere and good heart, who is also intelligent and witty, though not to the point of boorishness, is a keeper in my book.
      And more rare than 4 leaf clovers.

      The tragedy of our generation is that men and women alike have been conditioned by society to misunderstand each other’s priorities.

      Heart can trump brains, Hell Good looks can trump brains, though good looks with brains is prefered.

      Heart and good looks, compete and joust. At the end of the day, I would probably take a plain jane (though fit, important provision, plain but fit) with a sweet and golden heart, over Stripper hot, but with a caustic acidic heart. most strippers aren’t that hot anyway without makeup, and models? The few I’ve known are simply just unusually pretty without makeup, but not so remarkable that I’d abandon my principles for. So a girl really has to bring something else to the table.

      It bears mentioning for the record that deep inside every woman is some beautiful core of a heart, often locked up under years of wounds, defense mechanisms, scars, and heartbreaks. Someone who interests me enough I may be inclined to nurse a broken wing or two, it is nice to nurse somethings sad and broken and help bring out its inner beauty.
      But no Capt. Save a Ho, no way, not at this stage of my life. If the pretty bird with a broken wing snaps with her beak, out she goes. Someone else’s problem.

      The essence of a good heart is openness, compassion, and love. Someone who can’t be open and risk vulnerability for greater love, I have little interest in.

      Plenty of fish.

      SmartiePuff

      “They in fact want to subordinate themselves to a worthy man’s life purpose, to help him achieve that purpose with their feminine support, and to follow the path he lays out.”

      I cannot believe you typed out this entire sentence without realizing what a horrible person you are. Please leave Earth.

      Anonymous

      “II. Make her jealous
      Flirt with other women in front of her. Do not dissuade other women from flirting with you. Women will never admit this but jealousy excites them. The thought of you turning on another woman will arouse her sexually. No girl wants a man that no other woman wants. The partner who harnesses the gale storm of jealousy controls the direction of the relationship.”

      yikes.. if a guy I was with openly flirted with other women in front of me, it wouldleave me cold. No girl wants a man that no other woman wants, that may be true, but I’d prefer a guy who doesn’t feel like he has to prove how desirable he is by flirting with any random chick who passes by.
      I guess it all comes down to how secure he feels. If you need reassurance that you are worthy of female attention, then by all means flirt with other women, but know that you’re acting like a douche. If you inherently know you’re worthy of female attention, you won’t need to flirt with other women.

      stephanie

      jesus….lol i have just been through this with my ex boyfriend….i think the reason this shit works, is because beautiful women do not like to be rejected, we are so used to having all the power, that we stick around to try and figure out what the hell the problem is! But the Sex thing is what kept me around, if he wasnt so damn good at it, i would have left a long long time ago! lol but now i know that he was definatly living by these commandments!

      Bonnie

      Mind games won’t get you far with me and I am good at spotting them. I can see those little wheels turning when someone is trying to manipulate me. Whatever happened to fucking honesty and open communication?

      Can’t identify with this list, and can’t find anything about my husband on it either. Thankfully.

      Laura

      This is pretty stupid, and kind of sounds like a lot of work. How do you relax if you are always worrying about manipulating the situation and following rules? My advice to men. Be the guy you would want to date if you were the girl you want to be with. Genuine awesomeness and the confidence that comes with it is a turn on. If you are depending on rules like this to “cheat” your way into a relationship, it probably isn’t going to get you far.

      La Petite

      Yikes. If anyone ever needs a guide for how NOT to date women, I will direct then here because most of these “rules” are terrible advice. In my eyes, any man behaves like the “ideal” according to this list will come off as a creepy, arrogant asshole. That’s really too bad, because those men are probably, by and large, decent guys who are just trying far too hard.

      Women aren’t a monolithic alien entity. I’d suggest replacing this overwrought list of commandments with this:
      1. Treat us like human beings.

      Silvio Koerich, re. these rules existing because they are “[women’s] own fault,” I argue that there are no rules in love. There are just individuals who operate according to their changeable needs and desires. I’m not in love with a “bad boy,” and I’m certainly not a gold digger because I’m dating a college student. I don’t know about Brazil, but in this country, if you’re in college, you’re poor by default. I’m certain there are plenty of women who would date you if you treated them decently, but most of the “commandments” on this list are absolutely godawful advice. If you behave like this toward women, I’m not surprised if you’re being rejected. Just saying…

      Love,
      A woman

      iz

      if you guys start seeing women as people, it would solve a lot of problems.

      if you follow these “rules,” we’re going to treat you like the dick you are: fuck you, use you, and leave you for the next girl bored enough to entertain your pathetic gaming.

      [editor: and the downside to this is…?]

      every girl sees through it.

      Dumbbitch

      So, what should a guy do when a Woman is aware of all these games he’s playing but she just really wants to fuck, too? Why would a guy tell a girl that is content with fucking him that he loves her? Then, what should he do when she finds him on a porn site where he states he likes “both” ( men and women), tells him to better hide his screen name, but then she never mentions the fact he is a closet bi-sexual?
      And why would he pick a crazy one to play games with?
      I just… I could fuck him over so bad. He did it to me without thinking twice. Totally humiliated me. I know that guys like you pick girls like me because it’s easy. But where is the challenge or game in that? And also because I WON’T actually humiliate anyone. It’s not in my nature. At what point does it just become cruelty? Now, I am obsessed with the fact that someone purposely hurt me. It’s a patience thing I guess,why this guy stopped talking to me I mean. But I can be just as patient and persistent that I am not a piece of trash to be swept under a rug… it’s just in a different way. Does it really take all the fun out of it when a girl catches you in all your tricks, even if she still gets spun up in your web? I just don’t get why you do it.

      guess you should post one more commandment that says “Don’t fuck with a Bi-Polar single mother who’s been alone for two years and has ADD, anxiety disorder, who punched a police officer in the head last time she was arrested, and will email pictures of your cock she found on a porn site to all your loved ones with a note explaining that you a big homo and a sociopath… even if she seems easily exploitable”

      lol dumb bitch are you really a dumb bitch? Bitch I can believe but the dumb I have my doubts.

      But woman are contantly getting revenge like almost all of them in divorce court. They get revenge on the guy for making their life easy and taking care of them all those years. Really payback time then.

      Dumbbitch

      I have never asked for anything from a guy. I didn’t even attempt to ruin my Baby’s Daddy’s life, even though I TOTALLY could. He got married while I was pregnant, and got his original Baby Mama knocked up again… long story short, she doesn’t know about me or my daughter. He’s never even seen her, and I have never asked for anything. I don’t think all women are out to screw people over.
      This other guy I’m talking about though, just never responded to any of my questions, there for gave me no secure grounds for a reaction. This led me to question my own sanity and really screwed up my whole little world. Unfortunately I realize that this is just another part of his game. Well, I can’t stop thinking about it because I never got the chance to process it or deal with it. I knew he was full of shit, and called him on it. Do you think that made it more of a challenge? I’m just saying… Don’t fuck with the unstable.
      Love is some powerful stuff, man. Lovesick people are capable of crazy things. It actually changes the chemistry in your brain, you know? My Father was so terrible to my Step Mother that she killed herself. She’s dead. It happened like 16 years ago. He’ll never forgive himself for it.

      elpa

      What a load of bullshit alpha male crap.

      First, notice that NOT all woman are made the same, it’s a wide generalization that serves no purposes but that of reassuring you that once you know the “secret” about a women, you know them all. Sure, as if knowing a car implied you know all cars , you know it for a fact it’s not true.

      1. Never say I love you first

      Right, what are you, afraid of expressing emotions? What’s even remotely wrong with that? If you fancy being the so called “alpha” , why are you afraid of YOUR emotions ? Possibily because you know that once you told her your truth, she’ll be in control of your whole emotional world by some magic spell you have just said? Not even Harry Potter contains so much bullshit magic.

      II. Make her jealous

      Sure, flirt with others if you like. But take responsability of the consequences, as they will come hard and fast except when you are dealing with an extremely insecure person that craves your attention so much her head is up your ass she can barely breathe. Don’t cry when she find somebody else that doesn’t make her feel out of control and dumps you, don’t cry when she constantly harrasses you because she is MAD jealous about you turning your life in an eternal cat fight.

      III. You shall make your mission, not your woman, your priority

      What, you are on a mission from god ? Well then follow your delusion and leave the rest of us alone please as we have others things to do than entertaining your unachievable aims. Indeed many woman do like to follow a dominant figure, confident man, but dominant to a woman is what a woman thinks is dominant , not a whiplash slave master for sure (nobody likes that kind of an asshole), not what some man may think dominant is.

      V. Adhere to the golden ratio
      That’s good if you want to build the parthenon, but it’s otherwise useless. But let’s make thing easier for the tick bricks: what do you think when a person doesn’t call you back and plays hard to get? That he/she is not interested enough. That’s it, why does it hurt you so much?

      VI. Keep her guessing

      Acting misterious is not the same as being genuinely intriguing and then again what is intriguing to somebody isn’t to somebody else. Study, read, learn, do something original, don’t be superficial. If you can do that, then becoming interesting is automatic, as few really can do that or have the resolve needed to endure for more then a few days.

      VIII. Say you’re sorry only when absolutely necessary

      Which means, when you _really_ feel you have done something wrong to her/him, not just pretending to be sorry in order to defuse. It’s a lot better to be honest and even risk looking foolish than being know as a liar.

      VII. Always keep two in the kitty

      Pretending that you will not suffer if a breakup occours because you have an infinite number of others womans/man avaiable just betrays that you are scared shitless of being dumped. It’s pretending and it shows, otherwise why should you be always suggesting you have other options?

      1. Betti

        There are many women who agree with the rules on this post – and a fair amount of ladies who gave a well articulated disagreement to the rules of poon; However, there are also a few who replied with heated anger, which will only intensify Roissy’s opinion (stated in rule IV) that women are tempest filled creatures ruled by their emotions.

        Am I supporting this stereotype? Absolutely not! I simply am saying that if you disagree with his opinion, don’t reply in a way that fulfills it. He’s not going to respond to emotional outrage. Lets try logic.

        With that said, Roissy, let me add in my 2 cents about the rules of poon from the experience of a “nascent alpha female” (According to the results I received on your test). As a ’7′ on the dating scale, I’m attractive, so I have witnessed many a man’s “game.” Yet I’m not a super alpha, therefore I myself still need to have some “game” at my own disposal.

        I’m not going to comment on every rule btw, just the ones that I feel a need to discuss.

        II. Make her jealous

        This rule is probably the least helpful.

        Example: One of my close friends is a super-alpha and she has a considerate and kind personality. (And no, I’m not just saying she’s an alpha because she is my friend, she is the prototypical attractive female with feminine features, lithe-but still has B sized breasts, curvy legs, smooth complexion, etc.) A veritable gold mine in the dating world! She went on a date with a male who ended up making out with her roommate right in front of her. She ended up sneaking out and never speaking to the guy again.

        With that random anecdote aside, while a female might find it slightly arousing for other women to think her man is hot, most women would be insulted if their man, in turn, openly flirted with the other ladies.

        In short. Men, be flattered when other women flirt with you, but graciously refuse their attentions instead of jumping upon them like a man with no control.

        If you say that women like a man with a sense of “control.” A man who isn’t controlled entirely by impulse can and should refuse the attentions of others, in the process of wooing his date.

        III. You shall make your mission, not your woman, your priority

        I actually agree with this to an extent.

        Does this mean treating your woman like the wallpaper or white noise of your life? No. Should she be the theme song then? No.

        Your mate, (male or female), is the passenger alongside you on this crazy journey that is life. You ride together, learn together, grow together, and perhaps even grow old together. But if you stare at your mate the entire time you are trying to drive somewhere, you are going to crash.

        People are attracted to other people who have meaningful and event filled lives, as well as a since of purpose. If you love to play guitar for example, don’t abandon playing music completely because your partner exclaims that you’re not “spending enough time with them!” Do you ignore your partner completely for the sake of guitar? No! Managing the time and energy you spend on a romantic/sexual partner is similar to juggling the time and energy you exert on a job/family relationships/and friendships. Harmony and balance are the keys to a peaceful life. If you are with a partner that demands you spend all of your free time on “their emotional needs,” well – to be frank – dump their ass. Someone who truly cares about you will care enough to value your “mission” whether it be curing cancer or leveling up your World of Warcraft character – so long as you take your partner along for the ride- and enjoy your partner’s mission alongside your own.

        IV. Don’t play by her rules

        Yes and No. We are viewing relationships here in black and white terms, where either the male is dominant or the female is dominant.

        I say that there should be an attempt at balance between both. Obviously a female is going to be turned off by a male that sycophantically molds to her every desire like a used tampon. I can’t speak for all males, but I know several males who feel the same way about females. Human beings want to be in a relationship with other humans, not a “Yes” machine.

        Women value men with character, a unique set of values, and personality quirks. If a man flushes these treasures down the toilet for the sake of another person’s whims, he is no better than a department store mannequin.

        A relationship is about figuring out what sacrifices are worth making for another person’s happiness and what aren’t; there is no binary “yes” and “no” answer to this issue. If you are not willing to sacrifice a single thing for your mate, the longevity of the relationship will decrease. Don’t sacrifice too little and don’t sacrifice too much. Sacrifice enough to keep her grateful, but not bored.

        VII. Always keep two in the kitty

        “Withdrawing all her love and all her body in an instant will rend your soul if you are faced with contemplating the empty abyss alone.”

        Having a replacement woman available is like telling your kid that you can buy them a new dog after their beloved childhood pet has just been run over. “It’s not the same!”

        If you truly love a woman enough to feel emotionally gutted after she leaves you, having some random person on standby won’t fill up the romantic void in your soul.

        Another person can’t mimic or replace the emotional connection you had in a prior relationship.

        This strategy seems like it could only work if the two women involved are merely friends with benefits, not romantic partners.

        Having a second woman around threatening your marriage is more of a liability than a safety net. More often than not, people usually find out about these secret affairs. Infidelity, statistically, is actually one of the highest causes for divorce in America.

        X. Ignore her beauty

        Yes, I agree. Compliment a beautiful girl on her personality, not her looks. Many hot girls feel insecure about their personalities because men notice their appearance first, which isn’t a bad thing, but it is difficult for appearance not to stand when someone has high caliber looks. Be different and suggest that she’s smart, intriguing, kind, or fun to be around.

        XIV. Fuck her good

        Hell to the Yes!

        XV. Maintain your state control

        I would agree with this had it not assumed that women are crying, manipulative, messes. From my own experience, I have been dating/living with a guy for two years and he has only seen me cry once, and that was for a matter that wasn’t even related to our relationship.

        If anyone would try to manipulate you by a crying emotional mess on a regular basis, they are unstable – weak – and probably in need of some help.

        That is, unless you’re the one making them cry. Be assertive but don’t be abusive. Chicks like dicks, not assholes. A dick fucks a pussy good, but an asshole is just a pussy full of shit (Yeah, I know, I ripped that from Team America: World Police) Stay strong to your core values, but don’t belittle her own values or threaten her with abuse/violence to get your way. That’s even weaker than being a emotional wreck.

        XVI. Never be afraid to lose her

        I agree. Act with compassion, not fear. Trust is the rock of a relationship.

        ***

        ~ Best wishes to those seeking love, I hope you find it.

        johnny five

        betti:
        mixed bag you’ve got there. i will address the points on which you are wrong.

        re (II)
        you do know that “flirting” doesn’t consist of making out with other women, do you not?

        Men, be flattered when other women flirt with you, but graciously refuse their attentions instead of jumping upon them like a man with no control.

        typical postmodern bitch nonsense.

        flirtation is an art, a social lubricant, which, once upon a time, graced male-female interactions throughout the whole cross section of life.

        thanks to attitudes like yours, flirtation has virtually disappeared from the west, unless it’s, shall we say, goal-oriented.

        this is to be lamented.

        re (III)

        you were doing so well, until the last line.

        a man is happiest when his mission is his #1 priority, and his woman is there for the ride.

        a woman is happiest when her man is her #1 priority, and her mission is there on the side.

        re (VII)

        Having a second woman around threatening your marriage

        once upon a time, women had the sense to realize that the occasional mistress was, and is, NOT a threat to men’s commitment to their wives.
        instead, the mistress will often stoke the man’s fires in such a way that he’ll bring some extra heat home to the missus.

        with the disappearance of the commonsense notion that women are not men, has arisen the laughable notion that male infidelity is just as harmful as women’s.

        hint: it’s not.

        Cold Shower

        Good luck with your old bag 10 years down the load, you will be poppin blue pills and conjuring every kinky memory to get a decent wood for the expired girlfriend of urs.

        And 10 years from now, most of the “Game” cultists will still be alone and bitter and with nothing to live for except their next orgasm, the money they would have spent on a wife having been spent instead on Valtrex and cocaine. Another 5 or so years after that and even the Girls Gone Wild rejects they were so used to “peacocking” will no longer be willing to scrounge for dick beneath a middle-aged mangut. No way to know just when they’ll die, but you can be sure that 1 day later no one on Earth will ever know that they had lived.

        Most people learn quickly in life that the “prom queen” douchebags from high school end up being the saddest and most far-fallen, since their life peaked the soonest. It’s a perversion of the natural order for a bunch of hipster douchebags to try to re-create those conditions. It’s like a diaper fetish–people find immature escapism to be TEH KEWL.

        It’s telling that one of the “testimonials” for this fad earlier in this thread was a high school sophomore posting about how the techniques listed here got him laid. Congrats to him an’ all, but I’d say what really got him laid was that he was legally allowed and HIGHLY technologically empowered (texting, Facebook etc.) to fuck dumb 14-year-old girls.

        grow up

        Commandment VI is the love-killer. Faithful execution of Commandment VI is the ego-triumph that brings abject loneliness. You will face an opportunity to build trust. You will permit it to pass over and through you. And when trust is gone, only your paranoid fear of healthy adult relationships will remain. And sex with stupid chicks. You will still have lots of that.

        The other commandments are pretty good too.

        clip

        i think you hate real women so much because they have what you want (bot only on a physical level) and you don’t want to have to deal with them as people. this is classic male chauvinism born of male fear of women. if you really dislike women -and it certainly appears that many men -and the traditional women here too-who’ve commented do – why not do the Plato thing? the word Platonic originally referred to intellectual and sexual relationships between men – not “romantic” relationships. Plato believed that women were inferior and that a true relationship could only exist among equals -men. women were there for reproduction only (don’t know about the domestic thing) why don’t you just fuck each other if you’re so in love with men as superior beings?

        shesadandy

        Clip-

        “i think you hate real women so much because they have what you want (bot only on a physical level) and you don’t want to have to deal with them as people. this is classic male chauvinism born of male fear of women. if you really dislike women -and it certainly appears that many men -and the traditional women here too-who’ve commented do – why not do the Plato thing? the word Platonic originally referred to intellectual and sexual relationships between men – not “romantic” relationships. Plato believed that women were inferior and that a true relationship could only exist among equals -men. women were there for reproduction only (don’t know about the domestic thing) why don’t you just fuck each other if you’re so in love with men as superior beings?”

        Brilliant! I’ve wondered the same thing! Why don’t the men who adopt this chavanistic nonsense start fucking each other and get some of that cum out of their bodies (since it seems to be screwing up their perception of reality).

        They keep telling us that men are so great, well if you men are so great then why do you act like you’d rather put a bullet in your head then have a date each other. Put down the bottle of Smirnoff and the World of War Craft and go learn to suck cock. You can even help each other pay your child support, what could be more romantic? lol! If men are the kings, head of households, the leaders of women…maybe you should start leading by example. If I ever need a blow job tutorial I’m going to take one from “Brad” not ‘Brenda”. Brad will suck your brains out and you know it!

        And I mean have a relationship with men, not just sex (believe it or not a lot more men then we mormally would suspect engage in homosexual sex at one point during their life or another.) Stop bugging women and trying to change our nature to suit your needs. You want cock worship then you needs you a man. Two snaps in a circle, BITCH!

        Say what you want about the lesbian feminist but they are not afraid to put their mouth where the money is…um…so to speak…

        Ouch. Any truly high-quality woman (gorgeous, nice, etc.) is going to see nothing but a HURT LITTLE BOY in these. One who gets laid, and probably a lot, but still a hurt, little boy.

        “I. Never say ‘I Love You’ first”

        I’d say never say it, PERIOD. Then again, my next book’s working title is LOVE CONQUERS NOTHING. In that book, I have an even BETTER deflection that will drive her even MORE crazy than if you hadn’t said anything about loving her.

        You then write:

        “Women want to feel like they have to overcome obstacles to win a man’s heart. They crave the challenge of capturing the interest of a man who has other women competing for his attention, and eventually prevailing over his grudging reluctance to award his committed exclusivity. The man who gives his emotional world away too easily robs women of the satisfaction of earning his love. Though you may be in love with her, don’t say it before she has said it. Show compassionate restraint for her need to struggle toward yin fulfillment. Inspire her to take the leap for you, and she’ll return the favor a thousandfold.”

        Then she’ll be out the door once the “challenge” is won. This is “challenge fox” theory, which I wrote about in Outfoxing The Foxes, my 1998 book. If she wanted your heart, rather than the challenge, she wouldn’t play this game and risk losing you. You say “women” as if all are equal. If you think that, you aren’t picking them as well as you could.

        “II. Make her jealous”

        Unprovoked emotional abuse is not wise. This will cost you the ONE type of woman who isn’t like the garbage that responds to this. Worse, if it DOES work, you wind up with a gameplayer for a girlfriend or wife, and YOU lose.

        “Flirt with other women in front of her. Do not dissuade other women from flirting with you. Women will never admit this but jealousy excites them. The thought of you turning on another woman will arouse her sexually.”

        Then publish your sexual exploits. Got tons of them in my next book, many of which will be in the free chapter, which will be read by hot women, etc.

        “No girl wants a man that no other woman wants. The partner who harnesses the gale storm of jealousy controls the direction of the relationship.”

        Basic PIVOT theory. I see you’ve read 29 Reasons Not To Be A Nice Guy (1999), where I debuted and defined the pivot.

        “III. You shall make your mission, not your woman, your priority”

        Just make sure you don’t miss the woman when she disappears while you were focusing on your mission. Good advice there for many situations, but the exceptions are too notable. Lots of throwing the baby out with the bathwater there.

        Say, are we supposed to just TAKE YOUR WORD FOR IT when you say you get laid? How do we know the women YOU think are hot are all that hot? You can be anyone or anything you want when anonymous.

        “Forget all those romantic cliches of the leading man proclaiming his undying love for the woman who completes him. Despite whatever protestations to the contrary, women do not want to be “The One” or the center of a man’s existence.”

        Actually, some do, but guess what? They are WITH the man they want this with, in a drama-free relationship, rather than trying to get your attention in a bar. Now if you aren’t ATTRACTING this type of woman, that’s a separate problem.

        “They in fact want to subordinate themselves to a worthy man’s life purpose, to help him achieve that purpose with their feminine support, and to follow the path he lays out.”

        SUBMISSIVE women want this. Not all women are submissive, and not all nonsubmissive women are dominant. A drug dealer might think all women are crack whores, but that doesn’t mean they are. You are confusing YOUR world with THE world. The latter is a much bigger place.

        “You must respect a woman’s integrity and not lie to her that she is “your everything”. ”

        PUAs lie by omission all the time, and lie about their agenda. Most will not be honest and cost themselves a lay, and most will spend money even if they aren’t “supposed” to. Respect and “game” don’t mix.

        “She is not your everything, and if she is, she will soon not be anymore.”

        That will be HER loss and your ultimate gain. You’re ignoring the times a guy doesn’t lose her for doing this, but those guys don’t buy bootcamps or products, do they?

        “IV. Don’t play by her rules”

        Depends on how she enforces them.

        “If you allow a woman to make the rules she will resent you with a seething contempt even a rapist cannot inspire. The strongest woman and the most strident feminist wants to be led by, and to submit to, a more powerful man.”

        Sodini believed this, and shot up a health club when reality told him otherwise. What happens when she doesn’t play along? The “alpha” has two choices: escalate (Sodini), or back down (beta). Are you saying you want all women to be like this, or can’t fathom that not all are like it (I assume you’d be fucking the latter if you thought it existed and could attract it).

        “Polarity is the core of a healthy loving relationship. She does not want the prerogative to walk all over you with her capricious demands and mercurial moods. Her emotions are a hurricane, her soul a saboteur. Think of yourself as a bulwark against her tempest. When she grasps for a pillar to steady herself against the whipping winds or yearns for an authority figure to foil her worst instincts, it is you who has to be there… strong, solid, unshakeable and immovable.”

        You think women are EMOTIONAL? You’re confusing the use of drama for manipulation with actual emotion. If women were guided by emotion, they wouldn’t be so cruel. The women you described here are emotionally weak. Is this what you want, or do you believe you can’t do better?

        “V. Adhere to the golden ratio”

        “Give your woman 2/3 of everything she gives you. For every three calls or texts, give her two back. Three declarations of love earn two in return. Three gifts; two nights out. Give her two displays of affection and stop until she has answered with three more. When she speaks, you reply with fewer words. When she emotes, you emote less. The idea behind the golden ratio is twofold — it establishes your greater value by making her chase you, and it demonstrates that you have the self-restraint to avoid getting swept up in her personal dramas. Refraining from reciprocating everything she does for you in equal measure instills in her the proper attitude of belief in your higher status. In her deepest loins it is what she truly wants.”

        True love doesn’t have to keep score. If it’s not true love, it’s a game.

        “VI. Keep her guessing”
        “True to their inscrutable natures, women ask questions they don’t really want direct answers to. Woe be the man who plays it straight — his fate is the suffering of the beta. Evade, tease, obfuscate. She thrives when she has to imagine what you’re thinking about her, and withers when she knows exactly how you feel. A woman may want financial and family security, but she does not want passion security. In the same manner, when she has displeased you, punish swiftly, but when she has done you right, reward slowly. Reward her good behavior intermittently and unpredictably and she will never tire of working hard to please you.”

        In Foxes (1998), I said a curious woman was the equivalent of a horny male. Have you broken new ground with this?

        “VII. Always keep two in the kitty
        Never allow yourself to be a “kept man”. A man with options is a man without need. It builds confidence and encourages boldness with women if there is another woman, a safety net, to catch you in case you slip and risk a breakup, divorce, or a lost prospect, leading to loneliness and a grinding dry spell. A woman knows once she has slept with a man she has abdicated a measure of her power; when she has fallen in love with him she has surrendered nearly all of it. But love is ephemeral and with time she may rediscover her power and threaten to leave you. It is her final trump card. Withdrawing all her love and all her body in an instant will rend your soul if you are faced with contemplating the empty abyss alone. Knowing there is another you can turn to for affection will fortify your will and satisfy your manhood.”

        This is what women do to men when they keep a nice-guy around as a Plan B. If a man can start over from scratch, he doesn’t need to do this. Are your skills so lacking that you can’t just rebuild if and when that time comes?

        Not all women like competition, and some will reject you for not being smart enough to see their superiority. Then you wind up stuck with an inferior “backup” option, or benchwarmer.

        “VIII. Say you’re sorry only when absolutely necessary”

        How about when you’re actually sorry? Or did something wrong?

        “Do not say you’re sorry for every wrong thing you do. It is a posture of submission that no man should reflexively adopt, no matter how alpha he is. Apologizing increases the demand for more apologies. She will come to expect your contrition, like a cat expects its meal at a set time each day. And then your value will lower in her eyes. Instead, if you have done something wrong, you should acknowledge your guilt in a glancing way without resorting to the actual words “I’m sorry.” Pull the Bill Clinton maneuver and say “Mistakes were made” or tell her you “feel bad” about what you did. You are granted two freebie “I’m sorry”s for the life of your relationship; use them wisely.”

        Wow, Bill Clinton. A man with a perfect love life.

        “IX. Connect with her emotions”

        By acting in a contrived manner? Artificial connections don’t count. That is manipulation, not emotional connection. You also aren’t separating yourself from other men when you use mainstream-media techniques, which these now are. PUA is the new AFC. Look at all the ENERGY you are putting into a gender you claim to not care about. Unless you have a profit motive (have you disclosed all financial ties like the FTC wants everyone to?), you’re “protesting too much.”

        “X. Ignore her beauty”

        Oh please. She’ll think you’re gay, stupid, blind, or just LYING. If you were really getting what you want from women, would you even BOTHER playing these games?

        “The man who trains his mind to subdue the reward centers of his brain when reflecting upon a beautiful female face will magically transform his interactions with women. His apprehension and self-consciousness will melt away, paving the path for more honest and self-possessed interactions with the objects of his desire. This is one reason why the greatest lotharios drown in more love than they can handle — through positive experiences with so many beautiful women they lose their awe of beauty and, in turn, their powerlessness under its spell. It will help you acquire the right frame of mind to stop using the words hot, cute, gorgeous, or beautiful to describe girls who turn you on. Instead, say to yourself “she’s interesting” or “she might be worth getting to know”. Never compliment a girl on her looks, especially not a girl you aren’t fucking. Turn off that part of your brain that wants to put them on pedestals. Further advanced training to reach this state of unawed Zen transcendence is to sleep with many MANY attractive women (try to avoid sleeping with a lot of ugly women if you don’t want to regress). Soon, a Jedi lover you will be.”

        It is great when a man can keep a cool head even when dealing with a super-hottie, but few can actually do this. He also can’t do it to get the initial experience in fucking hot women that he needs to desensitize himself. By the time he has that experience, he is desensitized, so he still needs a bridge. Or, as I used to ask, how do you “go fuck ten other women” when you can’t even fuck the ONE you want?

        “XI. Be irrationally self-confident”

        “No matter what your station in life, stride through the world without apology or excuse.”

        Oh this is rich. I DID this, and all you wannabe-alpha “guru” types would AMOG me for not conforming to gamekilling stereotypes. Often, what appeared a weakness to a misinformed public was a huge strength. The overconfident cabdriver might be amusing, but he will come off more as delusional. Being entertaining might get him laid, but that just means his career could use a boost.

        “It does nt matter if objectively you are not the best man a woman can get; what matters is that you think and act like you are.”

        Even if a guy like you is AMOGing him over the very things you tell him aren’t supposed to matter?

        “Women”

        Not all, just the ones you seem to cross paths with a lot.

        “have a dog’s instinct for uncovering weakness in men; don’t make it easy for them.”

        Do you want women who are this vicious? Can’t you do better?

        “Self-confidence, warranted or not, triggers submissive emotional responses in women. Irrational self-confidence will get you more pussy than rational defeatism.”

        So stop AMOGing guys whose “lifestyle” doesn’t measure up to some “rockstar” ideal.

        “XII. Maximize your strengths, minimize your weaknesses.
        In the betterment of ourselves as men we attract women into our orbit. To accomplish this gravitational pull as painlessly and efficiently as possible, you must identify your natural talents and shortcomings and parcel your efforts accordingly. If you are a gifted jokester, don’t waste time and energy trying to raise your status in philosophical debate. If you write well but dance poorly, don’t kill yourself trying to expand your manly influence on the dancefloor. Your goal should be to attract women effortlessly, so play to your strengths no matter what they are; there is a groupie for every male endeavor. Except World of Warcraft.”

        This is hardly groundbreaking.

        “XIII. Err on the side of too much boldness, rather than too little Touching a woman inappropriately on the first date will get you further with her than not touching her at all.”

        If she’s a slut, sure. If not, you may have cost yourself that “one special girl,” who generally wants to be treated as such.

        “Don’t let a woman’s faux indignation at your boldness sway you; they secretly love it when a man aggressively pursues what he wants and makes his sexual intentions known.”

        Unless she REALLY doesn’t want him, at which point she calls the cops.

        “You don’t have to be an asshole, but if you have no choice, being an inconsiderate asshole beats being a polite beta, every time.”

        Not every time, and the times it doesn’t, wipe out the times it does fifty times over. You might not be the PUA you think you are if you don’t see this.

        “XIV. Fuck her good”
        Fuck her like it’s your last fuck. And hers. Fuck her so good, so hard, so wantonly, so profligately that she is left a quivering, sparking mass of shaking flesh and sex fluids. Drain her of everything, then drain her some more. Kiss her all over, make love to her all night, and hold her close in the morning. Own her body, own her gratitude, own her love. If you don’t know how, learn to give her squirting orgasms.”

        Love the subcommunication that you are such a great lover. You think PASSION is a substitute for SEXUAL EXPERTISE?

        “XV. Maintain your state control”
        You are an oak tree. You will not be manipulated by crying, yelling, lying, head games, sexual withdrawal, jealousy ploys, pity plays, shit tests, hot/cold/hot/cold, disappearing acts, or guilt trips. She will rain and thunder all around you and you will shelter her until her storm passes. She will not drag you into her chaos or uproot you. When you have mastery over yourself, you will have mastery over her.”

        Mastery over a gameplaying, drama-addicted slut. Can you not do better? Or do you think nice girls suck in bed?

        “XVI. Never be afraid to lose her”

        If you aren’t afraid of losing her, she isn’t worth keeping.

        “The closer you follow the letter of these commandments, the easier you will find and keep real, true unconditional love and happiness in your life.”

        No, the more you’ll get laid by slutty, random hot chicks who play games. Can you not do better?

        Ray Gordon
        “Love Conquers Nothing”
        http://www.toosmarttofail.com

        In the spirit of this, let me share a favorite neg, for women who say they have “all the power.”

        YOU WILL AGE FASTER THAN MILK.

        Another good rule for men is:

        XVII. Do not underestimate your competition.

        You may THINK you are “alpha” or interesting, or smart, or doing the right things, but most men have no idea just how hard the competition is working to get the best women.

        Men who don’t get the best women wind up dumpster-diving, and prototyping ALL women on the few they can get with this wannabe-alpha (“alphalpha”) approach.

        The primary contradiction here is why a man with so many options would want to settle for a dumb, borderline-psycho, gameplaying slut.

        Another thing for you supposedly dominant males: how would you handle it if your wife or girlfriend dumped you one day, informing you it was because she was fucking another man?

        If you cannot handle THAT, you are unfit for commitment.

        Ray Gordon
        “Love Conquers Nothing”

        http://www.toosmarttofail.com

        Please keep in mind that Roissy is gaming desperate men in the name of his blog (and/or any commercial interests he may develop), as he is any women. The goal isn’t to post what works with women, but what customers THINK will work, becuase, as we know, desperate men are SO brilliant at iknowing which experts know their stuff, just like you’d know which surgoen could do an operation better just by what he says, and his emotional cues while saying them.

        Ray Gordon
        http://www.toosmarttofail.com

        A good way to dissect this post is to flip the genders, and substitute “rapist” for “bitch.”

        The seduction community “theory” has two very distinct sides. The first is an understanding of undesirable female behavior, which, sadly, is the norm. This amounts to KNOWING THE SCORE, and knowing when you’re being shit-tested, bitch-shielded, etc. Ask a dozen “gurus” what it means when a woman does something, and you’ll get the same answer from all.

        It’s the SECOND part of the “theory” that divides, namely what to DO about what we know. Some men project the behavior onto the entire gender, and act accordingly, while other men look for the exceptions, which they cherish.

        Which would the audience here rather do?

        Oh, and I find it funny that women who claim they have no time for PUAs spend their time on this blog rather than running to the nice guys they claim are so superior.

        Then there are those who say that the methods would never work, yet the men who use the methods exploit the women they “don’t work” on. It’s one or the other: either the methods work and exploit, or they don’t work, and there is no exploitation.

        Women do create the problem they complain about, by acting as if who they choose to fuck is a measure of a man’s character. “Worthy” of her attention? Give me a break. If you call men losers for not getting laid, they are going to think LOGICALLY, and put “getting laid” above anything they might have to do to achieve it. Women who want to stop this from occurring should just date any decent man who asks them out nicely. I’ll be holding my breath awaiting that great day.

        Ray Gordon
        “Love Conquers Nothing”
        http://www.toosmarttofail.com

        Anonymous

        I doubt anyone would still read this who posted stuff like a month ago, but to everyone bitching that being an asshole doesn’t get you a relationship, I’m a born beta here(at least, I am when I like the girl. I am the kind of person who’s really tough and quite the asshole on the outside(circumstances made me like this), but have a gentle side too) and I’ve spent 3 years chasing after a girl like a typical beta did. 2 years in I started to lose hope and didn’t talk to her as often, if at all. I run into her downtown, she asks me out out of nowhere. I was all back to being in love and being the beta, 2nd date, she ditches me for another guy she just happened to see.

        I made all the beta mistakes. Apologize too often, remind her that I care about her, talk to her whenever I get even close to the chance, and I know I still make these mistakes.

        Same with other girls after that. When I showed them the sweet, caring, nice guy, they lost interest. The girls I treat like normal people(Which means I’m an asshole to them) are all over me, but I don’t care about them. Would you care to explain to me what that problem is?

        Besides, from what I read, this isn’t a guide to your perfect relationship and happy marriage, but a guide to find a chick, bang her, and move on.

        Are you dating someone special that you don’t want to lose, like all the others you’ve lost? Are you getting bad vibes because your girlfriend of six months only gets migraines when you try to kiss her goodnight at her doorstep? Does it bother you that your wife is meeting too many perverts in chat rooms on the Internet?

        Do you know what men do that women don’t? They fight reality in two areas of their lives. One, they don’t ask for directions when lost and more importantly, two, they think that all women are illogical and inconsistent. But these men never ask themselves why it is that certain men never seem to get rejected by women or face Divorce Court. Is it possible that some men might make the same mistake from one woman to another? Is it possible that women’s choices in men are consistent?
        game plan
        Successful men know that happiness in romantic relationships is not due to luck – it’s due to using reliable principles and having a plan. Bill Gates didn’t “wing it” when deciding which software market to enter – he had a business plan. If you want to be successful in your long-term romantic relationship, you can’t leave things to chance; you need a plan to help you keep Miss Right mesmerized. The principles that you will get from my column will guide you the way a Thomas Bros. map guides a U.P.S. driver to his destination. If the things you’ve tried with women are only driving your emotions in circles and bringing you pain instead of ecstasy, allow my principles to be your roadmap to happiness.

        The first concept that I will define is what I call The Reality Factor . It states: “Things are the way they are. If you go against reality, reality works against you, resulting in pain.” For example, let’s say that one day you decided that there is no such thing as gravity, so you jump off the Empire State Building. While in the air, you can believe what you want, but when you hit the pavement, you will realize that you went against reality, which ultimately resulted in extreme bodily pain.

        Another example: You speed down the 5 Freeway at 120 mph at 2 a.m. with the lights off. The Reality Factor says you will experience the pain of having to defend yourself in court.

        A third example: your female dates ask you to call them back before the date to confirm and for some strange reason, these call back to confirm dates only end with the dual pains of frustration and disappointment.

        Rejection, man’s most despised emotion, is the woman’s way of telling a man that he turns her off. Read this column every week and you will never go through this painful experience again because from now on, the Reality Factor will be your friend, not your nemesis.

        The Reality Factor’s cousin is the Bottom Line Factor , which states that “only a woman’s actions truly reflect her feelings for you.” Men who are ignorant when it comes to this powerful concept rationalize a woman’s slights and put-downs. For example, let’s say Caprice breaks a date with Tom. That week, Tom thinks up 144 possible rosy scenarios of why she broke her word. He didn’t think of Reason 145, the only one that counts, which states that Caprice has zero interest in him. Dating Rule No. 1: Women with High Interest always keep dates.

        The Bottom Line Factor also states that if Tom were reflective and had thought about it, he would have asked himself how many dates he has broken in his life. Answer? (Hint: less than one.) If, after some psychological detective work, Tom had discovered that Caprice broke the date because her father did not give her a bicycle on her tenth birthday like he had promised; it still wouldn’t have made a difference. The Bottom Line Factor says that if Caprice breaks a date with Tom, she is not interested in him. Sadly, most men call back, asking for another beating, rather than utilizing the Bottom Line Factor .

        If you never want to be a guest on the Jerry Springer show, then allow me to protect your heart. If you are a guy who wants to keep Miss Right forever and not share her with her good-looking boss or lose her in divorce court, then please allow me to be your relationship coach.

        In two weeks from now, I will answer all of your romantic love questions from a man’s perspective. So set your ego aside, learn to laugh at yourself and I will give you snappy answers to your silly love questions; answers loaded with truth. Do what I say and Miss Right will be robbing banks for you. When I am done with you, you will need more security than Julio Iglesias. To protect the anonymity of the guilty, however, I promise to never use your real name or reveal it. All questions will be answered, but only the best ones will be printed. Please be specific and don’t ramble. In this article, we covered my definitions of the Reality Factor and the Bottom Line Factor, which belie my approach to successful relationships. In next week’s article, I will cover the three factors that make or break a successful long-term romantic relationship.

        Hi Doc

        Has a woman ever bewildered you with any of these lines?
        – Can’t we just be friends?
        – I don’t kiss on the first date.
        – I need someone who is more exciting.
        – Did I tell you about my present lover?
        – I think you’re a nice person, but…

        If you’ve heard any of these lines, you’re in luck because I have just the right prescription to cure your case of confusion. You are privileged to be reading one of the few romantic love columns in America that comes from a male perspective.

        In last week’s article, we covered two major concepts: The Reality Factor (“Things are the way they are. If you go against reality, it will work against you, resulting in pain.”) and The Bottom Line Factor (“Only a woman’s actions truly reflect her feelings toward you.”). These two facts of life form the foundation of my unique approach to relationships, which I call The “System”.

        This week, I will give you the framework of The “System”, by naming the three factors that determine success or failure in romantic relationships. These factors are: female Interest Level, female attitude, and male attitude.
        is she interested in you?
        Interest Level is one of the most overlooked factors in successful relationships. Women refer to their Interest Level as “romantic feelings,” or “love”. Interest Level is a degree of love. What is a “degree” of love? Let me give you an example. Tom is at a party and he asks two women, Jill and Caprice, for their home phone numbers. Jill responds, “I’ll give you my work number instead – I just don’t know you very well.” Caprice, on the other hand, tears a bank deposit slip from her checkbook, circles the home phone number and hands it to Tom with a smile saying “Now you’d better call me!”

        Interest Level is a scale that ranges from 0 to 100 percent. In the preceding example, I would place Jill’s Interest Level in Tom at 20% and Caprice’s at 80%. Now think about this: If Jill and Caprice were thoroughbreds running in the seventh at the Del Mar racetrack and Tom were a betting man, whom should he put his money on?

        Why is female Interest Level so important? Because the closer the woman’s Interest Level gets to 100%, the more she likes you and the more fun you will have – whether it’s on the first date or your 20th anniversary. In sharp contrast, the further away her Interest Level is from 100%, the less she likes you and the more she will eat, nag, and watch Ricki Lake. To you Psychology majors: a man should only love a woman who loves him first.

        Of the three factors that make or break romantic relationships, the woman’s Interest Level is the single most important factor, not the man’s Interest level .

        it’s all about attitude
        In addition to overlooking the woman’s Interest Level , men typically overlook the importance of the female attitude – a woman’s morals and temperament. Even though your Miss Right is beautiful, both inside and out, shouldn’t you still ask yourself whether she is going to be part of the crew or part of the cargo? To you Psych majors, this means, “Is she high maintenance or low maintenance?” If you are going to serve time with Miss Right , isn’t it best for your comfort level and sanity to find a wife who rubs your back and compliments you once in a while just for taking out the trash? Of course it is.

        So what comprises a good female attitude? Integrity, a giving nature and flexibility. A woman’s integrity is made up of honesty, loyalty and trust, in other words you should ask yourself, “Would I go into business with this person?” before you give up your freedom.

        To find out whether Miss Right is a giver or a taker, ask yourself, “Is she on my side? Is she sweet, serene and supportive at least some of the time?” One sign of a giving wife is one who says, “I like to do things to make my husband happy”, when she talks with her girlfriends.

        As for the definition of flexibility – let me tell you what it isn’t: hardheaded, structured, stubborn, intransigent, nor is it personified by nagging – the most cruel and common punishment known to man today.

        Flexibility is when she’s willing to try something new – even if it means going fishing with you once and baiting the hook with a creepy crawler.

        If a woman is normal, you make her like you more or less by the way you treat her, although you cannot affect her attitude. That’s how she comes wired. So it is your job to do the things that could raise her Interest Level toward 100%. How? By exhibiting the proper male attitude, made up of confidence, control and Challenge .
        the male attitude
        Most men know what confidence is and they even know that women love confident men. The other relationship experts, who are from a female perspective, don’t tell men specifically what to do to achieve this confidence. If you read my column every week, you will learn how to naturally appear confident, even when you’re a nervous wreck inside!

        Control in my “System” stands for self-control, not controlling the woman. It means controlling your choices and actions in spite of what your emotions urge you to do. For example, if you’re at a dance club and a gentleman hustles your girlfriend, you would know to take this as a compliment to your taste, instead of wanting to throw a chair at his head. By practicing self-control and not making a fool of yourself, you raise her Interest Level to even loftier heights.

        Challenge is nothing more than playing hard to get. You do this because the woman is happiest when she does the chasing and when she thinks it is her idea to pursue a romantic relationship, rather than yours. If you do what I say, you’ll have to beat ‘em off with a stick!

        If you would like to purchase and/or have any questions about my famous System, e-mail me at doclove@askmen.com

        DocLove’s own game?

        He’s a “guru” with a big website (askmen.com), and some measure of STATUS, and, presumably, MONEY.

        Say guys, why do you think a chick would be imperssed by your status and money? To “bask” in it, or to SPEND it (the money) and FLAUNT it (the status?). Buying a golddigging whore is NOT game.

        If another guy hits on your girlfriend, it’s up to HER to reject him, unless she expects you to FIGHT her battles for her, and if she’s like that, I hope your heatlh-insurance premium is paid up.

        How much has “Doc” spent on women in the past year? I know of “gurus” who bottle-pop in VIP rooms and slip cash to women on the “downlow” and then preach to their own students that money and status (which they GET from other men) doesn’t matter. Yeah right. Just like looks don’t matter if you’er a chick, or the guys who react to looks don’t want them deployed in the bedroom.

        The “reality factor” deals with HOW a woman feels about you, not WHY, and not even WHO is doing the “feeling.” Women are so “fucked up,” yet you are letting them bend you to their world view, to the point where you become as fucked up as them. Amazing.

        Most guys who view women this way can AFFORD to, because they can “delete” that little money thing from their minds, treating it as “normal,” but it’s only “normal” in houses of prostitution, or relationships baed on golddigging.

        Avoiding rejection? Shit, if you don’t get rejected, and brutally, from time to time, there are two causes:

        1. Your standards are too low; and

        2. You aren’t following your heart.

        That’s like only applying for jobs you know you’re going to get.

        If women’s selection processes are so fucked up, why would men try to cater to them? If women are so deceitful that they don’t tell guys the score from day one, why do they want LIARS? Why women want to BE liars is obvious — it’s to their advantage. Why men would want a liar for anything other than sex, is not.

        Take away her “bitch shield” and all you are left with is a BITCH WITH A CLEAR SHOT.

        Does “DocLove” have a REAL NAME?” My theory is most “PUAs” don’t reveal their real names, because google would expose too many lies about their love lives, not to us, but to the women. If he does use his real name somewhere this does not apply to him, but it applies to many more.

        And what the fuck is a guy with a girlfriend doing taking her to a nightclub again? Desire to pay cover charges and for overpriced drinks that won’t even cause him to flunk a DUI? To flaunt his pussy-supply to other men? Why not just walk through Harlem at 2:00 a.m. waving $1,000 in cash?

        A woman who treats you good is not necessarily a good woman. Often she’s just a temporarily tamed BULLY, which is why you had to go through all that shit in the first place. Also it’s uaully for men who can’t attract the quality women and are left trying to get quality treatment from the bitches and sluts.

        Ray Gordon, you really should learn to try some research before jumping to conclusions like that.

        Try my radio show for a start.

        http://www.wsradio.com/internet-talk-radio-schedule.cfm

        The Doc Love Show Understanding Women for Men Only.

        I am not a PUA.

        http://www.scribd.com/doc/47140/Doc-Love-The-System-Synopsis

        http://en.wikipedia.org/wiki/Doc_Love

        Doc Love (real name Tom Hodges) is a relationship coach for heterosexual men who has devoted over 35 years in active research with over 10,000 women. He has authored several books on the subject of how to date women and how to keep them interested in a romantic relationship. He also writes a free weekly column, which is published on AskMen.com among other websites, and conducts a radio talk show with his sidekick Jeff Biletnikoff, which addresses callers’ questions on women and dating. He has appeared on a Fox television interview. The philosophy he advocates for dating is called “The System”, which is laid out in his book, “The System: The Dating Dictionary.”

        The primary concept in his teachings is for a man to be a Challenge to the woman he is interested in. Challenge, is the most important reason why a woman is attracted to and chooses to stay in a relationship with one man over another. Challenge is defined as “allowing the woman to do the pursuing”. Doc Love is the only “love doctor” to talk about the necessity of a man being a Challenge in order to achieve and sustain a successful relationship.[dubious – discuss]

        Other key ideas in “The System” include a list of Male Traits and Female Traits that are necessary for romantic love to exist. The Male Traits are Confidence (subdivided into Self-Confidence and Self-Esteem), Control (subdivided into Discipline, Patience, and Self-Control), and Challenge. The Female Traits are Integrity (subdivided into Honesty, Loyalty, and Trust), Giving Nature, Flexibility, and a lack of emotional baggage from prior relationships.

        Interest Level is another of Doc Love’s key concepts and encompasses the idea that the level of a woman’s romantic interest in a man is not static, but is raised and lowered by the man’s actions – specifically by the degree to which he is or is not a Challenge. Specifically, if a person’s Interest Level (defined as a percentage from 0 to 100%) in another is above 50%, they feel romantically attracted to them, and the higher the percentage, the more intense the attraction is. He also believes that while men will leave a relationship if their interest in a woman drops below 50%, a woman will not leave unless her interest drops below 40% due to her bonding nature; in addition, a woman’s Interest Level being between 40-50% is a serious problem since it will never go back above 50% and the relationship is doomed to fail, yet she will still stay with, date, or even marry men at this Interest Level despite the total and permanent lack of attaction on her part. He also blames this phenomenon for the fact most divorces and breakups are started by women, and says men need his System and to be more of a Challenge.

        Doc Love’s additional ideas from his philosophy include bringing salesmanship into the area of dating, namely by “closing the deal” with a woman by getting her HOME phone number.

        Doc Love differs from the “pickup artists” of the seduction community in that his focus is on teaching men to have happy long-term relationships rather than to seduce women for one-night stands. Nonetheless, their teachings have some similarities and might be said to complement one another. Both have as their primary target audience the nice guy who tends to befriend rather than attract the women he is romantically interested in (“Wimpus Americanus” in Doc Love’s terminology – the seduction community term is Average Frustrated Chump) and both criticize this man’s approach for being too eager to please, claiming that his accommodating behavior is precisely what is turning women off.

        Doc Love resides in San Diego, and he maintains a website that advertises his dating self-help material.

        Cheers Tom.

        P.S A MAN SHOULD NEVER SHOW OFF HIS $$$$

        hmmmmm idiot

        You should provide your bullshit spouting services to farms who need crop fertilizing.

        chi-town

        When you have the goods, most games work. Its simply called dominance. I just act the way I want. If I had to nervously go over the manual, I would already break a rule that ought to be instinctual. If I even smell manipulation, its mowed down into a trench. Treating this like manual is very beta to me. It should be used as a diagnostic for men who seem to have this problem.

        Snark

        Lots of hurt women commenting here. Why would they be so defensive if they really just found Roissy ‘funny’ or ‘pathetic’? One would think that, if this were the case, they would just go about their day.

        It seems that Roissy has provoked a response precisely because he is correct. And this knowledge, widely disseminated, is threatening to female power.

        As many of us know, there is a certain disconnect between a woman’s conscious mind and her sexual desires.

        But not a total disconnect! They know that this is true enough to be offended by it. I would go so far as to say that the offence is caused by a man (Roissy) knowing MORE about how women’s minds work than they know themselves.

        Yes, that is the cause of all the hurt here.

        Just look at the advice from hurt women:
        “Be a nice guy” – really? But nice guys are only good for paying your way while you run off and fuck alphas. Don’t even try to deny it.
        “pick up the check” – and here we have it! Nice guys are to pay women’s way, even when they have equal or greater earning potential. The guy who pays to spend time with a woman is a lickspittle, and she is a prostitute.
        “show respect” – since Roissy’s utterly ‘disrespectful’ article provoked such an intense emotional reaction from you and the other hurt women, I’d assume that a man gets what he wants by following the guidelines above.

        “Women like strong men with lots of heart, not weasels.”

        Alphas, not betas. Right. We’re clear on that. Hence this website.

        Denise A. Romano, MA, EdM

        Yes i have read roissy’s stuff. You mean like this:

        “then tight game will bring you this: an omega dreg an improvement from involuntary lifelong celibacy to a couple bangs per year with 2s and under.

        a lesser beta : a few bangs per year with non-obese 4s and 5s and
        the freedom to delay marriage to a tubby plain jane for a couple of years while still fruitfully playing the field.

        a garden variety provider beta: an end to month-long dry spells, the exquisite pleasure of occasional sex with a girl above the threshold of
        genuine attractiveness (7), and a fiscal windfall from having gained the ability to bed women without spending godawful sums of money on them.

        a greater beta: double digit lifetime partners, one “8″ girlfriend at least
        ten years younger, and an ability to consistently get sex by the third date and blowjobs on the regular. bonus: you can reject cougars with impunity.

        a lesser alpha: triple digit lifetime partners, one “9″ short-term girlfriend, one threesome, and one multiple concurrent relationship with a 7 and an 8.

        a natural alpha: 300 lifetime partners (should you choose to accept this
        mission), multiple threesomes and orgies, long term unmarried loving relationships with 8s and above, and the freedom to hit (deserving) women without worrying they will leave you or call the police.

        a super alpha: the world is your harem.”

        Completely abusive and the result of someone who is narcissisitc to the point of being pathological.

        dana

        explain specifically why a “healthy relationship” between a a normally masculine man and a normally feminine woman is one based on “equality” and not one based on the dominance of the man. where in the world, history, literature art or music do you find this to be the paradigm for healthy relationships? have all male-female relationships since the dawn of human history been “unhealthy” until EQ was plucked from the ether?

        Denise A. Romano, MA, EdM

        Abusive relationships are characterized by extreme jealousy, emotional withholding, lack of intimacy, raging, sexual coercion, infidelity, verbal abuse, threats, lies, broken promises, physical violence, power plays, and control games.

        Healthy relationships are based on mutuality in every possible area.

        Hyperbole aside, there are many examples of healthy relationships based on mutuality and love between men and women throughout history.

        And there is also something called “evolution”.

        Remember when women were considered sluts for showing their ankles or for having sex before marriage? Aren’t we all glad that changed?

        There seem to be alot of assumptions here that women want husbands or children or roses or your money.

        I don’t know where you’re all getting that. Many women do not want any of those things, especially when gays and lesbians do not yet have the right to marry and especially given that there are already too many people on this planet.

        That doesn’t mean we don’t have amazingly wonderful and fulfilling healthy relationships built on mutuality with healthy men.

        This idea that a great boyfriend or male partner can’t provide excellent sex is more misinformation.

        EI can only be accurately assessed by the results of a statistically valid EI test.

        EI testing is real science, is used more and more in workplace recruiting.

        I am sure there is much more credible reseach on EI than on game.

        Where was game plucked from?

        Oh that’s right, the ass of an incredibly insecure man who needs to rely on controlling and manipulating women in order to keep them relating to him and who lies to himself and other men that this is what women really want in order to justify his and their abusive behavior.

        dana

        do you believe “abusive” is a magic word that makes what you are saying true?

        your real identity is meaningless here denise

        your bullshit social “sciences” degrees will garner you no plaudits here, only the clarity of your thought and the logic of your arguments.

        you are attempting to argue with people who do not accept the veracity of your fundamental 1st premises regarding sex and gender, in order to make any headway at all you will have to at least be able to defend those premises rather than just beg the question at every turn

        please point me to a human society that has been built on an egalatarian male/female relationship model in human history and please tell me, if you manage to dig up a hunter/gather tribe or 2, why if it exists in the human condition at all it’s rare as hen’s teeth?

        i am a woman, for starters–so keep your little feminist shaming ploys in your rapidly aging pussy that i don’t care about

        and why has there never been a human society based on male/female equality and mutuality? was all of human history wrong and you are right? how did all of human history get it so wrong? why dont any other animals get their OWN sex matters wrong, only humans?

        this is how “ed” doctorates argue these days?

        my paternal grandma had an EdD in the 50s and she’d have wiped the floor with you.

        Have you considered how social changes might continue to happen (social evolution) if men and women learned how to honestly and ethically respect each others emotional, psychological, sexual, and physical needs without the use of extreme jealousy, emotional withholding, lack of intimacy, raging, sexual coercion, infidelity, verbal abuse, threats, lies, broken promises, physical violence, power plays, and control games.

        http://www.cnvc.org/

        http://www.nycnvc.org/

        There are free materials on both sites. Choose to evolve.

        Interested

        There is an entire body of work devoted to EQ. The problem is, however, that EQ is nothing more than a means of “grading” how well one’s actions and – even more disgustingly – thoughts map into the characteristic domains defined by the body of current politically-correct thought. It is, in fact, increasingly in use by HR offices – primarily because industries tend to want to be perceived in as idealistic a light as possible in those ways that do not affect profit Like Feminism and Anthropocentric Global Warming, however, EQ is more directly associated with changing behaviors and perceptions to approach values that remove individuality and promote intolerance of any deviations from correct thought.

        I have always found it interesting that those of us who have advanced degrees of significance do not generally list them in non-academic discussions. I suspect that this is because we feel it does not add any true worth to our positions. Lately, of course, as soft sciences have proliferated without bound, one sees it more and more.

        Cannon’s Canon

        i have certainly considered future social changes.

        here is a link from a real scholar of your alma mater, employer, and hand that feeds you (which your bio boasts of having proverbially bit)

        http://www.columbia.edu/cu/augustine/arch/nihilism.html

        1. liberalism
        2. realism
        3. vitalism
        4. nihilistic destruction

        you should realize that you are talking to people that are trending toward step 3 in their evolution. further graduation would not bode well for anyone. you should be urging regression, but i don’t think it works like that.

        Read any article written by the average woman in the media — or a neutered mangina — and one will be fooled into thinking that the reason marriages are on the decline is because “women are choosing not to get married” or some other such tripe that ineffectively attempts to hide the truth of the matter.

        The actual reason for the decline of marriages — which is well-documented — is not because “women don’t want to get married” (a bitter anthem recited in retaliation to men’s rejection of marriage.) but due to “The Marriage Strike.”

        According to the article: “A ‘marriage strike’ is the social phenomenon of men seeking to avoid marriage. The ‘marriage strike’ specifically refers to the action of men living within the Western world.

        Advocates of the marriage strike believe that after a considered cost-benefit analysis, the legal contract that is modern marriage no longer represents an attractive option for men living in the West’s changed legal, economic, sociological, cultural and demographic environment. Advocates of the marriage strike believe that marriage is unfair and consequently men are avoiding marriage. They hold that through the combination of laws permitting no-fault divorce and prevailing conditions in divorce courts that are substantially more likely to favor the wife over the husband in disputes over child custody, visitation rights, ownership of the family residence and other shared property, child support, and alimony. It is possible for a woman to divorce her husband unilaterally while simultaneously depriving him of the right to see his offspring and financially crippling him. They argue that since the divorce rate is high, and since women are more likely than men to seek no-fault divorce, scenarios like the above are a likely outcome of marriage, and that many men, fearing such an outcome, choose not to marry.”

        So once again we see that the pro-female claims — made by women — to the tune of “women don’t want to get married” given as the reason for the decline in marriages is like so many other statements written by angry women today; nothing but hot air.

        Sunday, June 15, 2008
        The Poverty of Feminism
        I have three main objections to feminism.

        1 The political territory which feminism claims to occupy is already covered by classical liberalism. We already have perfectly good theories about human rights and civil rights and political equality, and we just don’t need another one. Under a liberal reading, women are no different from anybody else: there isn’t really any such thing as ‘women’s rights’, any more than ‘left-handed people’s rights’.

        2 The intellectual quality of the analysis offered by feminists is desperately poor. Feminists have appropriated the domain of sexual politics for themselves. ‘We are the authority on this matter’, they claim, ‘if you want to know about sexual politics, come to us, and we will tell you what to think. Your opinions are not welcome’. Not only is this a deeply authoritarian attitude, which should arouse our hostility in itself, but having seized power in this area, they have, from society’s point of view, done a spectacularly poor job. Surely the first task of any such organisation would be to produce an analysis, a model of the task domain. Yet not only is feminism’s analysis of sexual relations pathetically inadequate, it is, even worse, dangerously misleading, dogmatic, self-serving and divisive.

        3 They are not fulfilling their responsibilities to society. Surely, the role of any organisation which claims to address problems in sexual politics should be, first and foremost, to act as an honest broker. Feminists should be the UN peacekeepers of the sexual landscape, the impartial police who arbitrate in disputes, who identify potential sources of conflict and pour oil on troubled waters. The primary role of any such organisation should surely be to promote harmony, good relations and communication between the sexes. Yet feminists do precisely the opposite. Far from impartial, they act only in their own narrow interests, they regard men as an enemy to be defeated, they stir up hatred and moral panic at every opportunity. They are not police but vigilantes.

        Forever married to the outdated Marxist and Psychoanalytic dogmas of the late 1960s, their analysis of issues can never improve. The 1960s counter-culture produced an outlook on life which is deeply anti-social and maladjusted to say the least.

        The society in which we grew up, the safest, wealthiest, healthiest and most liberal society in history, is regarded as the root of all evil in the world. The whole society in which we live, our own culture, must be completely razed to the ground. Only then can we rebuild a New Jerusalem from the ashes. To say that this is an irrational belief is putting it mildly. Revolutionary politics is misleading and pessimistic, because it teaches us that social reform is impossible. We cannot change anything unless we change everything. Yet that is the political outlook, derived from the most unsavoury role models, Marx, Lenin and Mao, that the hippies of the 1960s adopted.

        Feminism is the Western world’s last surviving bastion of that totalitarian thinking. Feminists have concentrated their efforts on attacking marriage, the family, heterosexuality and men in general. The fact that they think women’s interests will be served by this indicates just how deeply deluded they are.

        Coupled with this destructive and irrational hatred of one’s own culture was a peculiar narcissism. Experimentation with ‘alternative lifestyles’ was probably inevitable once a sufficiently wealthy and liberal society appeared. The data is now in, and the results are deeply unedifying. What the 1968 generation – the last surviving remnant of which is the feminist movement – gave us was widespread social collapse. Divorce, fatherlessness, family breakdown, abortion, crime, drug abuse, child neglect, sexually transmitted infections, personal heartbreak, educational failure. Single-parent households living off public funds, leading to an increase in traffic, pollution, housing shortage, taxation and the intrusive power of the State.

        The feminist movement has served the short-term selfish interests of middle-class white women, but its effects on the wider society have been catastrophic. They are under the delusion that they are trying to save a misguided world from its own folly. The arrogance of this position is stunning.

        There are several reasons why feminist theory is so intellectually bankrupt. One cause is an inherent left-wing distrust of the establishment. Any theorizing done by the male establishment must be rejected. Thus, science and logic cannot be pursued in any honest way. Aspects of mainstream science and philosophy will be appropriated (and then arbitrarily dropped) if they happen to suit short-term political convenience, but that is all.

        The second factor is that women are very socially-focused creatures. I know from my own experience that men will discuss science, economics, history and philosophy, but women only ever talk about themselves and other people. They find men’s conversation on these subjects boring and geeky. They concern themselves with the minutiae of personal relationships, almost to the exclusion of all else. This tends to militate against any kind of large-scale theorizing, which the feminist project requires.

        A second outcome from this preoccupation with social issues is a desire to fit in and be accepted. This tends to mean that women will latch onto any passing fad or trend. Most of the feminists I have known in my life are interested in every kind of mysticism from astrology to reiki to homeopathy. It’s easier and more fun than reading evolutionary psychology. With a lack of intellectual rigour and a desire to be trendy and popular, every kind of nonsense is actively embraced. This tends to make for very poor theory. Post-modernism comes to the rescue by claiming that every theory is just as good as every other, a notion as intellectually bankrupt as it is possible to get.

        Thirdly, there is the dogmatic moral arrogance of feminism. Anyone who dares to ask questions is pilloried as a misogynist. This is a deliberate tactic used to suppress debate and silence criticism. Naomi Wolf recommends that dissenters should be subjected to female psycho-social violence around the middle-class dinner table. At every social gathering, the unfortunate victim will be subjected to scorn, filthy looks and verbal abuse until they cave in and stop disagreeing with feminists. This is an openly totalitarian mindset. It is the middle-class equivalent of the Spanish Inquisition. This behaviour can have real and very severe consequences, including the breakup of relationships and damage to people’s mental health. For some reason, feminists seem to think that they are immune from scrutiny or criticism. Such attitudes simply cannot be accepted in a democracy.

        Lastly, feminism is a modern-day religion, and its adherents act like any other religious believers. They dare not question the Holy Writ for fear of excommunication. They hold established religious ideas in sacred reverence. Anyone who does not do so is a heretic or an infidel. They create cults of personality around significant past leaders, whose wisdom cannot be questioned. This religious mindset is anathema to free intellectual enquiry, which, again, makes for very poor theory. Once a bad idea has become established, it is very difficult to displace it.

        Feminists are not fulfilling their responsibilities towards the wider society because they simply do not believe that they have any; they believe only that society has responsibilities towards them. I don’t have to do anything, I’m already perfect. It is a cult mindset which strokes the ego of insecure and dysfunctional women.

        It is long past the time when this bizarre cult must be openly challenged.

        YO

        This is the 16 commandments of how to conquer a whore….. my advice would be to try and find a good girl, one who you can be yourself around and who likes you to be sweet and nice…. not one you likes you for acting like a jerk. A girl who wants you to be a jerk has something wrong with her… and the relationship will be useless b/c it wont be happy or fulfilling if you always have to act like a jerk.

        Of course… a man should act like a man… nobody likes someone who is emotionally unstable and also its unhealthy in general to be obsessed with any one thing in life… including a woman…. so some of what he says has hints of truth in it.. but its interlaced with extremes and here and there psychotic linings. I agree nobody should be anybodies ‘everything’… and a lot of all of this goes with women as well… once a woman starts acting all obsessive towards a man thats a big turn off as well… and yeah both men and women can get infatiated by the opposite sex acting like a jerk… but in the end both parties are the losers.. the one who gets played… AND the woman or guy that acts like a jerk. So in order to win… avoid those who are jerks (like fake slutty selfish women, and fake ‘alpha’ selfish guys) and find a partner who you can be confident and yourself with and one who will not betray your trust or look to take advantage of your ‘weaknesses’. Find a beautiful sweet nice girl… even though i must say day by day its getting harder and harder to find em! (and i dont want to single out the women… its also really hard for the ladies to find a good man i’m sure)

        Intersting that dana and others here, who told me I need to use logical arguments uses only ad hominem attacks and no logical arguments themselves.

        Examples of this include assuming I am fat – I’m not – I’m a dancer with a very fit body and a very healthy BMI.

        Assuming my marital status or whether I have children or not or that I have married outside of my religion.

        Last names do not accurately reflect most people’s heritage given that they are usually passed on paternally. Also, many people choose religions other than those they were raised in without regard to marriage or their parnter’s faith or non-faith.

        I would love to know your basic premise on gender roles and society that is the foundation for your support of game.

        Specifically, I would like to know how you see this benefitting men, women, children, elderly persons and families.

        And as for comparing the human race to the animal kingdom – surely you know that there is a long list of differences in capabilities between human beings and other mammals.

        Neuroscience has taught us that there are far fewer differences in the male and female brains than there are similarities — and that both male and female brains are equally capable of learning anything, including relationship skills.

        There are tribes in Africa in which women are dominant over men. Determining that one gender is dominant always results in dysfunctional unhealthy relationships, violence, abuse, trauma, health issues, and larger societal problems.

        In fact, we now know from medicine that any form of inequality socially or economically results in greater health problems including diabetes, heart disease, cancer, infant mortality, and other serious illnesses. Socio-economic inequality and disempowerment have been causally linked to making people sick.

        There are many examples of men and women enjoying passionate, healthy, honest, happy, shared partnerships all over the world right now.

        dana

        so we should seek to emulate the gender norms of a tribe or two in africa rather than, say, those of the height of human civilization in history? like rome? victorian england?

        uh huh

        camille paglia notably said, and i paraphrase, “if it had been left up to women we’d all be living in grass huts”

        quod erat demonstratum

        why is it that women seem programmed to:

        1. defend “the enemy”, whatever it is at the moment
        2. fail to connect to dots consistently
        3. chop at the roots of the civilization that gives them unprecedented health, wealth, liberty, longevity, comfort and power?

        Jack the Ripper

        I agree with most except some parts of “Ignore her beauty”.

        Why never compliment a woman on her looks? I do it all the time – however, only with girls that I am already fucking and who are into me. It does not come off as needy or beta at all. I say it because I mean it and because it is true. Why shouldn’t I?

        Interested

        I doubt that that was the intent on that ‘commandment…”

        The point, I suspect, is that one is best advised to ignore the differences in Natural Beauty. That’s quite a different thing from ignoring how a woman maintains the attractiveness that she does have. My own experience is that, as experience grows, one cares more about the character of a woman, how well she can listen and contribute, her degree of security in her own gender (which tends to preclude anger and resentment toward men), her thoughtfulness (rather than her self-centeredness).

        I suspect that few women really see themselves as they are, preferring instead to compare themselves to, and guide their development toward, celebrity figures or ideals provided by the media.

        Realism

        “Independence and mutual support are more important
        than control. Bleh. Power games. Fuck that noise.”

        Idiot.

        Life is not a Disney movie. Everything in sex comes down to power relations.

        “Independence” and “mutual support” are fictions.

        “I feel really really sorry for the men who are reading this, implementing these things, and then thinking that they’ve “found the way” to be happy and still be “manly”.

        This “game” is nothing new. It’s called “lying”. Everyone in the dating world has done this for ages and it’s not some dark secret that if you act like an idiot you will attract an idiot. This is exactly what you guys are being taught.”

        Yeah well, “game” may be natural and all but it does not come natural to men, either because of genetics, culture or feminist instructions to men on how they should behave (betas, being clueless and not in touch with instinct take this bullshit to heart).

        Don’t think there’s anything pathetic going on here. Skills unknown to a man are being taught to him by those that do know skills. Knowledge is being imparted and the true dynamics of things are being illuminated.

        Nothing wrong with this.

        Is it “pathetic” to teach a child to read because he does not know how?

        You attitude is perverted.

        “You think it’s hard for ANY woman to get laid? Oh you poor deluded fool. I could get laid by a hot of my choosing in 5 minutes.”

        Yeah he is a deluded fool for even alluding to the idea that it’s difficult for women to get sex. What a dumbass suggestion.

        It’s plain as day that sex is something women can procure with ease and rapidity.

        Men have to worry about getting sex and strategy towards that end; women do not. That is just the way things are and there is no point pretending otherwise.

        “As a matter of fact, it’s so easy for women to get laid, that’s why men are so angry about the alleged power imbalance in a relationship.”

        “Alleged” power imbalance?

        Haven’t you just admitted that there is an inherent power imbalance in a male/female sexual relationship?

        “We have what you all want…and you have to share stupid rules like this with each other in order to get…what do you call it? Laid.”

        Oh well such is life. It’s not a level playing field as you rightly noted. Isn’t it better that (beta) men understand the rules and dynamics at play, rather than stay in the dark, or be informed instead by mainstream/feminist relationship “expects” who fill their head with useless garbage?

        “A top notch woman has a BRAIN and some respect for herself.”

        She may well do. She will still respond favourably to alpha signals and behaviour, however.

        “The predatory methods here are the same a serial killer would use to target their prey except with none of intellectual “selection”.”

        Absolute hyperbole.

        The strategies point out here allow a man to improve himself. They point out dynamics at play.

        I do not understand why women are so threatened by men elucidating the dynamics of the sexual arena.

        anon 3

        This is just basic human phsychology. People want the things they can’t have. These rules simply describe how to execute on that basic human psychology. There’s a catch though. If she figures out doing a mind job on her, the jig is up. You have to be smart about it. But if you are smart, human psychology says you can’t fail.

        >>>“Same with other girls after that. When I showed them the sweet, caring, nice guy, they lost interest. The girls I treat like normal people(Which means I’m an asshole to them) are all over me, but I don’t care about them. Would you care to explain to me what that problem is?”

        Yup. I’ve always been pretty good about maintaining the upper hand in a relationship. Any one of those girls would have married me, but I didn’t care to marry them. But then I finally meet the girl I do want to marry, and start being the man I should have been to all those other women, and that’s when I lost “hand.” When you lose “hand,” you lose the girl. The 16 rules are simply how to maintain that hand.

        Skadi

        All of these ‘commandments’ (except the one regarding the sex) are red flags that a man is not relationship material. These behaviors are a total repellent, signaling that the guy is not only useless, but that merely having him around would be unpleasant. You are very mistaken.. saying this for your own sake (as I feel you’re still a young man, in his early 20s, someone who can still be helped).. you sound extremely angry, these ‘commandments’ help you exert all that pent up frustration (because you live in a screwed society), but they will not help you get a good woman. But you don’t want it anyway.. right? :)

        Inteested

        If ever a proof-of-principal might be needed for the “commandments” under discussion, I would offer the comment of Skadi. Clearly, if they automatically repel women with her viewpoint, then considerable work has already been saved in the weeding-out process. The remaining women are much more desirable, and are worth the time to evaluate.

        Skadi

        Likewise. Makes the weeding out process quick and saves the time to look for a nice, considerate (and preferably good looking) beta that deserves my attention.

        fitzrite

        This almost straight out of Machiavelli.

        I have to agree with Lady Rain. Besides being arrogant and condescending, all of this assumes men are smarter than women and that women should be treated like children. This may be true for a certain type of woman, the kind you will probably WANT to be rid of. If those are the kind you like and if they make you feel superior (i.e., “alpha”), then go for it. If you prefer quantity over quality, this will work in the short run.

        High-quality women, however, will see right through this stuff. Don’t kid yourself–they are smarter than we could ever hope to be.

        That being said, I do agree with one aspect: Hang on to your dignity and your ethics. My wife says she respects me because I’m reasonable but not a pushover.

        There have to be mutual boundaries beyond which she can’t trespass (or you either). For example, I have never allowed my spouse or girlfriend to read my mail, my email, or rummage through my stuff; not that I have anything to hide–that is beside the point. I am not a child, and you are not my mother, and you just don’t have the right to do that. This works both ways. Don’t abdicate your personhood whether you’re male or female. Because if you do, after s/he inevitably dumps you, you will have nothing. Your ex won’t respect you, and you won’t respect yourself–and you will have very little to offer the next person who comes along.

        Yes, anyone who uses the word “poon” seems awfully immature.

        @fitz

        “Yes, anyone who uses the word “poon” seems awfully immature.”

        Argumentum Ad Hominum = inadequacy to reason and engage in logic & indicates that the user of Ad Hom attacks is a poor communicator. Poor communication is something someone would expect of an awfully immature person.

        Here, let me help your communication skills with an english lesson.

        “poon” clearly a derivative noun of “poontang”

        c.1910, probably via New Orleans Creole, from Fr. putain “prostitute,” from O.Fr. pute “whore,” probably from fem. of V.L. *puttus (cf. O.It. putta “girl”), from L. putus, with derogatory sense. But also possibly from O.Fr. put, from L. putidus “stinking” on notion of the “foulness” of harlotry, or for more literal reasons (among the 16c.-17c. slang terms for “whore” in Eng. were polecat and fling-stink).

        Further research shows that shortened form poon is 1st recorded from 1969.

        IainM

        fitzrite

        to the boundary list of items I never let a woman touch , I add my tools, my work car and the guys only night which happens about once every two weeks or so! Oh and when we go out her mobile stays off! Oh and when I take my son backpacking, hunting or fishing that is a boys only gathering.

        I wear the trousers in my house and if she pulls any of that feminist crap on me I let her know in no uncertain terms that she crossed a line. But in that respect they are like children as they will test your boundaries! Perhaps one of her friends or her sister have men who let them get away with all sorts of crap.

        It is not that women are smarter than us, but they are more devious, they learn how to manipulate us on thier mothers knees, they watch thier mothers in action and learn and learn well! Women are not thick and a man who assumes that is on a hiding to nothing!

        The quality women will size us up pretty quick! For them it is a take it or leave it choice. For the skank though, well they are just not worth the trouble. They will go with any deadbeat that comes along!

        I am essentially the same man that my lady decided to have children with all those years ago. In some things I have mellowed but my values have not changed. I read what you say about dignity, I would add self respect to that. We have a saying in the native tongue of my homeland which translated says “a man measures the quality of his character by the intelligence of his woman”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s