More wallpapers! Mais wallpapers!


English: fall leaves wallpaper, fall season wa...

English: fall leaves wallpaper, fall season wallpapers, fall wallpaper hd, fall colors wallpaper, fall harvest wallpaper (Photo credit: Wikipedia)

Como não dá mais para postar figuras aqui (exceto as que já salvei como rascunho), coloquei diversos papeis de parede no meu outro blog, confiram…

wallpapers 1

wallpapers 2

wallpapers 3

wallpapers 4

wallpapers 5

wallpapers for children 1

wallpapers for children 2

wallpapers for children 3

wallpapers for children 4

Given the fact that I can no longer post images here (except for those that have already been saved as drafts), I have posted several wallpapers in my other blog, check them out in the links above!

Niagara Falls & Chutes de Montmorency


Lindas essas fotos, né? Vieram daqui.  Só visitei esse lugar uma vez, e durante o verão (não, Niagara não é nem de perto tão monumental quanto as cataratas do Iguaçu, é diferente, cada pessoa prefere uma…a cor da água, porém, é lindíssima):

…essas fotos, apesar de lindas (claro! :P), são bem clichê. É raro ver foto, e ainda mais de boa qualidade, de quedas d’água no inverno, muito interessante…vi, ainda, uma foto impressionante das Chutes de Montmorency (Québec) no inverno também, muito legal – não a encontrei aqui na internet, mas aqui vão outras igualmente belas (clique nas fotos para vê-las em tamanho maior):

O pessoal inclusive faz uma caminhadinha básica e pratica esportes de inverno (como ski) por ali:

Ah, sim, o verão a aparência é outra, obviamente…;)

Até de noite é legal:

Essa foto me lembrou algo…no verão, existe uma competição internacional de fogos de artifício chamada Grand Feux Loto-Québec. É uma experiência que recomendo muito, pois não se trata de fogos de artifício normais, são dos mais elaborados/diferentes possíveis e sincronizados com música…sem contar que, ÓBVIO, eles iluminam a cachoeira e ainda por cima se refletem lá embaixo nas águas! Não me lembro quanto tempo exatamente durava o espetáculo, mas acho que era em torno de meia hora/40 min…ficava uma fumaceira só, claro!!! hahhaahah Mas vale muito a pena, você ali sentadinho assistindo (sim, o espetáculo é pago, lógico). Tinha gente que pegava seus próprios caiaques e ficava vendo ali de dentro da água mesmo (pena que essas duas fotos são pequenas):

AH-HÁAAA!!! Achei wallpapers no site oficial do evento, e mais algumas fotos grandes bem legais, sobretudo de um fotógrafo amador, Patrick Blouin (mas aí embaixo tem fotos de outras fontes também) – é só clicar para ver as fotos em tamanho grande:

“If we were flowers we would worship the sun…”


Aproveito a ocasião para enfatizar o quão bacana acho o projeto Flor Gentil (http://www.florgentil.com.br/) – se/quando puderem doar, favor fazê-lo, parece uma coisa meio bobinha mas acreditem, faz diferença. Flower power, babyyy!!!! 😉

Black roses are truly a thing of beauty. They can express a variety of meanings, and have deep symbolism due to their dark, mysterious color. They are commonly associated with black magic, anarchy, and witchcraft. However, they can also be used to convey rebirth or to express profound love (due to their rarity). Unfortunately, true black roses do not occur in nature. This is probably because no bee would want to fly into a black rose. Kidding! Ok, I honestly don’t know why we don’t have black roses. Regardless, there are some great alternatives out there:

True Black Roses

These are made by injecting black dye it the stem of a (typically) red rose.  The tint will not rub off the petal, however if a stem or petal is cut it can stain clothes, so be careful using them at formal events.  These are the closest thing to a truly black rose.

Baccara Black Rose

These are the closest you will get to a natural black rose.  They are darkest before they bloom, and open to a deep dark red color, with hints of dark blue.  A burgondy/blackberry/blueberry mix of colors, if you will.  They look deceptively black, especially when viewed under low light.  Baccara roses are unique in that they don’t have a flowery smell.  However, the gene that gives roses their botanical smell also takes away from their shelf life.  Because of this, Baccara roses will last a very long time in a vase.

Black Magic Rose

Black Magic roses are another natural rose of the hybrid tea variety.  They have a deep, velvety red color and are highly sought after for weddings and bridal showers.  Not quite as black as the Baccara but still extremely beautiful.

When to Give a Black Rose?

Black roses can be great for Halloween or other types of scary parties. They can also go well with black tie events, as a gift to someone interested in Gothic culture, or even to someone whose favorite color is black. A great way to give black roses is to mix them in with other colors, that way the black will contrast nicely with the lighter, more flowery colors. No matter what the occasion, black roses will be sure to make a beautiful and interesting gift.

 

In the presence of (Yes)

Deeper than every ocean
Deeper than every river
That’s what your presence brings to me

Revealing the words I listen
Seeing you in my silence
Learning I’m with you constantly
As I was before

If we were flowers
We would worship the sun
So why not now?
This high is shining brightly
Brighter than before

As the door was open wide
There inside was a diamond chair
Where I sat when I was young
I wrote down the words

Only when the young at heart
Can enter the real world
This chance I’ve waited for
For you to see

If I had chances I would spend them with you
To hold you close and let your love surround me
Deeper than before

(Deeper than every ocean)
And I know this love is real
(Deeper than every river)
Realize this is meant to be
That’s what your eyes they say to me
You are listening to how I feel
So expectedly
(Brighter than every morning)
From the ocean to the sky
(Beautiful as the sunset)
Every river to the sea
Nature surrounds me constantly
We can hear love constantly
This is for you and me

Turn around and come deeper now
So what happens when I touch you there
You feel the words roll over you
Thinking of the better scenes
The memories
As everybody else just
Hasn’t got the time
To help you anymore

‘Cause if the reason for
The things that pleasure us
To please ourselves
Not pressure us
To give our ego
Some pleasure time

Can you imagine
Any reason
To know you’re only fooling yourself
And then you’ll understand why
You’ll understand why

So if we choose to realize
All existence is a dream
This perfect resume to you
From me

Just had a tough time with magic
The death of ego
The moon
It was just coming through

Send me such a good time
In a letter form, tell me
The pleasure, no pressure
Pure imagination in a metaphoric dream

I get amazed like a true beginner
I get amazed like a true believer
I get amazed when I see you there
And I come alive

I believe I’m a true beginner
I believe I’m a true beginner
In your arms I can see it all
I can see it all

If we were flowers
We would worship the sun
So why not now?
This light is burning brightly
This light is burning brightly
Brighter than before
Brighter than before
Brighter than before
Brighter than before

Turn around and remember that
When it gets so low
As you finally hit the ground

Turn around and remember that
Now I’m standing tall
Standing on my sacred ground

Turn around and remember that
When it gets so low
As you finally hit the ground

Turn around and remember that
Now you’re standing tall
Standing on sacred ground
Standing on sacred ground
Standing on sacred ground

Uma…folheta ou borbolha?!?


Algo muito engraçado aconteceu ontem conosco: estávamos no quintal – fim de tarde, aquele mormaço gostoso, meu pai na rede, minha mãe lendo no banco de pedra, a cachorra indo e vindo agitada, e eu zanzando entre a cozinha (nossa, que sede esses dias!) e eles. Numa determinada hora, eu e meu pai resolvemos dar uma olhadinha nas orquídeas – recentemente ele dividiu um pé de orquídea que estava enorme e a amarrou em outro lugar, e fomos ver como estava…de repente vejo uma…folha?? Nada mais normal do que ver folhas quando se está num jardim! hahahahahah

Vão me chamar de retardada, mas achei tão bizarra aquela folha específica, não era para ela estar ali!!!! 😉 Comecei a apontar maravilhada e meu pai não entendeu nada! Depois de esperar algum tempo para ver se ele ia se tocar, e vendo que não se tocava, finalmente apontei novamente e disse que era uma borboleta. Só faltou ele me mandar pro hospício *rs* Comecei a dar muita risada, mas ao mesmo tempo queria muito ir pegar minha câmera para tirar fotos daquela borboleta tão diferente. Nisso minha mãe chegou e viu também, adorou tanto quanto eu, mas meu pai continuava “boiando” “ONDE? ONDE?????” “Aquiiii, óóó!!” e ele dizendo teimosamente que não passava de uma folha, afinal, até “cabinho” tinha *risos* Ele queria dar um peteleco na pobre coitada para nos provar que era uma folha…e eu querendo pegar a máquina, mas com receio de que ele fosse espantar a bichinha! Nota 10 de camuflagem para essa borboleta! 😀 Só não dou 11 porque meus olhos, apesar de ceguinhos, conseguiram percebê-la mesmo em seu habitat natural 😉

[Bom, no final das contas consegui filmar e tirar fotos. É uma pena que minha câmera seja uma dessas bem porcaria…:( Sai de foco o tempo todo, distorce as cores absurdamente e só tem 4X de zoom 😦 Se meu irmão tivesse aqui, teria tirado fotos maravilhosas!!!!! Pelo menos uma dessas fotos que achei aqui na net foi tirada com uma câmera decente, e dá para ver em detalhes :)]

Não conformado, e mais descrente que São Tomé *rsrsrs* meu pai teve que botar o dedo na bichinha…como era de se esperar, ela saiu voando, óbvio! Mas nos deu um susto! hahahaha O legal foi que ela continuou voando ao nosso redor, e foi parar numa outra árvore do nosso jardim. E eu continuei tentando filmar e tirar foto, LÓGICO!  Não podia perder a oportunidade, nunca vi nada igual, e nem tão “exótico” assim…talvez seja caipirice de menina da cidade, mas fiquei encantada e abismada com essa borboleta que parecia mais folha que as folhas das nossas plantas 😛 hahahahha

E ó, só para deixar registrado, meu pai, apesar de morar aqui na “cidade grande” há décadas, nasceu e morou metade da vida dele no campo e nunca tinha visto uma. Portanto…se sou caipira da cidade, sou tão caipira quanto o caipira real 😛

Enquanto estou carregando o(s) vídeo(s) (depois vou ver se saíram bons, razoáveis ou horríveis), fui pesquisar e parece que é uma espécie bastante “normalzinha” pelo jeito…mas sinceramente, nem sabia da existência disso – assim como não sabia da planta que dá ovo! (sim, meu pai viu um pé de ovo na feira e a comprou – foi a outra situação recente em que me senti abestalhada/criança de novo! hahahhaah)

Vídeos que fiz: 

EDITADO: hoje ela ainda estava aqui!! Agora, com bastante sol, ela voou bem baixinho e pousou, deu pra ver que ela é laranja por dentro, e por fora aquele marrom-folha 🙂

Incluí umas fotos da borboleta-folha que achei na internet…tem uma inclusive que é verde! Ela parece folha de parreira hahahahha 😛

Borboleta-folha
Quando suas asas estão abertas, a borboleta-folha é uma verdadeira explosão de cores. Mas quando o bichinho fecha as asas, sua camuflagem acontece: ela fica idêntica a uma folha morta. Elas vivem em áreas florestais na região de Madagascar e Nova Guiné [e pelo jeito aqui em SP e no RJ também!].

&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&&

Ah, quer saber? Vou aproveitar e colocar fotos de borboletas bonitas em geral (e de quebra um inseto-folha também, pronto!) 😛 Mas outro dia publico wallpapers de borboleta…achei aqui:

Borboleta transparente
Conhecida também como “asas-de-vidro”, como seu nome diz, suas asas são transparentes e o tecido entre as veias parece vidro. Podem ser encontradas no México.

Mariposa lunar
Tecnicamente é uma mariposa, mas não deixa de ter um padrão incrível.

Borboleta 88
O padrão diferente de suas asas deu a ela esse nome. As listras formam claramente o número 88. Elas vivem por aqui, no pantanal brasileiro.

Borboleta coruja
Essa, com certeza, você já viu em fotos. Suas asas possuem olhos muito similares ao de uma coruja. Elas normalmente são muito grandes e sua envergadura pode chegar a 16 centímetros. Vivem na América do Sul e na América Central.

Borboleta Rainha Alexandra [credo, olha só essa descrição!! cruel, hein :P]
É a maior borboleta do mundo e sua envergadura pode chegar a 30 centímetros. Quando está na fase de larva, ela come plantas venenosas e, quando passa pela metamorfose, ela própria fica venenosa e um predador que a coma vai passar mal. Vive em florestas tropicais em Papua Nova Guiné.

Esmeralda cauda-fina
Uma das poucas borboletas verdes do mundo, conhecida pelo formato de sua cauda e pela sua cor vibrante. É encontrada no sudeste da Ásia.

Borboleta zebra
Possui longas asas com listras amarelas e chamativas. Pode habitar diversos ambientes, desde florestas até jardins. É comum na Flórida e é considerada a borboleta – símbolo do estado.

Borboleta branca camuflada
Uma borboleta tropical que vive no México e nas Índias Ocidentais. Possui uma série de “olhos” na parte inferior das asas.

Borboleta-pavão
Outra que você, provavelmente, já viu em fotos. É conhecida pelos “olhos” violetas e chamativos que possui nas asas.

Borboleta branca da madeira
Conhecida pela sua aparência delicada e pelo seu tom branco-creme com veias cinzentas.

Borboleta mórmon
Papilio memnon é uma grande borboleta com cores contrastantes, bastante comum no sul da Ásia. As fêmeas conseguem se camuflar com bastante facilidade.

Borboleta “estranha”
Uma estranha borboleta ainda sendo pesquisada, encontrada no nordeste do Brasil.

Puxa, essa aí é lindona, hein! Será que já descobriram mais a respeito dela e a nomearam? Alguém sabe?

Mais bruxas

Esta galeria contém 85 imagens.


Meus arquivos relacionados a bruxas acabou, mas em compensação achei um blog, aqui no WordPress mesmo, exclusivamente dedicado a bruxas de verdade e ficcionais, do passado e do presente. Visitem que é bem legal! (para ver o link e as fotos, clique no título ou na foto acima)

Paisagens

Esta galeria contém 1 imagem.


Achei diversas dessas fotos num blog russo