A justiça é doce…


Em meio a tanta notícia ruim, como esta, foi muito bom ter lido esta outra…aguardo ansiosamente saber os resultados, tanto da decisão da juíza e as sentenças que irá distribuir, quanto do júri popular. Espero que façam jus, literalmente!

A Justiça decidiu, oito meses e 11 dias após o estupro coletivo de cinco mulheres e assassinato de duas delas no município de Queimadas, Agreste da Paraíba, que o acusado de ter planejado todo o crime irá a júri popular. Eduardo Pereira dos Santos, de 35 anos, foi pronunciado na última segunda-feira pela juíza da comarca do município, Flávia Baptista Rocha. O acusado será julgado pelos crimes de duplo homicídio qualificado, estupro, formação de quadrilha, cárcere privado e porte ilegal de armas. Caso condenado, poderá pegar até 133 anos de prisão.
Ainda não há data certa para a realização do júri, mas a previsão é de que seja realizado no início de 2013. A sentença dos outros seis acusados deverá ser proferida na próxima semana. Em uma festa de aniversário para Eduardo, os sete adultos e outros três adolescentes – que cumprem medida socioeducativa no Lar do Garoto, em Campina Grande – simularam uma invasão na casa e estupraram as convidadas do anfitrião. Como duas delas teriam reconhecido os agressores, eles as executaram.

A barbárie ganhou repercussão nacional na época, depois que a polícia divulgou que tudo fazia parte do plano dos irmãos Eduardo e Luciano Pereira dos Santos, de 22 anos. O estupro seria “um presente” de Luciano para Eduardo, que tinha interesse em uma das vítimas, mas ela não o correspondia.

Eduardo e Luciano estão detidos no presídio de segurança máxima PB1, que fica na capital paraibana, assim como os outros acusados: Everton Silva Santos, Jacó Sousa, Diego Domingos, Luan Barbosa Nascimento e Fernando França Júnior. Os últimos são respondem por estupro, formação de quadrilha, cárcere privado e porte ilegal de armas e, segundo o promotor Márcio Teixeira, que acompanha o caso pelo Ministério Público, não irão a júri popular porque não foram denunciados pelos assassinatos das jovens Isabela Pajuçara e Michele Domingos.

“A situação dos seis será decidida apenas pela juíza, que já está com a sentença praticamente pronta. As penas que serão aplicadas a cada um deles está sendo avaliada e a sentença deve ser proferida na próxima semana”, explicou Teixeira.

2 pensamentos sobre “A justiça é doce…

  1. Clara disse:

    nao encontro o banner do meu blog favorito por aqui.
    alem do mais, a fenix merece tooooodo o prestigio.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s